Visitantes portugueses em Macau aumentam em Setembro por subida dos excursionistas

23-10-2018 (17h43)

Imagem: Wynn Palace
Imagem: Wynn Palace

Macau teve em Setembro um aumento das chegadas de visitantes residentes em Portugal em 1,4%, impulsionado pela subida em 10,3% do número de excursionistas, que são os visitantes que não pernoitaram no território.

As estatísticas publicadas hoje indicam que estiveram em Macau no mês de Setembro 1.003 visitantes residentes em Portugal, 745 deles turistas (que fizeram pelo menos uma dormida no destino), -1,3% que há um ano, e 258 excursionistas, +10,3% que em Setembro de 2017.

No conjunto dos primeiros nove meses deste ano, Macau contabiliza 10,9 mil visitantes residentes em Portugal, -0,7% que no período homólogo de 2017, com 2,7 mil excursionistas, +1,6% que há um ano, e 8,1 mil turistas, -1,4% que no ano passado.

Essas descidas do número de visitantes e de turistas residentes em Portugal, porém, foi mais que compensada pelas subidas nas suas estadas médias nos primeiros nove meses do ano, de 4,5 para 4,7 dias no caso dos visitantes e de 6,0 para 6,3 dias no casos dos turistas.

No mês de Setembro deste ano a estada média dos visitantes portugueses foi de 5,1 dias este ano, face a 5,0 em 2017, e a dos turistas foi de 6,9 dias, face a 6,4 no ano passado.

Portugal mantém-se assim o mercado emissor europeu cujos residentes que visitam Macau fazem estadas mais prolongadas.

Os dados da Direcção dos Serviços de Estatística e Censos indicam que Macau recebeu até Setembro 25,8 milhões de visitantes, com uma estada média de 1,3 dias, com 2,2 dias por parte dos turistas, que foram 13,6 milhões.

Macau teve assim não só mais visitantes (+8,3%) e mais turistas (+7,7%), como recebeu visitantes e turistas que permaneceram mais tempo, com os visitantes a subirem a estada média de 1,2 para 1,3 dias e os turistas de 2,1 para 2,2 dias.

A subida do número de visitantes foi principalmente pela subida de residentes na China Continental em 13,3%, para 18,22 milhões, com um aumento dos turistas em 13,1%, para 9,78 milhões.

 

Clique para mais notícias: Macau

Clique para mais notícias: Ásia & Pacífico

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Accionista chinês da TAP vai vender posição maioritária na Urumqi Airlines para enfrentar dívida

21-11-2018 (11h25)

O conglomerado chinês HNA, accionista da TAP através da Atlantic Gateway, anunciou hoje que vai vender a sua posição maioritária na companhia de aviação chinesa Urumqi Airlines, numa altura em que enfrenta problemas de liquidez.

Macau vai ter voos directos de/para a antiga capital chinesa de Xi’An a partir de dia 22

14-11-2018 (14h05)

A Zhejiang Loong Airlines, com sede em Hangzhou, inicia a 22 de Novembro a ligação directa entre Macau e a antiga capital chinesa de Xi’An, famosa por ser o limite oriental da Rota da Seda e localizar o Exército de terracota, representação dos exércitos de Qin Shi Huang, primeiro imperador da China.

Gigantes norte-americanos do jogo obtêm mais de metade das suas receitas em Macau

12-11-2018 (17h19)

Mais de metade das receitas de jogo dos três gigantes norte-americanos do jogo provêem de Macau e não dos Estados Unidos, um resultado que reforça a posição do território chinês como capital mundial do jogo.

Grupo Air France KLM formaliza parceria estratégica com gigante chinesa Ctrip

06-11-2018 (17h02)

O Air France KLM, maior grupo de aviação europeu em capacidade medida em lugares x quilómetros voados e a chinesa Ctrip, uma das maiores plataformas digitais o mundo, anunciaram a formalização de um acordo estratégico que dizem elevar o nível de cooperação.

Inscrições para a ATRTCM 2019 decorrem até 20 de Novembro

02-11-2018 (14h36)

As inscrições para a conferência ATRTCM 2019 (PATA Adventure Travel and Responsible Tourism Conference and Mart 2019), que tem o Intrepid Group, operador australiano como "featured buyer", estão a decorrer até 20 de Novembro.