Aeroporto de Macau prevê atingir recorde de 8,7 milhões de passageiros em 2019

29-03-2019 (12h22)

O aeroporto internacional de Macau tem previsto alcançar este ano um recorde de 8,7 milhões de passageiros, informou hoje a empresa que gere a infraestrutura (CAM).

No ano passado, o aeroporto teve um aumento de 15% de passageiros face a 2017, alcançando um total de 8,26 milhões de passageiros.

Os dados foram avançados à imprensa após a reunião anual da assembleia-geral da CAM, que obteve no ano passado receitas brutas de 1,56 mil milhões de patacas (171,8 milhões euros) e lucros líquidos de 435 milhões de patacas (47,9 milhões de euros).

Além do número de passageiros, a empresa também avançou a previsão de, em 2019, enviar 43,8 mil toneladas de carga e alcançar um total 69 mil movimentos de voos.

O presidente da assembleia-geral da CAM, Charles Lo Keng Chio, atribuiu as previsões “às mudanças das indústrias” e aos resultados obtidos no primeiro trimestre, período em que o volume de passageiros cresceu 16% em termos anuais.

Chio indicou ainda que a ampliação do terminal de passageiros Sul do aeroporto, prometida na sequência do desenvolvimento sustentável da infraestrutura, deverá arrancar no segundo trimestre deste ano, prevendo-se a conclusão em 2020.

Actualmente existem 27 companhias aéreas a operar no aeroporto, ligando Macau a mais de meia centena de destinos.

Questionado sobre a possibilidade de uma companhia áerea operar um voo directo do território para a Europa, num futuro próximo, o responsável considerou que “beneficiaria Macau”, mas que tal “não depende apenas da vontade da empresa”.

“Esse é o nosso desejo, mas não depende só de nós (...) Estamos a planear negociar com agências de turismo, na tentativa de angariar clientes e promover voos semanais”, disse.

Em 2018 passaram a operar no aeroporto seis novas companhias aéreas: a Small Planet Airlines, a Royal Air Charter Service, a Cambodia Airways, a KC International Airlines e a Zhejiang Loong Airlines.

Também no ano passado, o aeroporto de Macau adicionou dez novas rotas internacionais, incluindo Sanya, Qingdao, Xian e Kunming (China), Phuket e Krabi (Tailândia), Kota Kinabalu (Malásia), Tuguegarao e Cebu (Filipinas) e Taegu (Coreia do Sul).

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Ver também:

Fundador da Air Asia admite instalação de base em Macau


Clique para ver mais: Macau

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Embraer apresenta novo avião em Macau para conquistar mercado asiático

12-07-2019 (13h52)

A Embraer, líder no segmento de aeronaves para voos regionais, apresentou em Macau o novo avião “TechLion”, mais eficiente e silencioso, com o qual pretende reforçar a presença no mercado asiático.

Aeroporto de Macau cresce 18% no primeiro semestre e atinge novos recordes

05-07-2019 (12h25)

O Aeroporto Internacional de Macau somou o recorde de 4,72 milhões de passageiros e 37 mil descolagens e aterragens no primeiro semestre deste ano, representando aumentos em 18% e 19%, respectivamente.

Macau passa a ter voos para Enshi

02-07-2019 (14h31)

Macau tem desde esta semana voos para Enshi, cidade sede de Enshi Tujia e Prefeitura Autónoma Miao, na província ocidental de Hubei, na República Popular da China, com a Zhejiang Loong Airlines (Loong Air).

Xi’an tem um novo hotel de luxo Ritz-Carlton

01-07-2019 (15h18)

A cidade de Xi'an, que terá voos de Lisboa a partir de 30 de Agosto, operados pela Beijing Capital Airlines, tem um novo hotel de luxo da cadeia The Ritz-Carlton, com 252 quartos e 31 suites.

Casinos de Macau voltaram a recuperar em Junho apesar da instabilidade em Hong Kong

01-07-2019 (15h00)

Os Casinos de Macau voltaram a ter aumento de receita de jogo em Macau, em 5,9%, depois de 1,8% em Maio, apesar da instabilidade em Hong Kong, com manifestações de rua gigantescas contra nova legislação que admite extradição para a China, e da crise das tarifas entre a China e os Estados Unidos.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas