Aeroportos espanhóis já somam mais de cem milhões de passageiros

12-06-2019 (15h13)

Foto: Nils Nedel / Unsplash
Foto: Nils Nedel / Unsplash

Os aeroportos espanhóis estavam no fim de Maio com um aumento de 5,3 milhões de passageiros (+5,6%), com o qual ultrapassaram os cem milhões, atingindo um total de 100,64 milhões, de acordo com os dados divulgados pela empresa gestora, a AENA.

O Aeroporto Adolfo Suarez da capital, maior aeroporto da rede da AENA, com 23,7 milhões de passageiros no fim de Maio, é o que mais contribui para esse aumento, ao somar mais 1,32 milhões que nos primeiros cinco meses de 2018, seguindo o Aeroporto de Barcelona EL Prat, com mais 996,3 mil (+5,3%), com os quais atinge um total de 19,7 milhões.

Palma de Maiorca mantém-se o terceiro maior aeroporto, com 8,73 milhões de passageiros, e é também o que tem o terceiro maior aumento, com mais 623,4 mil que há um ano (+7,7%), seguido por Málaga, com um aumento de 432,6 mil (+6,4%) e um total nos primeiros cinco meses de 7,16 milhões.

Gran Canária, para onde a TAP começou a voar em 2017, é o 5º maior, com 5,64 milhões de passageiros no fim de Maio, mas é também o único no Top10 dos aeroportos espanhóis a ter queda de passageiros nos primeiros cinco meses, em 0,3% ou 17,8 mil.

Seguem-se Alicante, com 5,3 milhões de passageiros e o 5º maior aumento dos primeiros cinco meses, com mais 401,8 mil (+8,2%) que no período homólogo de 2018, e Tenerife Sul, com 4,8 milhões, mais 213,7 mil (+4,6%) que no ano passado.

Valência tem o 8º maior total de passageiros em aeroportos espanhóis até ao fim de Maio, com 3,23 milhões, e o 7º maior aumento do período, com mais 353,6 mil (+12,3%), e a seguir a Valência, com o 9º maior total dos primeiros cinco meses mas o 4º maior aumento homólogo, está Sevilha, respectivamente com 3,05 milhões e uma subida de 529,7 mil (+21%).

O Top10 dos aeroportos espanhóis em número de passageiros nos primeiros cinco meses deste ano encerra com Lanzarote, que tem um total de 2,98 milhões, +2% ou mais 58,6 mil que há um ano.

A informação divulgada pela AENA sobre o tráfego nos aeroportos espanhóis sob sua gestão indica que no mês de Maio tiveram um total de 24,6 milhões, com um aumento em 3,4% ou 819,5 mil.

Esse abrandamento relativamente ao aumento médio dos primeiros cinco meses foi a tendência dominante nos principais aeroportos, com a principal excepções a ser Madrid, que teve um aumento em 5,2% ou 258,4 mil, para 5,2 milhões.

Já em Barcelona o aumento foi em 2,9% (mais cerca de 132 mil), para 4,68 milhões, e em Palma de Maiorca foi em 0,9% (mais 29,9 mil), para 3,18 milhões.

Acima do aumento médio no mês estiveram, além de Madrid, os aeroportos de Málaga, com aumento em 4,1% (mais 77,5 mil, para 1,91 milhões), Alicante, com +7,2% (mais 94,3 mil, para 1,4 milhões), Tenerife Sul, com +5,2% (mais 39,3 mil), para 794,6 mil, Valência, com +9,6% (mais 65,2 mil, para 747 mil), e sobretudo Sevilha, com +19,6% (mais 112,1 mil), para 685 mil.

A informação da AENA especifica que do total de 24,626 milhões de passageiros no mês de Maio, 24,559 milhões eram de voos comerciais, 17,228 milhões dos quais internacionais, que tiveram assim um aumento médio em 2,7%, e 7,331 milhões de voos domésticos, em alta de 5,3%.

 

Clique para mais notícias: Aeroportos espanhóis

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Thomas Cook precisa de mais 200 milhões para evitar colapso

20-09-2019 (16h52)

O grupo Thomas Cook, considerado o segundo maior da Europa na operação turística e agências de viagens, confirmou que precisa de mais 200 milhões de libras (226 milhões de euros) para evitar o colapso.

Ryanair espera voar com Boeing 737 Max em Fevereiro/Março

20-09-2019 (15h50)

O CEO do Grupo Ryanair, Michael O’Leary, afirmou que Fevereiro ou início de Março é a previsão mais real para começar a voar com aviões Boeing 737 Max, modelo proibido de voar desde Março, após dois acidentes fatais.

Exportações portuguesas de turismo estagnaram em Julho

20-09-2019 (15h28)

Apesar de Portugal ter contabilizado em Julho mais quase cem mil turistas residentes no estrangeiro (+5,8%), segundo o INE, os seus gastos no país, contabilizados como exportações de turismo pelo Banco de Portugal, tiveram uma quase estagnação.

Beijing Capital muda voos de/para Lisboa para o novo aeroporto da capital chinesa

20-09-2019 (13h42)

A Beijing Capital, única companhia de aviação chinesa a voar de/para Portugal, vai alterar o aeroporto de partida/chegada a Pequim para o novo aeroporto da capital chinesa, o Beijing Daxing (PKX).

Aeroporto do Porto vai renovar o sistema ILS para melhorar aterragens quando há nevoeiro

19-09-2019 (17h38)

O Aeroporto do Porto vai ter um “renovado sistema ILS (Landing Sistem, ou sistema de aterragem, em tradução livre) para garantir melhores condições” à infraestrutura, nomeadamente quando há nevoeiro, revelou hoje à Lusa a NAV – Navegação Aérea de Portugal.

Noticias mais lidas