Aeroporto de Macau prevê receber mais de oito milhões de passageiros este ano

18-07-2018 (09h21)

O aeroporto internacional de Macau prevê receber mais de oito milhões de passageiros este ano, mais de 600 mil do que o previsto no início de 2018, uma estimativa justificada pelo crescimento registado no primeiro semestre.

Num comunicado divulgado na terça-feira, a Companhia do Aeroporto Internacional de Macau (CAM) revelou esperar, "depois de um primeiro semestre notável", mais de oito milhões de passageiros, 60 mil movimentos aéreos e 39 mil toneladas de carga em 2018.

No início do ano, eram esperados 7,38 milhões de passageiros em 2018, menos 620 mil do que a estimativa agora apresentada.

As últimas previsões prendem-se, segundo a companhia, com os números registados nos primeiros seis meses do ano, que foram de quatro milhões de passageiros e 30 mil voos, um crescimento homólogo de 20% e 12%, respectivamente.

A CAM atribuiu o aumento, no início de Julho, ao número crescente de visitantes do interior da China e Sudeste da Ásia, os dois grandes mercados, que subiram 41% e 13%, respectivamente.

Para justificar as estimativas, a companhia destacou ainda a abertura de novas rotas para destinos como Moscovo (Rússia), Tuguegarao (Filipinas), Kota Kinabalu (Malásia) e Phuket (Tailândia) e as três novas companhias aéreas que começaram a voar para Macau, designadamente a Royal Air Charter Service (Filipinas), a Small Planet Airlines (Lituânia) e a Royal Flight Airlines (Rússia).

O aeroporto concluiu em Fevereiro a expansão da parte Norte do terminal, estando agora a expandir a parte Sul. O projecto de expansão visa elevar a capacidade geral do aeroporto para dez milhões de passageiros por ano.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Macau

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Travelport é distribuidor exclusivo de voos domésticos da Air India

15-10-2018 (14h14)

A Travelport venceu um concurso realizado pela Air India para passar a distribuir de forma exclusiva o conteúdo de voos domésticos da companhia de aviação indiana.

Capital Airlines pede para ter voo directo entre o Noroeste da China e Lisboa

11-10-2018 (13h39)

A companhia de aviação chinesa Capital Airlines, do grupo Hainan, pediu autorização às autoridades chinesas para iniciar um voo directo entre Xi'an, célebre nomeadamente pelo 'Exército de Terracota', e Lisboa, depois de ter suspendido, este mês, o voo Hangzhou - Pequim - Lisboa, que era o único a ligar os dois países.

Aeroporto de Macau soma mais de dois milhões de passageiros no terceiro trimestre

11-10-2018 (13h23)

O Aeroporto Internacional de Macau (MIA) somou mais de dois milhões de passageiros no terceiro trimestre, o que corresponde a um crescimento de 13% face ao período homólogo do ano passado.

OMT prevê abrandamento do crescimento do turismo internacional este semestre

11-10-2018 (12h41)

A Organização Mundial do Turismo (OMT) prevê que o crescimento do turismo internacional, que estimou em 6% no primeiro semestre, abrande na segunda metade do ano, embora mantenha a perspectiva de "um forte impulso" este ano.

APG Portugal acrescenta Thai Airways ao seu programa de interline

10-10-2018 (10h30)

A companhia aérea tailandesa Thai Airways International passou a integrar o programa de emissão de bilhetes interline da APG Portugal, que já conta com 75 transportadoras.