Hotelbeds anuncia planos para comprar a GTA

21-04-2017 (12h30)

O Grupo Hotelbeds, bedbank e fornecedor global ‘business-to-business’ (B2B) de serviços para a indústria do turismo, anunciou hoje planos para comprar a GTA, para “juntar empresas com operações e pegadas geográficas complementares”.

O objectivo é “combinar forças e impulsionar excelência na distribuição B2B e no retalho”, sublinha a Hotelbeds em comunicado, especificando que o acordo está sujeito a aprovação pelas entidades reguladoras.

Um dos pontos fortes da GTA apontado pela Hotelbeds é a sua “presença significativa em mercados de rápido crescimento da Ásia-Pacífico e Médio Oriente”, o que “está estreitamente alinhado com a estratégia de crescimento do Grupo Hotelbeds”.

A GTA é “um distribuidor muito bem sucedido”, com provas dadas a fornecer “hotéis, transferes e actividades ao mundo da comercialização de viagens, incluindo intermediários, agências de viagens online e agências de viagens retalhistas”, sublinha Joan Vilà, presidente executivo do Conselho de Administração do Grupo Hotelbeds.

A GTA, tal como o Grupo Hotelbeds, “contrata directamente um excelente inventário global de hotéis e produtos auxiliares para viagens e turismo que conecta e distribui via integração API ou plataforma de reservas online”, acrescenta Joan Vilà.

“Este negócio traz outro grande bedbank para a família da Hotelbeds Group, após o anúncio em Fevereiro de que a Tourico Holidays também estava a ser integrada”, lembra o executivo (clique para ler: Hotelbeds anuncia próxima incorporação do grupo Tourico Holidays).

Os dois negócios, segundo Joan Vilá, “sublinham claramente o nosso firme compromisso em acelerar o crescimento do nosso negócio”.

O CEO da GTA, Ivan Walter, salienta que o negócio irá criar “uma riqueza de experiência, empenho e um claro foco estratégico no sector B2B”.

“As notícias de hoje são um marco para a indústria e uma óptima notícia para os nossos respectivos fornecedores e clientes”, acrescenta.

Em 2011, a GTA foi vendida pela Travelport à Kuoni (clique para ler: Travelport vende GTA à Kuoni por 514,5 milhões de euros).


Ver também:

Rembert Euling recompra MTS Globe à GTA

 

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Clique para mais notícias: GTA

Clique para mais notícias: Hotelbeds

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Cruzeiros no Funchal terminaram 2018 com estagnação em baixa

18-01-2019 (16h41)

O Porto do Funchal teve um ligeiro decréscimo do número de passageiros de cruzeiros em 2018, tendo terminado o ano com 537.851, -0,2% ou menos 1.341 que em 2017, mas ainda assim o 4º melhor total anual de sempre.

Alemães, canadianos e brasileiros garantiram recorde de passageiros de cruzeiros em Lisboa em 2018

18-01-2019 (16h37)

O Porto de Lisboa teve em 2018 novos recordes de passageiros de cruzeiros alemães, canadianos e brasileiros, que foram, assim, as três nacionalidades que garantiram à capital um novo recorde anual de cruzeiros e, também, a recuperação da liderança dos portos de cruzeiros portugueses.

Ryanair alega queda mais forte das tarifas para emitir profit warning

18-01-2019 (16h12)

A low cost Ryanair baixou em cerca de cem milhões de euros o intervalo da previsão de lucros do exercício 2017/2018, que termina em Março, apontando como causa uma queda dos preços dos voos mais forte do que antecipara.

Fitur prevê edição recorde este ano com mais expositores e visitantes

18-01-2019 (15h35)

A Feira Internacional de Turismo de Madrid (Fitur), que começa na quarta-feira, dia 23, deverá bater recordes de participação e número de expositores, de acordo com a previsão da organização.

Lisboa recuperou em 2018 a liderança do turismo de cruzeiros em Portugal

18-01-2019 (14h55)

O Porto de Lisboa voltou a ser em 2018 o primeiro porto português de cruzeiros marítimos, tanto em número de passageiros como de escalas, recuperando a liderança que em 2017 lhe escapara para o Funchal.