Hotéis 5-estrelas de Macau atingem taxa média de ocupação de 92,1% de Janeiro a Novembro de 2018

02-01-2019 (16h35)

Os hotéis de topo de gama de Macau tiveram em média 92,1% dos quartos ocupados de Janeiro a Novembro de 2018, mais cinco pontos que no período homólogo de 2017.

A informação divulgada pela Direcção dos Serviços de Estatística e Censos de Macau indica que a subida da ocupação dos hotéis 5-estrelas do território reflecte um aumento do número de clientes alojados em 12% ou 769,4mil, atingindo o total de 7,18 milhões, bem como uma subida da estada média em cerca de 6%, para 1,7 noites.

De acordo com os mesmos dados, a melhoria da ocupação dos hotéis de Macau é a tendência dominante nos primeiros onze meses de 2018, com o conjunto das unidades a ter um aumento médio em 4,2 pontos, para 91,3%, pelo aumento do número de hóspedes em 7,3% ou 866,2 mil, para 12,6 milhões, e manutenção da estada média em 1,5 noites.

Esta evolução foi em grande parte determinada pelos 5-estrelas que são as unidades com mais oferta no mercado, com 24,5 mil quartos em 35 hotéis, quando a oferta total de hotéis é de 38,1 mil quartos em 82 unidades.

Os 4-estrelas, que são a segunda categoria com mais capacidade (7,7 mil quartos em 17 hotéis), atingiram uma taxa de ocupação média de 91,1% de Janeiro a Novembro de 2018, em alta de 2,2 pontos, e os 3-estrelas, de que Macau contava em Novembro com cinco mil quartos em 16 unidades tiveram um aumento da ocupação em 5,4 pontos, para 91%.

Os 4-estrelas registaram até Novembro, inclusive, um aumento do número de hóspedes em 0,3% ou cerca de dez mil, somando 3,31 milhões, mas um decréscimo da estada média em cerca de 7%, para 1,2 noites, e os 3-estrelas tiveram um aumento do número de hóspedes em 1,2% ou 21,6 mil, para 1,8 milhões, e um decréscimo da estada média em cerca de 7%, para 1,3 noites.

Os hotéis de 2-estrelas, de que Macau contava 14 com cerca de 900 mil quartos em Novembro, são a única categoria a ter descida da taxa de ocupação nos onze meses até Novembro de 2018, com -2,5 pontos, para 72,2%, apesar de um aumento do número de hóspedes em 24,2% ou cerca de 65 mil, para 333,6 mil, e manutenção da estada média em 1,2 noites, porque têm um aumento do número de quartos disponíveis em 9,8%.

 

Clique para mais notícias: Macau

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Ásia&Pacífico

 

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Turistas portugueses em visita a Macau aumentam 39,3% em Maio

24-06-2019 (15h52)

Macau teve este mês de Maio um aumento em 39,3% do número de turistas residentes em Portugal, com o qual o balanço dos primeiros cinco meses do ano passou a ser um aumento em 7,6% ou 366, somando um total de 5.153.

Turkish Airlines programa aumentar capacidade para o Vietname no Verão de 2020

14-06-2019 (14h55)

A companhia de aviação turca Turkish Airlines, que tem voos de Lisboa e do Porto para Istambul, tem programado um aumento de capacidade entre o seu hub e os aeroportos vietnamitas de Hanói e Ho Chi Minh City.

KLM vai ter voo diário para Mumbai a partir de final de Outubro

03-06-2019 (16h25)

A companhia de aviação holandesa KLM, do mesmo grupo que a Air France e a Transavia, vai reforçar a oferta de voos entre o seu hub em Amesterdão Schiphol e Mumbai (designação oficial de Bombaim), maior cidade da Índia, a partir de 27 de Outubro, início do chamado Inverno IATA.

Hotéis 5-estrelas de Macau fecham primeiro quadrimestre com ocupação média de 92,1%

30-05-2019 (14h20)

Os hotéis 5-estrelas de Macau, que são a categoria com maior oferta de quartos no território, com 24 mil, alcançaram nos primeiros quatro meses do ano uma taxa média de ocupação de 92,1%, acima do período homólogo de 2018 em 0,4 pontos.

Tailândia recebeu mais de 18 mil portugueses nos primeiros quatro meses do ano

28-05-2019 (14h25)

A Tailândia recebeu 18.243 turistas portugueses nos primeiros quatro meses do ano, mais 1.303 ou mais 7,7% que no período homólogo do ano passado.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas