Atentados matam 156 no Sri Lanka um deles um turista português

21-04-2019 (10h18)

Atentados bombistas hoje de manhã contra três igrejas e três hotéis no Sri Lanka provocaram 156 mortos, entre os quais 35 estrangeiros, sendo um português, segundo informação da cônsul de Portugal em Colombo, Preenie Pine.

De acordo com fontes policiais citadas pela agência de notícias francesa France Press registaram-se também mais de 400 feridos.

Em declarações à Lusa via telefone, a cônsul avançou que entre as vítimas está "um jovem português, com idade que ronda os 30 anos", que se encontrava num dos hotéis atingidos por uma das seis explosões que ocorreram esta manhã no Sri Lanka.

Preenie Pine acrescentou que há mais portugueses no país, mas "estão todos bem" e que está a dar apoio à mulher da vítima.

"É um dia muito triste, estamos chocados", comentou.

A capital, Colombo, foi alvo de, pelo menos, quatro explosões, em três hotéis de luxo e uma igreja. Duas outras igrejas foram também alvo de explosões, uma em Negombo, a norte da capital e onde há uma forte presença católica, e outra ao leste do país.

As explosões ocorreram "quase em simultâneo", pelas 08:45 (03:15 em Portugal), de acordo com fontes policiais citadas por agências internacionais. Os atentados não foram ainda reivindicados.

O último balanço indica 156 mortos entre eles 35 estrangeiros.

Os hotéis de luxo onde se registaram as explosões são o Kingsbury Hotel, o Shangri-La e o Cinnamon Grand Colombo, todos na capital.

"Por favor, permaneçam calmos e não sejais enganados por rumores", pediu o presidente do Sri Lanka, Maithripala Sirisena, numa mensagem à nação.

Também o primeiro ministro do país, Ranil Wickremesinghe, liderou uma reunião de emergência com altos cargos das forças de segurança e outros membros do Governo, entre eles o ministro para as Reformas Económicas e a Distribuição Pública, Harsha de Silva, que deu pormenores do encontro na rede social Twitter.

Imagens difundidas pelos meios de comunicação locais mostram a magnitude da explosão pelo menos numa das igrejas, com o tecto do templo semi-destruído, escombros e corpos espalhados enquanto muitas pessoas os tentam socorrer.

Os fiéis católicos celebram hoje o Domingo de Ressurreição, o dia mais importante entre os rituais da Semana Santa.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Ásia&Pacífico

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Macau recebeu mais de 3,4 milhões de visitantes em Abril

23-05-2019 (12h00)

Macau somou em Abril 3,432 milhões de visitantes, mais 471,3 mil ou mais 15,9% que no mês homólogo do ano passado, de acordo com os dados oficiais divulgados hoje.

Turismo português em Macau cresceu 28,9% em Abril

23-05-2019 (11h36)

Macau recebeu mais de 1.500 turistas portugueses no mês de Abril, o que corresponde a um aumento de 28,9% face ao mês homólogo do ano passado, de acordo com os dados oficiais divulgados hoje.

RIU abre dois hotéis em “duas ilhas paradisíacas” nas Maldivas

21-05-2019 (17h21)

A RIU Hotels & Resorts tornou-se a primeira cadeia hoteleira espanhola a entrar nas Maldivas ao inaugurar dois hotéis em “duas ilhas paradisíacas”, unidas por um passadiço sobre a água, com 800 metros de comprimento.

ISEG promove debate “Macau, Turismo e Desenvolvimento” esta sexta-feira

15-05-2019 (15h05)

O Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG), em Lisboa, promove esta sexta-feira um debate sobre as políticas de turismo implementadas no território nas últimas décadas e os planos da expansão económica da China.

Acordos entre Macau e Portugal podem ser alargados à Grande Baía

15-05-2019 (14h34)

O Governo de Macau anunciou que os acordos assinados com Portugal nas vertentes da educação, formação e turismo, poderão ser alargados às cidades da Grande Baía, onde vivem cerca de 70 milhões de pessoas.

Noticias mais lidas