Moura (Beja) vai criar oferta de actividades náuticas no Alqueva

06-11-2018 (17h28)

A Câmara de Moura e a empresa gestora do Alqueva, no Alentejo, querem criar uma estação náutica, composta por várias infra-estruturas, para aproveitar as potencialidades do concelho e da albufeira para actividades náuticas.

Trata-se da Estação Náutica Lago de Alqueva - Moura, que prevê a construção de equipamentos e infra-estruturas para actividades náuticas no concelho de Moura, distrito de Beja, a maioria junto à coroa da barragem, explicou hoje à agência Lusa o presidente do município, Álvaro Azedo.

Segundo o autarca, o projecto da estação, que é coordenado pelo município e envolve vários parceiros, como a Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva (EDIA), pretende “agregar, fomentar, consolidar e aproveitar potencialidades” do concelho e do Alqueva no sector da náutica.

Neste sentido, referiu Álvaro Azedo, o projecto prevê criar “uma oferta integrada, competitiva e credível” de equipamentos e infra-estruturas para promover o concelho como destino náutico, “fazendo das actividades náuticas um motor de desenvolvimento turístico”.

A estação, que já foi certificada pelo Fórum Oceano - Associação de Economia do Mar, permitirá realizar eventos e disponibilizará produtos e serviços do sector da náutica, como passeios marítimo-turísticos, desportos náuticos, aluguer de material para actividades náuticas e de embarcações, táxi fluvial, pesca turística, desportiva e amadora, alojamento, restauração e comércio.

As obras de construção dos equipamentos e infra-estruturas da estação, uma a cargo da EDIA e as restantes do município, vão decorrer em quatro fases, adiantou, referindo que a autarquia ainda vai definir os orçamentos da maior parte das obras a seu cargo e procurar formas de as financiar.

Segundo o autarca, as obras dos equipamentos e infra-estruturas a cargo do município irão arrancar “sempre de forma sustentada e à medida que for garantido financiamento”.

A primeira fase prevê a construção da Plataforma Central de Lazer junto à coroa da barragem, numa obra da EDIA, que já tem financiamento garantido e deverá começar em Setembro de 2019 e terminar durante o primeiro semestre de 2020.

A plataforma vai incluir infra-estruturas de apoio ao turismo náutico e aos operadores com actividades na zona, como um espaço de cafetaria e casas de banho.

A segunda fase prevê a construção de três áreas de serviço de auto-caravanas, uma junto à barragem, uma na aldeia da Estrela e outra junto ao Cais da Barca, numa obra do município, que já tem financiamento garantido e deverá terminar no segundo semestre de 2019, disse.

As terceira e quarta fases, cujas obras a cargo da câmara deverão começar em 2020, incluem a construção, junto à coroa da barragem, respectivamente, do Centro Náutico de Moura/Alqueva e de equipamentos de recreio e lazer, como uma piscina flutuante e uma praia fluvial.

No âmbito do projecto, está a ser construído e deverá começar a funcionar até ao final deste ano o Centro de Remo do Ardila, numa parceria entre uma empresa e o Grupo União Safarense.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Cá Dentro

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Belcanto é o único português nos 100 melhores restaurante do mundo

19-06-2018 (22h50)

O Belcanto, do chef Avilez, é o único restaurante português a figurar na lista dos melhores do mundo hoje divulgada pela revista Restaurant, que tem um novo líder, a Osteria Francescana de Massimo Bottura, em Modena, Itália.

Casinos de Macau estão com melhor começo de ano desde 2014

02-05-2018 (10h29)

Os Casinos de Macau tiveram pela primeira vez desde 2014 mais de cem mil milhões de patacas de receitas de jogo, evidenciando uma aceleração da retoma que analistas internacionais consideram reflectir o êxito na captação de turistas que impulsionam o jogo recreativo.

ATA avalia em 500 milhões de euros o VAB do turismo de golfe no Algarve

10-04-2018 (19h38)

O turismo de golfe no Algarve gerou em 2017 uma riqueza global de 500 milhões de euros e originou 16.800 empregos, concluiu um estudo divulgado hoje pela Associação de Turismo do Algarve (ATA).

Recuperação da Rússia e do Brasil acelera crescimento do turismo mundial para 6,6%

08-11-2017 (17h11)

A Organização Mundial do Turismo (OMT) perspectiva que o crescimento do turismo mundial acelere de 3,9% no ano passado para 6,6% este ano, quando em Janeiro apontava para um aumento em 3% a 4%, com a recuperação dos mercados emissores da Rússia e do Brasil a contarem-se entre os ‘motores’ dessa aceleração e a Europa do Sul, onde se inclui Portugal, entre os destinos mais beneficiados.

Receitas dos Casinos de Macau atingem máximo mensal dos últimos três anos

01-11-2017 (22h24)

Desde Outubro de 2014 que os Casinos de Macau não apresentavam um montante tão elevado de receitas de jogo como o de Outubro deste ano, em que atingiram 26.633 milhões de patacas (2.789,3 milhões de euros), além de completar 15 meses de recuperação.

Ultimas Noticias