Meliá vai abrir ainda este ano hotéis em Marraquexe e no Dubai

30-04-2018 (11h59)

Imagem: Meliá Hotels International
Imagem: Meliá Hotels International

A Meliá Hotels International vai abrir até ao final do ano um resort familiar em Marraquexe, o Sol Marrakesh, que será a quinta unidade do grupo em Marrocos, e um hotel de luxo no Dubai, o Desert Palm Dubai.

O Sol Marrakesh, o segundo hotel na cidade, na zona de Palmeraie, a nove quilómetros do centro e a 18 quilómetros do aeroporto, vai operar sob a marca de resorts familiares Sol by Meliá.

O hotel vai contar com 211 quartos que incluem 25 villas, 6 hectares de área interna e externa, serviços e instalações como Spa, ginásio, piscina com solário, discoteca, teatro, quatro campos de ténis, um campo de futebol, e área para golfe.

Esta unidade foi erguida em 1988 e encontra-se neste momento em processo de renovação para cumprir os padrões da marca.

O Desert Palm Dubai, por sua vez, dispõe de 38 quartos, suites e villas, a cerca de 20 minutos do centro da cidade.

As instalações do hotel, além de áreas de restauração e wellness, incluem o The Desert Palm Polo Club com quatro campos de polo de primeiro nível, e ainda uma escola de equitação.

O acordo para o hotel, segundo a Meliá informou em comunicado, deve-se à boa relação entre a Meliá Hotels International e a Albwardy Investment Group, proprietários das instalações, com quem têm outros acordos na Tanzânia e na Argentina.

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Meliá Hotels International

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

PR moçambicano lança primeira pedra para construção de aeroporto no sul de Moçambique

08-10-2018 (13h29)

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, lançou a primeira pedra para construção do Aeroporto Internacional de Xai-Xai, na província de Gaza, no Sul de Moçambique, um projecto orçado em cerca de 75 milhões de dólares (65 milhões de euros).

Novas tarifas aéreas entre ilhas de Cabo Verde entram em vigor no dia 28

08-10-2018 (13h23)

As novas tarifas no transporte aéreo entre as ilhas de Cabo Verde vão mesmo entrar em vigor a 28 de Outubro, apesar do pedido de adiamento da companhia aérea Binter, que chegou a ameaçar suspender as ligações após essa data.

Nova direcção da TAAG prepara privatização da companhia aérea

08-10-2018 (13h14)

O presidente da nova administração da companhia aérea angolana TAAG indicou que a privatização da empresa vai ser feita "gradualmente", devendo, primeiro, criar-se condições "adequadas e atractivas" para o investimento privado, noticiou a imprensa angolana.

Marriott anuncia primeiro hotel em Moçambique, em Nampula

01-10-2018 (16h17)

A Marriott, maior rede hoteleira do mundo, com mais de 1,16 milhões de quartos em quase seis mil hotéis em 2016, anunciou hoje que vai abrir a sua primeira unidade em Moçambique, em 2023, em Nampula, numa área que terá também um centro comercial, um hospital e escritórios.

TAAG vai contar com mais aviões a partir do próximo ano

29-09-2018 (15h38)

A companhia aérea angolana TAAG, líder nas ligações entre Angola e Portugal, como voos para Lisboa e para o Porto, vai adquirir, em 2019, 11 novos aviões de médio curso e um número ainda não informado de Boeing 787 Dreamliner, de longo curso, no quadro do seu programa de modernização da transportadora.