“Mistura das culturas é o que faz Macau diferente”, Maria Helena de Senna Fernandes

12-03-2019 (18h43)

Macau está a apostar na diversificação dos seus atractivos e a herança portuguesa vai continuar a ter um papel importante, porque a “mistura das culturas é o que faz Macau diferente”, disse ao PressTUR a directora dos Serviços de Turismo de Macau, Maria Helena de Senna Fernandes.

“Fizemos vários inquéritos aos turistas e a atracção que sempre figura em primeiro lugar são as Ruínas de São Paulo, em segundo deve ser o Largo do Senado e terceiro, hoje em dia, já é a área de Cotai, que tem uma grande concentração de novos empreendimentos”, especificou a dirigente do turismo macaense.

A oferta de casinos já é conhecida, “não há muita necessidade de fazer a promoção do jogo”, e, por isso, “fazemos muita promoção sobre o património”, acrescentou.

Nesse sentido, Maria Helena de Senna Fernandes destacou a inscrição do Centro Histórico de Macau na lista do Património Mundial da UNESCO, em 2005, e, mais recentemente, em 2017, como Cidade Criativa na área da Gastronomia.

Em ambas as vertentes, património e gastronomia, há influência portuguesa e “por causa disso posso dizer que Portugal e esta mistura das culturas é o que faz Macau diferente e continua a ser uma herança importante para Macau”.

O jogo, contudo, “é um ponto muito forte e vai continuar a ser importante para Macau, mas ao mesmo tempo temos que desenvolver outras indústrias, como a indústria recreativa, a indústria de reuniões e convenções, a indústria da medicina tradicional chinesa” e outras, para transformar Macau num “centro mundial de turismo e lazer”.

Além disso, a Região Administrativa Especial de Macau também está empenhada em fortalecer a sua posição enquanto “ponte de ligação entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, acrescentou a directora de Serviços de Turismo.

“Para ser uma ponte ou uma plataforma de comércio entre a China e os Países de Língua Portuguesa, nós precisamos da língua portuguesa, temos que ter pessoas que possam fazer esta interligação entre a China e os Países de Língua Portuguesa. Portugal é muito importante para nós”, enfatizou.

Maria Helena de Senna Fernandes integra a delegação de Macau que está em Portugal esta semana, liderada pelo secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam, e que está a desenvolver uma “mega operação” de promoção no país (clique para ler: Macau prepara "mega operação" de promoção turística em Portugal).

 

Continua:

Macau leva operadores turísticos portugueses a conhecer a Grande Baía

 

Clique para ver mais: Macau

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Macau recebe mais de 3,5 milhões de visitantes em Fevereiro

22-03-2019 (14h56)

Macau, que no final do ano passado inaugurou a maior travessia marítima do mundo que conecta Macau, Hong Kong e Zhuhai, recebeu mais de 3,5 milhões de visitantes em Fevereiro, mês no qual se celebrou a chegada do Ano Novo Chinês.

Travelport e Japan Airlines juntam-se para criar um GDS líder no Japão

19-03-2019 (18h25)

A Travelport e a Japan Airlines assinaram um acordo para lançar uma joint venture que visa desenvolver um GDS líder no Japão, através da integração das plataformas Travelport Japan e a Axess International Network.

HNA vende participação na TAP à Azul e ao fundo norte-americano Global Aviation Ventures

15-03-2019 (13h02)

O conglomerado chinês HNA vendeu a participação de 9% que detinha na TAP através do consórcio Atlantic Gateway à companhia aérea brasileira Azul e ao fundo norte-americano Global Aviation Ventures.

Turistas portugueses “são bastante valiosos” para Macau, Alexis Tam

12-03-2019 (23h55)

O secretário para os Assuntos Sociais e Cultura de Macau, Alexis Tam, afirmou que os turistas portugueses “são bastate valiosos” devido ao elevado tempo médio de permanência no território, que foi o mais elevado entre os principais mercados europeus em 2018, segundo dados consultados pelo PressTUR.

Macau leva operadores turísticos portugueses a conhecer a Grande Baía

12-03-2019 (18h39)

Macau vai voltar este ano a convidar os operadores turísticos portugueses a participar na Feira Internacional da Indústria do Turismo de Macau (MITE), na qual irá promover o destino turístico da Grande Baía Guangdong - Hong Kong - Macau como itinerário multi-destino.