Macau promove Grande Baía junto de operadores turísticos portugueses

30-04-2018 (13h13)

A promoção do destino turístico da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau como itinerário multi-destino esteve em destaque nas conversações entre representantes da indústria turística de Portugal e da China, na 6ª edição da Feira Internacional da Indústria do Turismo de Macau (MITE).

De acordo com a Direcção dos Serviços de Turismo (DST), “representantes da indústria turística de Portugal e de outros países trocaram ideias, com parceiros de Guangdong, sobre o Intercâmbio de Turismo China-Portugal", partilhando ainda “ideias sobre itinerários multi-destino” e a sua implementação no mercado internacional, durante a 6ª Expo Internacional da Indústria do Turismo de Macau, que se realizou entre sexta-feira e Domingo.

Macau, que foi eleito pela Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo como destino preferido da associação para 2019 (para ler clique: Macau volta a ser destino preferido da APAVT em 2019), “pretende encorajar operadores turísticos de Portugal e outras partes do mundo a lançarem itinerários e produtos multi-destinos, para atrair mais visitantes de mercados de longo curso para a Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau”, declarou a DST.

Além de Guangdong, Hong Kong e Macau, a região da Grande Baía abrange nove localidades, designadamente Cantão, Shenzhen, Zhuhai, Foshan, Huizhou, Dongguan, Zhongshan, Jiangmen e Zhaoqing.

Esta região de nove cidades e duas regiões administrativas especiais conta com mais de 110 milhões de habitantes.

As autoridades da Região de Macau estão confiantes que a entrada em funcionamento, prevista para ainda este ano, da ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau será “uma importante infraestrutura para impulsionar o turismo multi-destinos”.

Segundo a DST, estiveram presentes na Expo Internacional de Turismo de Macau “cerca de 130 operadores turísticos de Portugal, Estados Unidos, Austrália, Japão, Coreia do Sul, Malásia, Tailândia, Indonésia e Índia, bem como do Interior da China, Hong Kong e da região de Taiwan”.

Estiveram também presentes na Expo membros da direção dos serviços turísticos de São Tomé e Príncipe, bem como representantes do Ministério do Turismo da Guiné-Bissau.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: Macau

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Tufão obriga a cancelamento de mais de 100 voos em Tóquio

08-08-2018 (12h30)

Mais de 100 voos foram hoje cancelados em dois dos principais aeroportos de Tóquio, devido à aproximação de um tufão da capital japonesa e com a chuva a começar a fustigar a cidade.

Aeroporto de Macau atinge recorde mensal de passageiros em Julho

02-08-2018 (14h01)

O Aeroporto Internacional de Macau anunciou hoje em comunicado que em Julho atingiu novos recordes, com 5,7 mil voos e 740 mil passageiros.

Casinos de Macau completam 24 meses seguidos de recuperação das receitas de jogo

01-08-2018 (15h41)

Os Casinos de Macau, que são a maior indústria de jogo a nível mundial, tiveram em Julho o 24º mês consecutivo de aumento das receitas brutas de jogo, com uma subida face a 2017 em 10,3% ou 2.363 milhões de patacas (292,3 milhões de euros), ficando, no entanto, ainda 4.158 milhões de patacas (514,3milhões de euros), abaixo de Julho de 2012.

Hotelaria de Macau recebeu mais de 6,8 milhões de hóspedes no primeiro semestre

30-07-2018 (10h31)

Os hotéis e pensões de Macau receberam mais de 6,8 milhões de hóspedes no primeiro semestre, mais 7,8% que no período homólogo de 2017, indicam dados oficiais hoje divulgados.

Primeiro ano dos voos Lisboa – Pequim garante perspectiva de “crescimento futuro” – Beijing Capital Airlines

26-07-2018 (12h12)

A Beijing Capital Airlines anunciou que transportou mais de 80 mil passageiros no primeiro ano de operação da rota Lisboa – Pequim, com 80% de ocupação na época baixa e 95% na época alta, o que é uma “garantia de uma perspectiva positiva de crescimento futuro”.