China fiscaliza voos internacionais com destino a Pequim

20-03-2020 (09h37)

Foto: China National Tourist Office
Foto: China National Tourist Office

A China começou hoje a desviar os voos internacionais com destino a Pequim, obrigando a uma escala para fiscalização, como medida para travar o aumento de casos importados da Covid-19.

A Administração da Aviação Civil da China informou que, desde as 00h01 de hoje, sexta-feira (16:01 em Lisboa), e até Domingo, dia 22, os voos da Air China e da Hainan Airlines, a partir de Moscovo, Paris, Tóquio e Toronto, vão ter de realizar uma escala preliminar para exames médicos aos passageiros.

A agência indicou que os voos da Air China, provenientes de Moscovo e de Paris (CA910 e CA934, respetivamente) e com destino a Pequim, vão aterrar na cidade vizinha de Tianjin, onde serão "sujeitos a quarentena e deverão prosseguir as formalidades de entrada no país".

"Os passageiros que atenderem aos requisitos poderão depois seguir para Pequim", de acordo com um comunicado.

O mesmo vai acontecer aos passageiros do voo da Air China proveniente de Tóquio (CA926), que vai aterrar em Hohbot, na Mongólia Interior. Também o voo da Hainan Airlines que partiu de Toronto (HU7976) vai aterrar em Taiyuan, no Noroeste da China.

O comunicado não indica o que vai acontecer aos passageiros que não cumprirem os requisitos para continuarem a viagem para Pequim, nem a duração da quarentena, que a China normalmente fixa em 14 dias.

Nos últimos cinco dias, a capital chinesa registou 43 casos importados de infeções pelo novo coronavírus SARS-CoV-2).

As autoridades locais estão agora focadas na prevenção do ressurgimento de um novo surto da Covid-19, sobretudo nas grandes cidades.

Pequim estava já a impor um período de quarentena de 14 dias num centro designado pelas autoridades para quem chegar à capital chinesa.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: China

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

China suspende entrada de cidadãos estrangeiros no país

27-03-2020 (12h17)

O Governo chinês anunciou que vai suspender temporariamente a entrada no país de cidadãos estrangeiros, excluindo pessoas com vistos diplomáticos ou de serviço, como medida de prevenção contra a propagação do novo coronavírus.

Air Asia suspende maior parte da operação

27-03-2020 (10h50)

A companhia aérea lowcost Air Asia, com sede na Malásia e filiais na Tailândia, Indonésia, Filipinas e Índia, vai suspender a maior parte da sua operação, devido à pandemia do novo coronavírus, por períodos que dependem das restrições aplicadas em cada um dos países onde tem filiais.

Governo indiano ordena confinamento dos 1,3 mil milhões de habitantes devido à covid-19

24-03-2020 (19h03)

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, ordenou hoje o confinamento total na Índia, que tem 1,3 mil milhões de habitantes, durante três semanas para tentar conter a pandemia da covid-19.

Hong Kong proíbe entrada de não residentes a partir de dia 25

23-03-2020 (14h45)

Hong Kong vai proibir a entrada a todos os não residentes, a partir de quarta-feira e durante 15 dias, afirmou a chefe do Executivo local, como parte das medidas para tentar conter a propagação do novo coronavírus.

China anuncia primeiro ensaio clínico de vacina contra o novo coronavírus

23-03-2020 (10h58)

A China iniciou o primeiro ensaio clínico para testar uma vacina contra o novo coronavírus, numa altura em que vários países estão numa corrida para encontrar um tratamento eficaz contra o patógeno, noticiou hoje a imprensa oficial.

Noticias mais lidas