Operadores turísticos venderam 75% das dormidas de portugueses na hotelaria de Marrocos

20-02-2018 (16h51)

Chegadas de portugueses a Marrocos subiram 26% em 2017

Três quartos das dormidas de portugueses na hotelaria marroquina em 2017 foram realizadas por turistas que viajaram com pacotes de operadores turísticos, revelou hoje o director do Turismo de Marrocos em Portugal, Abdellatif Achachi, que realçou também a contribuição da TAP.

Abdellatif Achachi, que falava numa conferência de imprensa de apresentação da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, evento em que Marrocos é o Destino Internacional Convidado, anunciou que as chegadas de turistas portugueses a Marrocos subiram 26% no ano passado, com um aumento do seu número de dormidas na hotelaria em 21%.

Este desempenho “não é um milagre, mas sim [o resultado] do empenho de diversos actores, de empresas públicas e privadas, de operadores turísticos e da TAP”, no fundo, o resultado de “uma colaboração forte”, enfatizou o director-geral da Delegação Oficial de Turismo de Marrocos em Portugal.

Os números comprovam o ‘peso’ da operação turística para Marrocos, salientou Abdellatif Achachi, revelando que 75% das dormidas de portugueses em Marrocos no ano passado foram realizadas por turistas que viajaram com pacotes de operadores turísticos.

Marrocos vai continuar a promover os seus atractivos em Portugal, designadamente na BTL, que decorre entre 28 de Fevereiro e 4 de Março, com um stand de 108 metros quadrados onde estarão 12 co-expositores, três dos quais três regiões de turismo.

Chá, música tradicional, caligrafia, tatuagens de hena e cinzelagem de cobre irão animar o espaço de exposição de Marrocos durante a feira.

 

Clique para mais notícias: Marrocos

Clique para mais notícias: BTL

Clique para mais notícias: Feiras&Eventos

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

PR moçambicano lança primeira pedra para construção de aeroporto no sul de Moçambique

08-10-2018 (13h29)

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, lançou a primeira pedra para construção do Aeroporto Internacional de Xai-Xai, na província de Gaza, no Sul de Moçambique, um projecto orçado em cerca de 75 milhões de dólares (65 milhões de euros).

Novas tarifas aéreas entre ilhas de Cabo Verde entram em vigor no dia 28

08-10-2018 (13h23)

As novas tarifas no transporte aéreo entre as ilhas de Cabo Verde vão mesmo entrar em vigor a 28 de Outubro, apesar do pedido de adiamento da companhia aérea Binter, que chegou a ameaçar suspender as ligações após essa data.

Nova direcção da TAAG prepara privatização da companhia aérea

08-10-2018 (13h14)

O presidente da nova administração da companhia aérea angolana TAAG indicou que a privatização da empresa vai ser feita "gradualmente", devendo, primeiro, criar-se condições "adequadas e atractivas" para o investimento privado, noticiou a imprensa angolana.

Marriott anuncia primeiro hotel em Moçambique, em Nampula

01-10-2018 (16h17)

A Marriott, maior rede hoteleira do mundo, com mais de 1,16 milhões de quartos em quase seis mil hotéis em 2016, anunciou hoje que vai abrir a sua primeira unidade em Moçambique, em 2023, em Nampula, numa área que terá também um centro comercial, um hospital e escritórios.

TAAG vai contar com mais aviões a partir do próximo ano

29-09-2018 (15h38)

A companhia aérea angolana TAAG, líder nas ligações entre Angola e Portugal, como voos para Lisboa e para o Porto, vai adquirir, em 2019, 11 novos aviões de médio curso e um número ainda não informado de Boeing 787 Dreamliner, de longo curso, no quadro do seu programa de modernização da transportadora.