TAP assinala 50 anos da rota Lisboa – Nova Iorque com um mural em Brooklyn

15-06-2018 (18h30)

Foto: TAP
Foto: TAP

A TAP assinalou hoje o 50º aniversário da abertura da sua primeira rota para os Estados Unidos, a rota Lisboa – Nova Iorque JFK, com um mural de promoção do Programa Stopover Portugal em Brooklyn.

Além do mural, a TAP também está a promover Portugal em 800 painéis publicitários e em 400 táxis na cidade de Nova Iorque.

“A TAP está a investir na divulgação do seu novo produto Stopover no mercado norte-americano”, sublinha a companhia aérea em comunicado, indicando que “é um instrumento fundamental para a estratégia de conquista dos Estados Unidos”.

O Stopover permite que um passageiro em viagem dos EUA para um destino na Europa usufrua de um a cinco dias em Portugal, sem custos acrescidos, período durante o qual “terá oportunidade de conhecer uma ou mais cidades”, o que a TAP considera “um estímulo para uma nova viagem com destino a Portugal”.

A aposta da companhia aérea na América do Norte iniciou em 2016 com a abertura das rotas de Boston, Nova Iorque – JFK e Toronto, bem como através do reforço dos voos para Miami e Newark, que passaram a frequência diária.

Assim, a companhia elevou a sua oferta para um total de 35 voos por semana para a América do Norte.

O mercado dos Estados Unidos “mais do que triplicou a sua importância para a TAP em termos de volume de receitas”, sublinha a companhia aérea em comunicado.

Entre 2016 e Maio deste ano, a TAP transportou nas suas rotas nos Estados Unidos mais de 1,3 milhões de passageiros.

Em Maio, a TAP transportou 62 mil passageiros nas suas rotas dos Estados Unidos, mais 10,4% que no mês homólogo do ano passado.

A companhia aérea perspectiva “um crescimento ainda maior de passageiros e destinos na América do Norte” com os novos aviões que prevê receber a partir do final do ano.

“Os novos A330neo e A321neo além de garantirem mais qualidade e conforto aos passageiros, vão permitir uma economia de custos que possibilitará à companhia ter um produto mais competitivo”, sublinha a TAP em comunicado.

A companhia aérea acrescenta que também deverá contribuir para o aumento do número de passageiros o acordo comercial com a JetBlue, através do qual a TAP liga os seus voos em Boston e JFK a 34 destinos da JetBlue nos Estados Unidos, entre os quais São Francisco, Los Angeles, Washington, Chicago, Las Vegas, Orlando, Detroit, New Orleans, Savannah, San Juan, Richmond e Tampa.

A TAP transportou cerca de 72 mil passageiros através do code-share com a JetBlue, celebrado em Junho de 2016.

 

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: TAP


Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Royal Caribbean encomenda de 6º navio da classe Oasis

18-02-2019 (18h26)

A Royal Caribbean Cruises, segundo maior grupo mundial de cruzeiros, anunciou ter formalizado hoje a encomenda de um 6º navio da classe Oasis, que prevê receber no Outono de 2023.

Norwegian vai voar Barcelona – Chicago e Atenas – Nova Iorque este Verão

18-02-2019 (15h33)

A Norwegian, considerada pioneira de voos de longo curso low cost, anunciou que este Verão vai operar voos directos entre Barcelona e Chicago e entre Atenas e Nova Iorque.

LATAM começa 2019 com crescimento ‘curto’ para o aumento de capacidade

12-02-2019 (11h45)

O grupo de aviação LATAM, formado pela integração da brasileira TAM na chilena LAN, indicou hoje que em Janeiro teve crescimento do tráfego em 5,1%, as ainda assim a sua taxa média de ocupação dos voos caiu 0,8 pontos, ficando em 85,5%.

Norwegian programa voar mais entre Espanha e os Estados Unidos

12-02-2019 (11h20)

A Norwegian, considerada pioneira de voos de longo curso low cost, vai reforçar as suas rotas entre Espanha e os Estados Unidos, em concorrência designadamente com a Level, do IAG, grupo que recentemente recuou no propósito de a adquirir.

United Airlines vai ter mais capacidade na rota Newark - Lisboa

11-02-2019 (16h30)

A companhia de aviação norte-americana United Airlines, membro da Star Alliance, como a TAP, tem programado utilizar aviões de maior porte na rota Newark (Nova Iorque) - Lisboa, a partir de 30 de Março.