Aeroporto de Macau prevê fechar receitas de 2018 acima de 540 milhões de euros

10-01-2019 (16h03)

Foto: Aeroporto de Macau
Foto: Aeroporto de Macau

O aeroporto internacional de Macau (MIA) indicou esperar receitas superiores a cinco mil milhões de patacas (cerca de 540 milhões de euros) em 2018, ano em que bateu o recorde do número de passageiros.

As receitas globais do aeroporto “alcançaram um marco histórico” no ano passado, de acordo com um boletim divulgado pela empresa gestora, a CAM - Sociedade do aeroporto internacional de Macau, que gere a infraestrutura.

Neste sentido, a empresa garantiu que vai “continuar a reembolsar as dívidas ao Governo e accionistas”.

Em 2018, o aeroporto de Macau registou um recorde de 8,26 milhões de passageiros, um aumento de 15% em relação a 2017 e “o tráfego de passageiros mais alto” de sempre, 12 vezes superior à população de Macau, sublinhou a empresa, num outro comunicado.

Actualmente existem 27 companhias aéreas a operar no aeroporto, ligando Macau a mais de meia centena de destinos.

Em 2018 passaram a operar no aeroporto seis novas companhias aéreas: a Small Planet Airlines, a Royal Air Charter Service, a Cambodia Airways, a KC International Airlines e a Zhejiang Loong Airlines.

Também no ano passado, o aeroporto de Macau adicionou dez novas rotas internacionais, incluindo Sanya, Qingdao, Xian e Kunming (China), Phuket e Krabi (Tailândia), Kota Kinabalu (Malásia), Tuguegarao e Cebu (Filipinas) e Taegu (Coreia do Sul).

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Macau

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Macau quer atrair mais convenções, congressos e exposições

17-01-2019 (14h07)

O Governo de Macau pretende tornar o território mais competitivo na atracção de mais convenções, congressos e exposições, o segmento MICE, apesar das melhorias neste sector nos últimos anos, anunciou hoje o secretário para a Economia e Finanças daquela região.

TAP prevê ter “em breve” voos em code-share Lisboa – Pequim, via Xi’an, diz Miguel Frasquilho

15-01-2019 (17h17)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, disse hoje que a companhia prevê ter “em breve”, previsivelmente “em Fevereiro ou Março”, um acordo de code-share com a Beijing Capital Airlines para vender os seus voos entre Lisboa e Pequim, via Xi’An.

Finnair vai voar de Helsínquia para Sapporo e Punta Cana

15-01-2019 (15h09)

A Finnair, que voa para Lisboa e tem programado voar também para o Porto no próximo Verão a partir de Helsínquia, vai inaugurar em Dezembro duas novas rotas de e para a capital finlandesa, nomeadamente Sapporo e Punta Cana.

Aeroporto Internacional de Macau quer reduzir as emissões de CO2 em 30% até 2028

15-01-2019 (14h38)

O Aeroporto Internacional de Macau anunciou hoje a intenção de reduzir as emissões de dióxido de carbono (CO2) em 30% por movimento até 2028.

Soltrópico promove webinar sobre Maldivas

07-01-2019 (15h15)

O operador turístico Soltrópico está a anunciar uma sessão de formação em formato webinar sobre as Maldivas, na próxima segunda-feira, dia 14 de Janeiro.