Vendas das agências de viagens RAVT subiram 2% em 2018

06-05-2019 (10h25)

As agências de viagens RAVT tiveram no ano passado um aumento de cerca de 2% das suas vendas globais face ao ano anterior, segundo Maria José Silva, CEO da rede, que perspectiva um crescimento menor para este ano.

O aumento das vendas registado no ano passado foi atingido apesar de um decréscimo do número de balcões na rede, “em cerca de 2%, devido a problemas pessoais que acabaram por influenciar de forma inesperada clientes”, indicou Maria José Silva, num comunicado.

“A produção situa-se em pouco mais de 60 milhões de euros, analisando apenas os fornecedores contratados pela RAVT”, indica a CEO da rede, concluindo que o ano foi “razoavelmente positivo”, com aumentos de preço médio por viagem, número de clientes a viajar e rentabilidade.

Os destinos de Sol e Praia foram os mais vendidos, com destaque para as Caraíbas, Cabo Verde, Algarve, Ilhas Espanholas e Sul de Espanha, seguindo-se City Breaks na Europa, “com um incremento muito forte na hotelaria, e algum incremento das low cost”.

Maria José Silva destaca ainda a comercialização de cruzeiros, circuitos europeus, viagens longas (luas-de-mel, Tailândia, São Tomé e Dubai), assim como os parques temáticos.

Os principais fornecedores da RAVT, por sua vez, foram as empresas Soltour, Solférias, Veturis, Nortravel, Ávoris, Soltrópico, Marsol, Teldar, Tour 10, MSC Cruzeiros, W2MPRO e Viajar Tours.

Para este ano, a RAVT perspectiva “um ano semelhante ao anterior, talvez um crescimento menor como indicam todos os parâmetros de economia internacional, embora com um estabilizar de formas de trabalhar e agir após segundo ano de novas leis”.

A CEO da rede prevê “um desacelerar nos valores de produção, maiores irregularidades e atrasos nomeadamente na aviação e aeroportos, alguma instabilidade política e as habituais greves”, além de “maior reforço de segurança para evitar terrorismo e calamidades” e “mais burocracias para alguns destinos devido a necessidade de novos registos, vistos, pagamentos de taxas várias”.

As agências da RAVT e os seus fornecedores reuniram-se este Sábado, dia 4 de Maio, para o Fórum RAVT - XIV Convenção Nacional, no Grande Hotel do Luso, juntando cerca de 150 participantes, incluindo 80 agentes de viagens da rede.

 

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: RAVT

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aeroporto do Porto também alcançou Top5 crescimento em 2019

26-02-2020 (15h00)

O Aeroporto do Porto teve em 2019 o 5º mais forte aumento de passageiros entre os aeroportos europeus que têm anualmente entre dez milhões e 25 milhões de passageiros.

Minor promove Miguel Garcia a director de Operações para hotéis urbanos em Portugal

26-02-2020 (14h57)

A Minor Hotels, proprietária da rede hoteleira Tivoli, promoveu Miguel Garcia para o cargo de director regional de Operações para Urban Hotels Portugal.

Minor contrata ex-director do Bairro Alto Hotel para hotel manager do Tivoli Avenida Liberdade

26-02-2020 (14h55)

A Minor Hotels contratou o ex-director do Bairro Alto Hotel, João Prista von Bonhost, para o cargo de hotel manager do Tivoli Avenida Liberdade.

Meliá anuncia inauguração do "sonho da marca ME by Meliá"

26-02-2020 (14h52)

A Meliá Hotels International está a anunciar a inauguração do hotel de luxo ME Dubai, marcada para 1 de Março deste ano, no edifício The Opus by Omniyat no Dubai, desenhado pela arquitecta Zaha Hadid.

Aeroporto de Lisboa foi o 11º da Europa em aumento de passageiros em 2019

26-02-2020 (14h30)

O Aeroporto de Lisboa, “esgotado” há pelo menos dois anos, segundo a concessionária e o Governo, foi, ainda assim, o aeroporto europeu que teve o 11º maior aumento de passageiros no ano de 2019, com mais 2,16 milhões que em 2018 e mais 4,5 milhões que em 2017, segundo dados do Airports Council International, Europa.

Noticias mais lidas