Tribunal italiano condena proprietário de empresa de “fake reviews”

13-09-2018 (18h10)

O Tribunal Criminal de Lecce condenou o proprietário da PromoSalento, empresa que vendia pacotes de “fake reviews” a estabelecimentos de hospitalidade em Itália, a nove meses de prisão e ao pagamento de 8.000 euros.

A TripAdvisor, que divulgou esta condenação em comunicado, afirmou que participou no processo de acusação com a partilha de provas da actividade fraudulenta da PromoSalento, e manifestou intenção de colaborar com outras entidades para o combate a este tipo de fraude.

Brad Young, vice-presidente do Conselho Geral Associado da TripAdvisor, citado no comunicado, afirmou que a empresa entende que esta é "uma sentença histórica para a internet".

"Escrever fake reviews sempre foi considerado uma fraude, mas esta é a primeira vez que vemos alguém a ser enviado para a prisão como resultado", notou.

A TripAdvisor "investe muito na prevenção de fraude", acrescentou o vice-presidente, destacando as mais de 60 empresas de fake reviews cuja actividade foi encerrada desde 2015, e afirmou a vontade da empresa em "colaborar com entidades reguladoras e forças da autoridade para apoiar os seus processos".

Pascal Lamy, presidente do World Committee on Tourism Ethics da UNWTO (OMT), citado no comunicado da TripAdvisor, afirmou que as "avaliações falsas violam claramente as directrizes do World Committe on Tourism Ethics, que foram publicadas no ano passado para orientar o uso responsável de classificações e avaliações em plataformas digitais".

Estas recomendações foram desenvolvidas em colaboração com a TripAdvisor, a Minube e a Yelp.

A TripAdvisor tem uma equipa para a investigação de avaliações falsas, que pode ser contactada e/ou informada de suspeitas.

 

Clique para ver mais: Empresa&Negócios

Clique para ver mais: TripAdvisor

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Está pronto para a era do NDC? – por Ian Heywood

21-09-2018 (16h36)

Com a New Distribution Capability (NDC) da IATA ainda a ser essencialmente um conjunto de interrogações, mas já a ‘abalar’ o mundo da comercialização de viagens, o PressTUR publica as reflexões de Ian Heywood, Global Head of Product & Marketing, Air Commerce da Travelport.

Algarve aprova taxa turística de 1,5 euros para cobrar de Março a Outubro

21-09-2018 (15h39)

As câmaras municipais algarvias aprovaram esta sexta-feira a criação de uma taxa turística, no valor de 1,5 euros, para cobrar entre Março e Outubro, com a qual esperam arrecadar 20 milhões de euros por ano.

Turkish Airlines já ultrapassou os 50 milhões de passageiros este ano

21-09-2018 (15h06)

A Turkish Airlines, única companhia de aviação com voos regulares entre Portugal e a Turquia, e que em Portugal também vende conexões além Istambul, nomeadamente para o Extremo Oriente, informou que no fim de Agosto já somava mais de 50 milhões de passageiros transportados este ano, com um aumento médio em 13,1%.

Grupo LATAM reconhecido como líder nas Américas na área da sustentabilidade

21-09-2018 (14h54)

O LATAM Airlines Group foi nomeado na categoria "World" do Índice Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI) pelo quinto ano consecutivo.

Presidente de Angola decreta transformação da TAAG em sociedade anónima

21-09-2018 (14h15)

O Presidente de Angola aprovou num decreto a transformação da companhia aérea angolana TAAG em sociedade anónima, primeiro passo para a provável privatização da empresa, cujo Conselho de Administração foi exonerado.