Egipto introduz novo sistema de vistos electrónicos para 46 países

27-06-2018 (12h06)

O Governo do Egipto introduziu um novo serviço de atribuição de vistos electrónicos, através do qual cidadãos de 46 países, incluindo Portugal, podem obter um visto de entrada online.

O objectivo da nova medida passa por simplificar a viagem, acelerar o processo de controlo de fronteiras e evitar o congestionamento nos aeroportos.

O serviço de eVisa que o Egipto introduziu permite obter online vistos turísticos de entrada única por 25 dólares e vistos turísticos de entradas múltiplas por 60 dólares.

Os vistos têm a validade de 90 dias a partir da data de emissão e permitem ficar no Egipto um período máximo de 30 dias por cada entrada.

Os passaportes têm que ter validade mínima de oito meses à data de entrada no Egipto.

Podem obter visto através do novo sistema eVisa os cidadãos da Albânia, Austrália, Áustria, Bélgica, Bulgária, Canadá, Croácia, Chipre, República Checa, Dinamarca, Estónia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda, Itália, Japão, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Macedónia, Malta, Moldávia, Mónaco, Montenegro, Países Baixos, Coreia do Norte, Noruega, Polónia, Portugal, Roménia, Rússia, Sérvia, Eslováquia, Eslovénia, Coreia do Sul, Espanha, Suécia, Suíça, Ucrania, Reino Unido, Estados Unidos da América e Vaticano.

 

Clique para mais notícias: Egipto

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Solférias, Soltrópico e Abreu contratam charters à TAP para pacotes de Carnaval e Páscoa em Cabo Verde

10-09-2018 (17h25)

A Solférias, a Soltrópico e a Viagens Abreu contrataram à TAP voos charter para as ilhas cabo-verdianas do Sal e da Boavista no Carnaval e na Páscoa, disse ao PressTUR fonte de uma das empresas.

Depressão tropical obrigou a cancelar 20 voos domésticos em Cabo Verde

03-09-2018 (11h11)

A passagem de uma depressão tropical por Cabo Verde levou ao cancelamento de 20 voos domésticos, na sexta-feira e Sábado, além da suspensão da maioria das ligações marítimas entre ilhas, estando a situação a ser normalizada.

Ethiopian Airlines prepara começar voos domésticos em Moçambique a partir de Outubro

31-08-2018 (11h43)

A Ethiopian Airlines, que se apresenta como a maior companhia de aviação africana, vai iniciar voos domésticos em Moçambique a partir de 1 de Outubro, segundo informou o presidente da empresa Aeroportos de Moçambique, Emanuel Chaves.

TUIfly Nordic programa voar para Cabo Verde de Copenhaga, Helsínquia e Estocolmo este Inverno

29-08-2018 (15h43)

A TUIfly Nordic, companhia de aviação do maior grupo mundial de operadores turísticos e agências de viagens baseada no Norte da Europa, indicou aos sistemas globais de reservas que este Inverno tem programado voar de Copenhaga, Helsínquia e Estocolmo para as ilhas cabo-verdianas da Boavista e do Sal.

Aeroporto de Maputo espera atrair mais tráfego internacional com nova certificação

28-08-2018 (10h46)

O Aeroporto Internacional de Maputo, capital moçambicana, recebeu um novo certificado que eleva a sua capacidade de resposta para voos comerciais, esperando com isso atrair mais tráfego internacional.