RIU investe 150 milhões para construir dois resorts no Senegal

03-06-2019 (13h14)

Foto: RIU Hotels & Resorts
Foto: RIU Hotels & Resorts

A RIU Hotels & Resorts anunciou um plano de investimentos de 150 milhões de euros para construir dois resorts no Senegal, na zona de Pointe Sarène, “um destino paradisíaco que se encontra em processo de desenvolvimento turístico”.

O montante investido inclui a compra do terreno de 25 hectares e o desenvolvimento dos dois hotéis, sublinha um comunicado do grupo hoteleiro espanhol.

O projecto está dividido em duas fases, começando pela abertura de um hotel de gama “Classic”, que terá cerca de 500 quartos. A segunda fase prevê a construção de um hotel Riu Palace com capacidade para cerca de 800 hóspedes.

A aquisição do terreno decorre no âmbito da colaboração que a RIU está a desenvolver com a Sociedade para o Condicionamento e Promoção da Zona Costeira e Turística do Senegal (SAPCO), que está actualmente em fase de projecto e tem início previsto para Novembro.

A intenção das autoridades locais e turísticas em promover o destino tornou-se evidente com o desenvolvimento do novo aeroporto internacional Blaise-Diagne em 2017, que fica a 35 km do terreno adquirido pela RIU, e de uma estrada que o liga à cidade de Dakar, acrescenta o comunicado.

Em África, a RIU Hotels & Resorts é proprietária de seis hotéis, incluindo cinco em Cabo Verde e um na Tânzania, e tem a gestão de outros cinco hotéis em Marrocos.

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: RIU Hotels & Resorts

Clique para ver mais: Senegal

Clique para ver mais: África

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air France altera modelos de aviões que vai usar nos voos de/para Luanda

14-06-2019 (15h14)

A companhia de aviação francesa Air France, que tem voos de Paris para Lisboa e para o Porto, vai passar a voar do seu hub em Paris Charles de Gaulle e Luanda em Airbus A340-300, Boeing B777-200ER e Boeing B787-9, uma vez por semana cada um deles.

Governo de São Tomé quer “aliança formal” da STP Airways com companhia da Guiné Equatorial

14-06-2019 (14h13)

O Governo são-tomense, que indicou querer substituir a portuguesa euroAtlantic como parceira da STP Airways, revelou estar a trabalhar com a Guiné Equatorial na concretização de “uma aliança formal” entre as companhias de aviação dos dois países.

Ethiopian vai ter voos directos entre a Beira (Moçambique) e Adis Abeba (Etiópia)

14-06-2019 (13h23)

A companhia de aviação etíope Ethiopian Airlines, membro da Star Alliance, como a TAP, vai passar a ter voos directos entre a cidade da Beira, capital da província moçambicana de Sofala, e Adis Abeba, capital da Etiópia.

euroAtlantic admite sair da STP Airways, mas não empurrada, Tomaz Metello

11-06-2019 (17h47)

O fundador e presidente da Administração da euroAtlantic Airways, Tomaz Metello, admitiu hoje em declarações à Agência Lusa que a empresa deixe de ser accionista da companhia são-tomense STP Airways, mas quando entender.

Governo de São Tomé anuncia que STP Airways vai deixar de ter voos para Lisboa com a sua accionista euroAtlantic

11-06-2019 (16h06)

A companhia aérea portuguesa euroAtlantic Airways vai deixar de fazer os voos da STP Airways entre Lisboa e São Tomé a partir de Outubro, após a recusa das autoridades são-tomenses de estender o acordo em vigor, anunciou o Governo são-tomense, adiantando que "outros parceiros" assumirão a rota.

Noticias mais lidas