Bissau, a porta de entrada para a Guiné, a apenas quatro horas de de Lisboa

10-03-2017 (15h48)

A capital da Guiné-Bissau está a apenas quatro horas de voo de Lisboa, e pode ser vista como uma porta de entrada para conhecer um país com uma oferta turística rica em natureza, cultura e uma forte ligação histórica ao povo português.

Um dos destaques de Bissau é o Mercado de Bandim, onde é possível passear junto a uma das avenidas principais da cidade e encontrar todo o tipo de produtos para venda, desde legumes e frutas exóticas, a mobília, electrodomésticos e automóveis recentes.

O Mercado de Bandim tem o característico ambiente movimentado de um centro de comércio onde circulam milhões de euros diariamente, sem deixar de ser uma experiência agradável para quem quer conhecer um pouco melhor a vida na capital da Guiné-Bissau.

Durante a noite é possível escolher um dos restaurantes da cidade, como o clássico Dom Bifanas, para conhecer um pouco da gastronomia local, e deixar a noite correr nos bares e discotecas da cidade, como o bar X Club e a discoteca Tabanka, que contam com uma selecção de bebidas internacionais e locais.

Bissau, fundada a 15 de Março de 1692, conta com quase 400 mil habitantes, e tem um clima de savana, com temperaturas entre os 17 e os 30 graus durante todo o ano.

A ligação aérea com a capital da Guiné-Bissau faz-se para o Aeroporto Internacional Osvaldo Vieira, para o qual a euroAtlantic faz duas ligações directas semanais com Lisboa, à quarta e à sexta-feira, bem como a TAP, que faz três ligações directas com Lisboa, às terças, quintas e Sábados. Os voos têm uma duração de cerca de quatro horas.

Os voos da euroAtlantic às quartas e às sextas partem de Lisboa às 9h para chegar a Bissau às 13h25, regressando às 16h para chegar a Lisboa às 20h.

Os voos da TAP às quintas e aos Sábados partem de Lisboa às 21h30 e chegam a Bissau no dia seguinte às 1h50, regressando às 2h40 para chegar a Lisboa às 6h50.

Os voos da TAP às terças-feiras, disponíveis a partir de 28 de Março, partem de Lisboa às 19h20 para chegar a Bissau às 22h45, regressando às 23h45 para chegar a Lisboa às 5h do dia seguinte.

A língua oficial do país é o português, sendo que a língua mais falada é o crioulo da Guiné-Bissau.

A moeda corrente é o franco CFA (XOF), uma moeda que também é utilizada no Benin, Burkina Faso, Costa do Marfim, Mali, Níger, Senegal e Togo, cuja cotação é 1 euro a equivaler a cerca de 656 francos CFA.

O clima no país é tropical, caracterizado por uma atmosfera quente e húmida, com duas estações distintas: a estação seca, entre Dezembro e meados de Maio, durante a qual há menos humidade e os dias são mais frescos; e a estação das chuvas, entre meados de Maio e Novembro, com a chuva a predominar durante a noite e especialmente nos meses de Julho e Agosto.

A Guiné-Bissau está organizada nass regiões de Bissau, Bolama (Arquipélago dos Bijagós), Gabú, Bafatá, Biombo, Cachéu, Oio, Quinara e Tombali, que abrangem uma área de 36.125 quilómetros quadrados e tem uma população de cerca de 1,9 milhões de habitantes (de acordo com os dados de 2017 do site countrymeters.info).

O país faz fronteira com o Senegal a Norte, com a Guiné-Conacri a Sul, e é banhado pelo Oceano Atlântico a Oeste.

 

O PressTUR viajou para a Guiné-Bissau a convite da euroAtlantic, no âmbito da primeira famtrip de operadores turísticos portugueses ao país

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Comentários
  • Suleiman junior

    Fico muito feliz!!

    18-03-2017 (08h53)


Escrever comentário

Outras Notícias

TAAG junta operadores e parceiros para jantar de Natal em Lisboa

06-12-2019 (11h44)

A companhia de aviação angolana TAAG juntou operadores turísticos e outros parceiros esta quinta-feira em Lisboa, para um jantar de Natal que encerrou com uma actuação do novo embaixador da companhia, o cantor Matias Damásio.

África do Sul atribui ajuda financeira de cem milhões de euros à South African Airways

05-12-2019 (15h00)

O Governo sul-africano anunciou hoje uma “ajuda financeira” de mais de cem milhões de euros à companhia de aviação South African Airways (SAA), que entrou em colapso na sequência da greve no mês passado que obrigou ao cancelamento de centenas de voos.

Cabo Verde espera arrecadar 19 milhões de euros em 2020 com taxa que substituiu vistos

03-12-2019 (17h11)

O Governo cabo-verdiano prevê arrecadar em 2020 perto de 19 milhões de euros com a Taxa de Segurança Aeroportuária (TSA), introduzida em Janeiro deste ano para compensar a perda de receitas com a isenção de vistos.

TUI prevê abrir resort Magic Life na Boavista no próximo Inverno

02-12-2019 (14h17)

O Grupo TUI prevê abrir no Inverno de 2020/2021 o seu oitavo hotel em Cabo Verde, um resort da marca Magic Life na ilha da Boavista com 575 quartos, parque aquático e cinco piscinas, distribuído por 108 mil metros quadrados.

TAAG anuncia voos para Lagos desde 556 euros com saída de Portugal

28-11-2019 (14h00)

A TAAG anunciou que vai começar a voar entre Luanda e Lagos, na Nigéria, no dia 15 de Dezembro, destacando preços desde 556,33 euros para ligações de ida e volta com saída de Lisboa e do Porto.

Noticias mais lidas