Fórum Mundial do Turismo começa hoje em Luanda

23-05-2019 (09h27)

A capital angolana, Luanda, acolhe a partir de hoje a reunião do Fórum Mundial do Turismo, um encontro que deverá juntar 1.500 participantes e servirá para promover o investimento e impulsionar o sector no país.

O evento, que decorre até Sábado, é tido pelas autoridades angolanas como passível de promover oportunidades de investimentos nos sectores da Construção, Transportes, Energia e Águas e Agricultura e proporcionar a criação de empregos, pelo facto de o Turismo ser uma indústria de investimento de paz e de lazer, bem como de oportunidades.

Além de reunir em Luanda os líderes mundiais da indústria do Turismo, o Fórum Munidal do Turismo (WTF, na sigla em inglês) vai abordar temas como "Turismo em África", "Turismo Digital ou Informatizado", "O Papel do Governo nas Viagens de Negócio", "Porquê Investir em Angola?", e "O Segredo ou a História do Sucesso dos Destinos Turísticos", entre outros assuntos.

O Fórum Mundial do Turismo é uma organização global que realiza eventos turísticos em diferentes partes do mundo, para impulsionar o turismo global.

A organização prevê investir nos próximos cinco anos 1.000 milhões de dólares (cerca de 900 milhões de euros, ao câmbio actual) no sector em Angola, disse esta terça-feira o presidente da organização.

Bulut Bagci, que se encontra em Luanda para presidir à reunião que começa hoje na capital angolana, falava à margem de um encontro com jornalistas para dar conta dos preparativos da conferência anual da organização.

Na mesma ocasião, a ministra do Turismo angolana, Ângela Bragança, afirmou que, ao acolher a iniciativa, o objectivo do Governo é atrair investidores estrangeiros e grandes operadores mundiais, além de turistas de lazer.

Segundo Ângela Bragança, Angola vai trabalhar com o WTF durante um período não inferior a cinco anos, com o objectivo de desenvolver a actividade turística, atrair investidores e promover a imagem do país.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: África

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air France altera modelos de aviões que vai usar nos voos de/para Luanda

14-06-2019 (15h14)

A companhia de aviação francesa Air France, que tem voos de Paris para Lisboa e para o Porto, vai passar a voar do seu hub em Paris Charles de Gaulle e Luanda em Airbus A340-300, Boeing B777-200ER e Boeing B787-9, uma vez por semana cada um deles.

Governo de São Tomé quer “aliança formal” da STP Airways com companhia da Guiné Equatorial

14-06-2019 (14h13)

O Governo são-tomense, que indicou querer substituir a portuguesa euroAtlantic como parceira da STP Airways, revelou estar a trabalhar com a Guiné Equatorial na concretização de “uma aliança formal” entre as companhias de aviação dos dois países.

Ethiopian vai ter voos directos entre a Beira (Moçambique) e Adis Abeba (Etiópia)

14-06-2019 (13h23)

A companhia de aviação etíope Ethiopian Airlines, membro da Star Alliance, como a TAP, vai passar a ter voos directos entre a cidade da Beira, capital da província moçambicana de Sofala, e Adis Abeba, capital da Etiópia.

euroAtlantic admite sair da STP Airways, mas não empurrada, Tomaz Metello

11-06-2019 (17h47)

O fundador e presidente da Administração da euroAtlantic Airways, Tomaz Metello, admitiu hoje em declarações à Agência Lusa que a empresa deixe de ser accionista da companhia são-tomense STP Airways, mas quando entender.

Governo de São Tomé anuncia que STP Airways vai deixar de ter voos para Lisboa com a sua accionista euroAtlantic

11-06-2019 (16h06)

A companhia aérea portuguesa euroAtlantic Airways vai deixar de fazer os voos da STP Airways entre Lisboa e São Tomé a partir de Outubro, após a recusa das autoridades são-tomenses de estender o acordo em vigor, anunciou o Governo são-tomense, adiantando que "outros parceiros" assumirão a rota.

Noticias mais lidas