Cathay Pacific compra a Hong Kong Express Airways

27-03-2019 (12h57)

Foto: Cathay Pacific
Foto: Cathay Pacific

A Cathay Pacific, companhia aérea de Hong Kong, anunciou hoje a compra da companhia low cost Hong Kong Express Airways, propriedade do conglomerado chinês Hainan Airlines Group (HNA), num negócio avaliado em 558 milhões de euros.

A maior companhia aérea de Hong Kong vai adquirir 100% da HK Express, que se tornará uma subsidiária da Cathay Pacific, numa operação que deve ser concluída até 31 de dezembro de 2019.

"A transação representa uma maneira atraente e práctica para o Cathay Pacific Group apoiar o desenvolvimento e o crescimento a longo prazo dos seus negócios de aviação e melhorar a sua competitividade", apontou a empresa em comunicado.

A HK Express faz parte do HNA, juntamente com cinco transportadoras de baixo custo da China continental: a Air Guilin, a Beijing Capital Airlines, a Lucky Air, a Urumqi Air e a West Air.

Este acordo surge numa altura em que o conglomerado chinês tem vindo a apresentar avultadas dívidas devido à alienação de activos, como a compra de imóveis em Nova Iorque e o investimento em acções do Deutsche Bank, no ano passado.

De acordo com a imprensa local, o conglomerado também está a tentar vender quase um terço da sua participação na Hong Kong Airlines, um plano que foi suspenso no ano passado após a morte súbita do co-presidente da HNA, Wang Jian.

A partir de agora, três das quatro companhias aéreas de Hong Kong serão controladas pela Cathay Pacific, deixando o grupo com o controlo de quase metade dos slots de pista no Aeroporto Internacional de Hong Kong.

A 22 de janeiro, a easyJet anunciou uma parceria com a Cathay Pacific para voos de ligação, passando esta companhia aérea a ser o novo parceiro da transportadora de baixo custo, no âmbito do seu serviço exclusivo de ligações ‘Worldwide by easyJet’.

A Cathay Pacific apresentou lucros de 264,3 milhões de euros em 2018.

Recentemente, a HK Express passou a fazer parte do programa de emissão de bilhetes interline da APG Portugal, como noticiou o PressTUR (Clique para ler: Programa de Interline da APG Portugal já conta com a Hong Kong Express Airways).

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Ásia & Pacífico

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Embraer apresenta novo avião em Macau para conquistar mercado asiático

12-07-2019 (13h52)

A Embraer, líder no segmento de aeronaves para voos regionais, apresentou em Macau o novo avião “TechLion”, mais eficiente e silencioso, com o qual pretende reforçar a presença no mercado asiático.

Aeroporto de Macau cresce 18% no primeiro semestre e atinge novos recordes

05-07-2019 (12h25)

O Aeroporto Internacional de Macau somou o recorde de 4,72 milhões de passageiros e 37 mil descolagens e aterragens no primeiro semestre deste ano, representando aumentos em 18% e 19%, respectivamente.

Macau passa a ter voos para Enshi

02-07-2019 (14h31)

Macau tem desde esta semana voos para Enshi, cidade sede de Enshi Tujia e Prefeitura Autónoma Miao, na província ocidental de Hubei, na República Popular da China, com a Zhejiang Loong Airlines (Loong Air).

Xi’an tem um novo hotel de luxo Ritz-Carlton

01-07-2019 (15h18)

A cidade de Xi'an, que terá voos de Lisboa a partir de 30 de Agosto, operados pela Beijing Capital Airlines, tem um novo hotel de luxo da cadeia The Ritz-Carlton, com 252 quartos e 31 suites.

Casinos de Macau voltaram a recuperar em Junho apesar da instabilidade em Hong Kong

01-07-2019 (15h00)

Os Casinos de Macau voltaram a ter aumento de receita de jogo em Macau, em 5,9%, depois de 1,8% em Maio, apesar da instabilidade em Hong Kong, com manifestações de rua gigantescas contra nova legislação que admite extradição para a China, e da crise das tarifas entre a China e os Estados Unidos.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas