TAP possibilita conhecer “dois destinos brasileiros numa só viagem, sem custos adicionais”

15-03-2019 (12h45)

A TAP alargou o seu Programa de Stopover a cinco estados do Brasil, possibilitando aos seus clientes conhecer “dois destinos brasileiros numa só viagem, sem custos adicionais”.

Os clientes do Programa Stopover poderão ficar entre uma a cinco noites em Brasília, Recife, Rio de Janeiro, Fortaleza ou Salvador, seguindo depois para outra cidade brasileira.

“É com muita felicidade que nós hoje estamos aqui para assinar o protocolo do Stopover agora inverso, lá para o Brasil, porque a TAP vende o Brasil para a Europa, mas também precisa de vender a Europa para o Brasil e isso é fundamental na estratégia de crescimento sustentável”, afirmou Antonoaldo Neves, CEO da companhia, esta quinta-feira, dia 14, na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL).

“É um programa que vai permitir que os portugueses e os europeus que queiram conhecer um pouco mais do Brasil possam ter duas paragens em vez de uma, pelo preço de apenas uma e com diversos benefícios que cada estado vai proporcionar para essas paragens, à semelhança do que temos em Portugal”, explicou Antonoaldo Neves.

Questionado sobre a previsão de contributo que este programa pode ter para o aumento de passageiros, o executivo disse que a companhia "não tem previsões do programa, porque depende também muito da execução do marketing que é feito", admitindo porém que "como referência" a companhia tem "o Stopover em Portugal, que está a trazer 150 a 200 mil passageiros ano".

"Acredito que não há motivo para que o do Brasil não seja do mesmo tamanho", acrescentou Antonoaldo Neves.

Em comunicado sobre o programa, a TAP salientou que dos cerca de 16 milhões de passageiros transportados em 2018, quase dois milhões viajaram entre Portugal e o Brasil, de e para as 10 cidades para onde a companhia opera voos, com um aumento de 8% face a 2017.

Além da assinatura de um memorando de entendimento com os Estados da Bahia, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro e Distrito Federal de Brasília, a TAP também celebrou o seu 74º aniversário na BTL com a apresentação de uma nova versão do seu hino “TAP é Portugal”, cantado por Paulo Gonzo, Ana Moura, Cuca Roseta, David Carreira, Fernando Cunha, Nelson Freitas, Olavo Bilac, St. Dominics Gospel Choir, Xutos e Pontapés e várias centenas de colaboradores da companhia, sendo a música e letra da autoria de João Pedro Mendonça, com produção de Rui Fingers e José Vasconcelos.

No dia da celebração do seu 74º aniversário, a TAP também recebeu em Lisboa mais um novo Airbus A330-900neo, CS-TUG, que se junta às quatro aeronaves deste modelo que a companhia opera em estreia mundial.

No total, a companhia receberá 19 Airbus A330-900neo até ao final de 2019 “para reforçar e expandir a operação do longo curso”.

Para celebrar o 74º aniversário, a TAP também está a oferecer aos seus clientes TAP Miles&Go até 20 de Março a possibilidade de comprar viagens para destinos seleccionados por 50% das milhas.

 

Clique para ver mais: TAP

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros baixam 0,8% até Maio

18-07-2019 (16h58)

As vendas ao estrangeiro de transporte aéreo de passageiros baixaram 0,8% nos primeiros cinco meses deste ano, significando um recuo de 12,27 milhões de euros, para 1.515,59 milhões, de acordo com dados do Banco de Portugal recolhidos pelo PressTUR.

Portugueses estão mais ‘caseiros’ nos gastos turísticos

18-07-2019 (16h03)

Os destinos europeus concentraram 82,6% dos gastos dos portugueses em viagens e turismo nos primeiros cinco meses deste ano, com um reforço de 0,9 pontos em relação ao ano passado, especialmente evidente nos três principais, Espanha, França e Reino Unido, que tiveram um aumento de participação em 1,3 pontos, atingindo 54,9% do total do período.

Gastos dos portugueses em turismo no estrangeiro sobem 10,8% até Maio

18-07-2019 (15h36)

Os portugueses despenderam pela primeira vez mais de 2.000 milhões de euros em viagens e turismo no estrangeiro nos primeiros cinco meses do ano, de acordo com os dados publicados pelo Banco de Portugal, dos quais se conclui um aumento médio em 10,8%.

Turistas dos Estados Unidos são os que mais estão a aumentar gastos em Portugal este ano

18-07-2019 (15h23)

O Banco de Portugal contabilizou até ao fim de Maio mais 72,69 milhões de euros de gastos em Portugal de turistas residentes nos Estados Unidos que assim foram os que fizeram o maior aumento do período, à frente dos residentes em Espanha e no Reino Unido, ambos com aumentos na ordem dos 61 milhões de euros.

Brexit para o turismo português afinal vem da Alemanha

18-07-2019 (15h21)

O mercado que mais está a penalizar o turismo português nestes primeiros cinco meses de 2019 é a Alemanha, e não o Reino Unido, como se esperava devido ao Brexit, mostram os dados do Banco de Portugal e do INE.

Noticias mais lidas