...enquanto receitas turísticas brasileiras caem 3,6%

26-01-2018 (14h35)

Apesar de aumento a dois dígitos no último mês do ano

Os dados do Banco Central do Brasil relativos à receita turística, que são os gastos no país realizados por turistas estrangeiros, indica que em 2017 houve um decréscimo em 3,6% ou 214,58 milhões de dólares (172,6 milhões de euros), para próximo do valor do ano de 2015.

Segundo esses dados, no ano passado os turistas estrangeiros despenderam 5.809,21 milhões de dólares (4,67 mil milhões de euros) no Brasil, que é o montante mais baixo desde pelo menos 2014, ano em que os gastos se elevaram a 6.842,63 milhões.

Seguiu-se uma quebra em 14,6% ou quase mil milhões de dólares em 2015 para 5.843,95 milhões, a que se seguiu uma ligeira recuperação em 2016, com uma subida em 3,1% ou 179,84 milhões, que é praticamente o que voltou a ser perdido em 2017, se bem que o ano se tenha despedido com a maior variação positiva, em 11,1%, para 501,3 milhões de dólares (403,2 milhões de euros).

Ainda assim, como esse aumento em valor foi em 50,12 milhões de dólares enquanto o aumento dos gastos foi em 232,33 milhões, em Dezembro o Brasil registou um aumento do défice da balança das viagens internacionais em 182,21 milhões de dólares, atingindo 1.122,74 milhões (903,1 milhões de euros).

Dezembro foi, assim, o 8º mês consecutivo em que os gastos de turistas brasileiros no estrangeiro foi maior que os gastos de turistas estrangeiros no Brasil em mais de mil milhões de euros, contribuindo para que o défice no ano tenha atingido 13.192,42 milhões de dólares (10,6 mil milhões de euros), +55,7% ou mais 4.719,3 milhões (3,79 mil milhões de euros) que em 2016.

O défice da balança brasileira das viagens, porém, ainda ficou em 2017 abaixo do ano de 2014 em 5,53 mil milhões de dólares.

 

Clique para mais notícias: Balança brasileiras das Viagens e Turismo

Clique para mais notícias: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

ABAV Expo 2018 já tem reservado 80% do espaço para expositores

15-06-2018 (15h14)

A 46ª ABAV Expo Internacional de Turismo e 50º Encontro Comercial Braztoa, que acontece em São Paulo, no Brasil, de 26 a 28 de Setembro, já tem reservado 80% do espaço para expositores.

Air France programa mais voos para São Paulo e Rio de Janeiro

12-06-2018 (17h05)

A companhia de aviação francesa Air France, que forma o maior grupo aéreo europeu juntamente com a holandesa KLM e a low cost Transavia, actualizou nos sistemas de reservas a sua programação de voos para São Paulo e Rio de Janeiro, introduzindo mais ligações.

LATAM cresce menos do que esperava em Maio no Brasil e em voos internacionais

11-06-2018 (17h32)

O grupo LATAM, cuja subsidiária brasileira começa a voar para Lisboa em inícios de Setembro, terminou Maio com uma queda da taxa de ocupação por crescimentos do tráfego abaixo dos aumentos de capacidade nas rotas internacionais e em voos domésticos no Brasil.

Rotas internacionais geram 91% do crescimento da Azul em Maio

11-06-2018 (15h30)

A companhia de aviação brasileira Azul, que, como a TAP, tem David Neeleman como accionista de referência, cresceu 14% em Maio, ‘puxada’ por um aumento em 71,4% em rotas internacionais, uma das quais Lisboa, até ao presente a sua única rota europeia.

Vila Galé amplia resort na Bahia e analisa novos projectos no Nordeste do Brasil

11-06-2018 (15h03)

O grupo Vila Galé vai continuar a crescer no Brasil, afirmou o presidente do grupo hoteleiro, Jorge Rebelo de Almeida, que revelou que está a analisar novos projectos no Nordeste do país e que vai acrescentar ainda este ano mais de 90 quartos ao Vila Galé Marés, na Bahia.