Beijing Capital já pode vender voos da China para sete destinos brasileiros, via Lisboa com a TAP

22-01-2018 (16h53)

Stand da TAP na ABAV 2017
Stand da TAP na ABAV 2017

A TAP informou que desde hoje a Beijing Capital Airlines, uma das companhias de aviação do seu accionista chinês HNA, já pode vender na China conexões em Lisboa para sete cidades brasileiras.

“Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza, Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador e Recife passam, assim, a ficar mais próximas e com ligações mais convenientes para os clientes da Beijing Capital Airlines”, diz o comunicado da companhia portuguesa.

“É assim expectável um aumento considerável de passageiros com origem ou destino China na rede da TAP e com origem ou destino Brasil na rede da Beijing Capital, com evidente benefício para Portugal, enquanto veículo para o reforço da mobilidade e proximidade entre dois importantíssimos mercados”, acrescenta a informação da companhia.

A TAP refere tratar-se de um “alargamento do acordo de code-share” que mantém desde Julho com a Beijing Capital Airlines, e que se traduz na colocação do código JD da chinesa “em voos seleccionados e operados pela TAP entre Portugal e o Brasil”.

A opção pelo alargamento ao Brasil da colaboração entre as duas companhias aéreas já tinha sido antecipado pelo o vice-presidente de Rede e Revenue Management da TAP, Elton D’Souza, que em declarações à CAPA TV salientara: “Temos a rota mais curta da China para São Paulo, via Lisboa, por exemplo, e podemos ligar aos nossos 11 destinos [no Brasil] directamente, o que não há muitas outras companhias aéreas que consigam oferecer no tráfego entre o Brasil e a China” (para ler mais clique: TAP com Hainan e Azul vão ter as melhores ligações entre a China e o Brasil).

 


Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Beijing Capital

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Embraer e Boeing aprovam acordo para criar nova empresa que absorve a brasileira

17-12-2018 (16h33)

As fabricantes de aeronaves brasileira Embraer e norte-americana Boeing anunciaram hoje que aprovaram os termos da parceria para criar uma nova empresa de aviação comercial, cuja execução depende de aprovação do Governo brasileiro.

Brasil autoriza estrangeiros a ter 100% do capital das companhias aéreas do país

14-12-2018 (16h59)

O Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou uma medida provisória que abre espaço para que estrangeiros assumam 100% do controlo do capital das companhias aéreas do país.

Manutenção e engenharia da TAP no Brasil prevê lucro de 3 milhões de euros em 2019 – Antonoaldo Neves

14-12-2018 (12h35)

O negócio da manutenção e engenharia da TAP no Brasil, a ex-VEM (Varig Engenharia e Manutenção), atingiu o equilíbrio operacional em 2018 e deverá alcançar em 2019 um lucro operacional de três milhões de euros, disse Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

TAP vai disponibilizar serviço gratuito de mensagens escritas em voos transatlânticos

13-12-2018 (18h25)

Os passageiros de voos transatlânticos da TAP vão ter à disposição gratuitamente um serviço de mensagens escritas ilimitadas, via wifi, anunciou hoje a empresa, salientando que é a primeira da Europa a proporcionar essa facilidade.

Avianca Brasil recorre à protecção de credores para resistir aos donos dos seus aviões

12-12-2018 (14h57)

A Avianca Brasil, uma das companhias de aviação do grupo Synergy dos irmãos Efromovich, recorreu à figura da protecção de credores, devido, segundo afirmou, “à resistência de arrendadores de suas aeronaves a um acordo amigável”.