Serviços de Turismo de Macau vão formar técnicos de países lusófonos

14-03-2018 (17h37)

Cerca de 30 funcionários governamentais de turismo de países lusófonos vão participar, até Julho próximo, em três acções de formação na área, em Macau, foi hoje anunciado.

De acordo com a informação publicada no 'site' do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Fórum Macau), as três acções vão ter uma duração de duas semanas cada.

Um segundo grupo deverá chegar em Maio e um terceiro em Julho.

O primeiro grupo, com participantes de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe, começou já na segunda-feira e vai estagiar em vários departamentos da Direcção dos Serviços de Turismo (DST), e dois dias de seminários no Instituto de Formação Turística (IFT) sobre eficácia na gestão de atracções turísticas, comportamento dos consumidores e criação da imagem de marca dos destinos.

O programa, organizado pela DST em cooperação com o Fórum Macau, inclui ainda visitas “a infra-estruturas turísticas, património histórico e cultural e outras atracções” do território, indicou.

Através do programa de formação, a DST pretende reforçar a aprendizagem mútua e o intercâmbio na área do turismo entre Macau e os países lusófonos, contribuindo para a formação e desenvolvimento de competências dos recursos humanos do sector dos países envolvidos, de acordo com o objectivo de transformar Macau num centro mundial de turismo e lazer e numa plataforma de serviços para a cooperação comercial entre a China e os países de língua portuguesa.

Entre 2012 e 2017, a DST prestou formação a 130 funcionários governamentais de turismo de países de língua portuguesa.

Em 2010, a DST assinou memorandos de entendimento para cooperação em matéria de turismo com Cabo Verde, Guiné-Bissau e Moçambique, em 2013 com Timor-Leste, e em 2015 com Angola.

Em 2016, a secretaria para os Assuntos Sociais e Cultura do Governo da Região Administrativa Especial de Macau assinou um protocolo de cooperação no domínio do Turismo com o Ministério da Economia de Portugal.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Macau

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Booking Holdings assina acordo para comprar HotelsCombined

11-07-2018 (14h34)

A Booking Holdings, grupo detentor da Booking.com, assinou um acordo para comprar o site de meta-pesquisa australiano HotelsCombined, aumentando desta forma a sua presença na zona da Ásia e Pacífico.

Macau promove aproximação entre regiões da Grande Baía e países lusófonos

11-07-2018 (13h04)

O chefe do executivo de Macau salientou num balanço da sua visita às regiões da Grande Baía que pretende reforçar a ideia de que Macau pode apoiar essas regiões na promoção de produtos e outros projectos junto dos países de língua portuguesa.

Xiamen Airlines abre reservas para rota Paris – Fuzhou

09-07-2018 (07h47)

A Xiamen Airlines, representada em Portugal pela APG, disponibilizou nos sistemas globais de reservas a sua nova rota entre Paris e Fuzhou, na China, que começa a operar a partir de 11 de Dezembro.

Aeroporto de Macau cresce 20% no primeiro semestre

06-07-2018 (09h30)

O Aeroporto de Macau teve no primeiro semestre um aumento médio de passageiros de 20%, com +22% no segmento dos que tinha o território como destino final.

Ocupação dos hotéis 5-estrelas de Macau supera os 90% nos primeiros cinco meses

29-06-2018 (17h06)

Os hotéis de 5-estrelas de Macau atingiram uma taxa de ocupação média de 91,6% nos primeiros cinco meses deste ano, mais 6,7 pontos que no período homólogo de 2017, por aumentos tanto do número de hospedes, em 11,7% ou 330,5 mil, para 3,15 milhões, como da estada média, de 1,6 para 1,7 noites.