Sonhando vai investir mais na promoção de São Tomé junto dos agentes de viagens, José Manuel Antunes

29-01-2019 (11h48)

“Vamos ser mais incisivos junto dos agentes de viagens” na promoção de São Tomé e Príncipe, onde “pretendemos reforçar bastante a nossa posição”, disse ao PressTUR o director-geral do operador turístico Sonhando.

São Tomé e Príncipe tem sido um dos destinos mais vendidos pelo operador este Inverno e vai continuar a ter um lugar de destaque na programação da Sonhando ao longo do ano, com voos STP Airways e TAP.

“Pretendemos reforçar bastante a nossa posição em São Tomé este ano, em termos de quota de mercado”, frisou José Manuel Antunes, revelando que o fará através de “mais marketing”, estando “mais activos”, embora considere que já tenha feito no ano passado “o melhor folheto de São Tomé que se fez até hoje, com 24 páginas sobre o destino”.

Este ano “vamos ser mais incisivos junto dos agentes de viagens, porque ainda há uma boa parte do mercado que parece que não sabe que temos programas para São Tomé”, embora seja “o destino mais antigo da Sonhando”.

Brasil e Madeira também são dois destinos em que o operador vai procurar “aumentar o número de vendas” este ano, não só no Verão, mas também na Páscoa e “sobretudo o Réveillon, que foi um grande sucesso este ano e já estamos a preparar o próximo”.

Cuba, porém, continuará a ser o “principal destino” da Sonhando, com programação charter de Lisboa para Cayo Coco, de 8 de Julho a 2 de Setembro, e Varadero, 1 de Junho a 5 de Outubro.

Outro destino em destaque na programação do operador é Porto Santo, em parceria com a Solférias, com voos contratados à TAP de Lisboa e do Porto, de 3 Junho e 16 de Setembro.

A Sonhando também vai voltar a comercializar programas para o Verão em Malta, mudando o dia de operação de quinta-feira para Domingo, “com um horário mais conveniente”, com a Air Malta, a partir de meados de Maio.

Para a Tunísia, por sua vez, o operador turístico vai anunciar programas para Djerba e para Monastir, em parceria com a Solférias e com a Soltrópico.

Outro destino da programação do operador para o Norte de África é Agadir, em Marrocos, com voos do Porto. As operações para Agadir no ano passado também tinham voos da capital portuguesa, “mas este ano a TAP não disponibilizou avião para fazer de Lisboa”, disse José Manuel Antunes, acrescentando que “os slots também têm prejudicado imenso e o horário era completamente miserável”.

Acresce ainda que a operação para Agadir no ano passado “era muito extensa, começava muito cedo”, disse o executivo, apesar de considerar que “Agadir está cada vez melhor como destino”, oferecendo “praia e cidade, restaurantes óptimos, uma marina que parece quase a de Vilamoura, com vida nocturna, bem como a possibilidade de ir a Marraquexe e ao Atlas”, motivos pelos quais espera “que Agadir venha a tomar novamente um lugar de relevo no mercado português”.

A Sonhando teve na sua programação do ano passado outro destino marroquino, a estância balnear de Saïdia, que deixa de comercializar este ano por considerar que existe demasiada oferta.

 

Clique para ver mais: Sonhando

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Pilotos de aviões B767-300 da euroAtlantic certificados para voar para Madeira

15-11-2019 (11h35)

A companhia de aviação euroAtlantic anunciou que os pilotos dos seus aviões B767-300ER já estão certificados para voar para a Madeira.

Go4Travel focada em alargar oferta da sua plataforma de reservas

15-11-2019 (11h24)

O presidente do Conselho de Administração da Go4Travel, João Matias, anunciou que o grupo de agências de viagens está focado em alargar a base de oferta da sua plataforma de reservas “para além da hotelaria” para que venha a ser “o frontoffice transaccional comum ao grosso das operações”.

ANAC compreende frustração no aeroporto da Madeira, mas “os ventos mudaram”

15-11-2019 (10h31)

O presidente da Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) disse hoje à Lusa compreender a frustração com as dificuldades de operação no aeroporto da Madeira, mas adverte que “os ventos mudaram”.

“Não creio que tenhamos chegado já a um entendimento” com a TAP, presidente da APAVT

14-11-2019 (20h25)

O presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, considera que as agências de viagens e a TAP ainda não chegaram a um entendimento e precisam de procurar soluções “que respeitem” os dois lados em matérias como o novo modelo de distribuição da companhia aérea.

APAVT ‘desafia’ nova secretária de Estado do Turismo para “redesenhar” a estratégia para os próximos dez anos

14-11-2019 (19h42)

O presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, ‘desafiou' hoje a nova secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, presente na sessão de abertura do 45º Congresso da Associação, a decorrer no Funchal, a contribuir "para o redesenhar de toda uma estratégia para os próximos dez anos".

Noticias mais lidas