Brasil anuncia repatriamento de 883 brasileiros retidos em Portugal

20-03-2020 (12h56)

Pelo menos 883 brasileiros retidos em Portugal devido à pandemia do novo coronavírus devem regressar ao país sul-americano até Domingo, através de uma acção de repatriamento anunciada pelo Governo do Brasil.

A acção de repatriamento está a ser coordenada pelo Ministério do Turismo do Brasil, em conjunto com o Ministério das Relações Exteriores e com as companhias aéreas brasileira Azul e portuguesa TAP.

"Números preliminares apontam que 883 turistas brasileiros, que estão retidos em Portugal, deverão retornar ao país até ao próximo Domingo. (...) Esta é a terceira de uma série de acções coordenadas pelo Ministério do Turismo para repatriar brasileiros que estão em outros países durante a pandemia de coronavírus", diz um comunicado do executivo do Brasil.

As primeiras acções de repatriamento de brasileiros retidos em outros países devido à pandemia do coronavírus visaram o Peru e Marrocos.

“Neste momento de incertezas, o nosso compromisso é trazer de volta ao nosso país os milhares de brasileiros que estão em outros países, muitos a turismo, e que nesse momento precisam do apoio do Governo federal. Tenho convicção de que seremos bem-sucedidos nesta valorosa missão”, indicou o ministro do Turismo do Brasil, Marcelo Álvaro Antônio.

Mais de 620 brasileiros presos no Peru, devido às medidas restritivas impostas no país para impedir o avanço do novo coronavírus, vão ser repatriados hoje, sexta-feira.

Já em Marrocos, são 203 os brasileiros que têm o seu repatriamento agendado para o próximo Domingo.

O Governo brasileiro proibiu hoje a entrada de cidadãos estrangeiros de oito países da América do Sul nas suas fronteiras, devido à pandemia de Covid-19, através de uma portaria divulgada numa edição extraordinária do Diário Oficial da União.

O texto inclui na lista de restrição excepcional e temporária de entrada cidadãos da Argentina, Bolívia, Colômbia, Guiana Francesa (República Francesa), Guiana, Paraguai, Peru e Suriname, e informa que a proibição segue uma recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para tentar diminuir a circulação do novo coronavírus.

Pessoas destes oito países juntam-se assim aos venezuelanos, que desde esta quarta-feira estão proibidos de entrar no Brasil pela fronteira terrestre no estado de Roraima, localizado na região Norte do país.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 235 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 9.800 morreram.

Das pessoas infectadas, mais de 86.600 recuperaram da doença.

Depois de surgir na China, em Dezembro, o surto espalhou-se já por 177 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu é aquele onde está a surgir actualmente o maior número de casos, com a Itália a tornar-se, ontem, no país do mundo com maior número de vítimas mortais, com 3.405 mortos em 41.035 casos.

Em Portugal, a Direcção-Geral da Saúde (DGS) elevou hoje o número de casos confirmados de infecção para 785, mais 143 do que na quarta-feira.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Covid-19 avança no Brasil e já matou 111 pessoas

29-03-2020 (10h21)

O Brasil tem 111 mortos em dez estados pela covid-19 e 3.904 infectados pelo novo coronavírus, segundo informou hoje o Ministério da Saúde, que indica assim um aumento de 487 infectados em 24 horas.

Brasil proíbe entrada de estrangeiros por via aérea

28-03-2020 (10h21)

O Governo brasileiro proibiu, a partir de hoje, e por 30 dias, a entrada no país de todos os cidadãos estrangeiros por via aérea, de forma a travar a expansão do coronavírus.

Maracanã é transformado em hospital de campanha para doentes com covid-19

26-03-2020 (15h14)

O estádio do Maracanã, na zona Norte da cidade do Rio de Janeiro, vai ser transformado em hospital de campanha para tratar doentes infetados com o novo coronavírus, informou hoje o governador do estado brasileiro do Rio de Janeiro, Wilson Witzel.

Azul reduz operação em 90% até 30 de Abril

25-03-2020 (11h16)

A companhia de aviação Azul, fundada e presidida por David Neeleman, também accionista de referência da TAP, anunciou uma redução da sua operação que atinge 90% até 30 de Abril.

LATAM suspende voos Lisboa – São Paulo

23-03-2020 (08h33)

A companhia de aviação LATAM anunciou a suspensão dos voos Lisboa - São Paulo a partir de hoje, 23 de Março.

Noticias mais lidas