Aeroporto de Macau tem centenas de voos cancelados até final de Março

11-02-2020 (15h44)

Actualmente o aeroporto só tem ligações para 20 destinos

O Aeroporto Internacional de Macau, na sequência das restrições impostas devido ao surto do coronavirus, anunciou que tem voos cancelados até pelo menos final de Março e que actualmente só disponibiliza ligações para 20 destinos.

Nos primeiros dias de Fevereiro (1 a 9), o Aeroporto de Macau teve uma quebra no número de passageiros na ordem dos 80%, sendo que o número de voos foi reduzido em mais de metade, 57%.

Nesse período marcado pelas restrições devido ao surto do novo coronavírus chinês passaram pelo aeroporto apenas cerca de 50 mil passageiros, num território que recebe mais de três milhões de turistas mensais e que é a capital mundial do jogo.

Dados fornecidos pela mesma entidade que gere o aeroporto dão conta de centenas de voos cancelados até pelo menos final de março.

À agência Lusa, a sociedade que gere o aeroporto adiantou que actualmente só é possível fazer a ligação para 20 destinos a partir de Macau, um número que continua a ser sujeito de ajustamentos efectuados pelas companhias aéreas.

Macau, que regista neste momento nove casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus chinês, não tem ligações marítimas com Hong Kong, nem para o aeroporto internacional do território vizinho.

O único acesso para o aeroporto de Hong Kong a partir de Macau só pode ser feito através da ponte Hong Kong-Macau-Zhuhai.

As medidas excepcionais impostas pelo Governo de Macau passaram pelo fecho dos casinos, envio de alunos e funcionários públicos para casa, e redução da frequência dos transportes públicos.

A epidemia provocada pelo coronavírus detetado em Wuhan causou já 1.018 mortos, dos quais 1.016 na China continental, onde se contabilizam mais de 42 mil infectados, segundo o balanço hoje divulgado.

Na segunda-feira, de acordo com os dados anunciados pela Comissão Nacional de Saúde da China, registaram-se no território continental chinês 108 mortes e foram detetados 2.478 novos casos de infecção, para um total de 42.638, em especial na província de Hubei (centro), onde perto de 60 milhões de pessoas permanecem em quarentena.

O balanço é superior ao da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS, na sigla em inglês), que entre 2002 e 2003 causou a morte a 774 pessoas em todo o mundo, a maioria das quais na China, mas a taxa de mortalidade permanece inferior.

O novo vírus, que provocou um morto em Hong Kong e outro nas Filipinas, afecta o território de Macau e mais de duas dezenas de países, onde os casos de contágio superam os 350.

Na Europa, contam-se desde segunda-feira 43 infectados, com quatro novos casos detectados no Reino Unido, onde a propagação do vírus foi declarada uma “ameaça séria e iminente para a saúde pública”.

A situação motivou a marcação de uma reunião de urgência de ministros da Saúde dos países da União Europeia para quinta-feira, em Bruxelas, enquanto a Organização Mundial de Saúde (OMS) enviou uma equipa de especialistas para a China para acompanhar a evolução.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Ásia & Pacífico

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CEO da MGM anuncia demissão

13-02-2020 (14h42)

O CEO da MGM Resorts desde 2008, Jim Murren, creditado com a expansão da companhia para a Ásia, com a abertura do MGM Macau em 2007 e do MGM Cotai em 2018, anunciou que vai deixar os cargos actuais, mas só concretizará a demissão quando a empresa tiver um substituto.

British Airways adia retoma dos voos para a China para 1 de Abril

10-02-2020 (14h59)

A British Airways, companhia de aviação do IAG que a 29 de Janeiro, em reacção ao surto do novo coronavírus anunciou a suspensão de todos os voos para a China Continental, prolongou agora essa suspensão até 1 de Abril.

Clientes das agências de viagens são reembolsados por cancelamentos de voos para a China em Fevereiro

07-02-2020 (16h19)

As agências de viagens em Portugal vão reembolsar os clientes que, antes do surto do coronavírus, tenho comprado viagens para Macau, Hong Kong e China continental em Fevereiro e as pretendam cancelar, garantiu hoje o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira.

Presidente da AHP prevê cancelamentos de reservas em Portugal no Carnaval devido ao surto do novo coronavírus

06-02-2020 (16h22)

O surto do novo coronavírus deverá levar ao cancelamento de reservas nos hotéis portugueses durante o Carnaval, afirmou hoje o presidente da Associação de Hotelaria de Portugal (AHP), que admitiu não ter conhecimento de já haver cancelamentos.

Iberia prolonga cancelamento de voos para a China até 30 de Abril

06-02-2020 (15h58)

A companhia de aviação espanhola Iberia, do IAG, prolongou o cancelamento dos seus três voos semanais entre Madrid e Xangai, até ao fim de Abril.

Noticias mais lidas