Vila Galé Touros é um dos cinco projectos hoteleiros “mais quentes” na América Latina – TopHotelNews

10-04-2018 (15h46)

Imagem: Vila Galé
Imagem: Vila Galé

A TopHotelNews, especializada em informação para o sector hoteleiro, elegeu o resort que a Vila Galé está a construir em Touros, no Brasil, como um dos cinco projectos hoteleiros “mais quentes” na América Latina, uma região que diz estar “em ascensão como destino turístico” e onde “os hoteleiros inteligentes” estão a investir.

“A América Latina está em ascensão como destino turístico. Os hoteleiros inteligentes estão a optar por investir em locais exóticos e com procura, como México, Brasil e Cuba, devido à procura contínua por alojamento nessas áreas”, escreve Sorcha O’Higgins, editora do TopHotelNews.

A jornalista irlandesa baseada em Buenos Aires indica que estão previstos abrir 314 novos hotéis na América Latina nos próximos anos e destaca em seguida os cinco hotéis “mais interessantes” em pipeline.

O Vila Galé Touros, no litoral do estado brasileiro do Rio Grande do Norte, a cerca de 90 quilómetros de Natal, é um desses projectos.

O grupo hoteleiro português perspectiva inaugurar o resort em Setembro deste ano, após um investimento de cerca de 150 milhões de reais.

O Vila Galé Touros será um resort de luxo de 4-estrelas localizado “ao longo de uma das famosas praias de areias brancas do Brasil”, sublinha o TopHotelNews, destacando que terá 514 quartos e será “destinado a famílias que desejam aproveitar a deslumbrante costa do Brasil”.

O complexo inclui quatro restaurantes, um Spa, um clube infantil, centro de convenções, instalações recreativas e três piscinas ao ar livre.

Outro dos projectos “mais quentes” em construção na América Latina é o Paradisus Cayo Santa Maria, em Cuba, um 5-estrelas de 802 quartos previsto abrir no 4º trimestre deste ano, “num dos locais mais bonitos do planeta”.

A lista inclui ainda o Hard Rock Hotel Los Cabos, no México, que terá 639 quartos e está previsto abrir no primeiro trimestre de 2019, o Dreams Buenaventura Panama Resort & Spa, no Panamá, um 5-estrelas de 614 quartos, e o Hideaway At Royalton Antigua, um 5-estrelas de luxo em Antigua, com 500 quartos e suites.

 

Ver também:

Vila Galé lança primeira pedra do resort de Touros

 

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Vila Galé

Clique para mais notícias: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Hotéis 5-estrelas e alojamento local são as unidades com maiores aumentos de dormidas até Abril

17-06-2019 (16h59)

Os hotéis de 5-estrelas, com mais 117,9 mil dormidas nos primeiros quatro meses deste ano que no período homólogo de 2018 e os alojamentos locais, com mais 165,2 mil, são os estabelecimentos que maiores aumentos de dormidas tiveram no primeiro quadrimestre, em que o alojamento turístico português somou 16,67 milhões de dormidas, em alta de 3,9% ou 618,7 mil.

Portugal ultrapassa quatro milhões de turistas estrangeiros no primeiro quadrimestre

17-06-2019 (15h46)

Portugal teve 4.038,8 mil turistas residentes no estrangeiro em estabelecimentos de alojamento durante o primeiro quadrimestre, com um aumento em 5,6% ou cerca de 214 mil relativamente ao período homólogo de 2018.

INE realça ‘efeito Páscoa’ nos resultados da hotelaria portuguesa em Abril

17-06-2019 (11h48)

“Estes resultados foram influenciados pelo efeito do período de férias associado à Páscoa, que este ano ocorreu em meados de Abril, enquanto no ano anterior teve influência repartida entre Março e Abril”, assinala o INE ao revelar que em Abril o alojamento turístico português teve taxas de crescimento do nível que registou até 2018.

Iberostar abre resort de 5-estrelas em Lagos, junto à Meia Praia

11-06-2019 (16h59)

O grupo hoteleiro espanhol Iberostar inaugurou um resort de 5-estrelas com 220 quartos em Lagos, o Iberostar Selection Lagos Algarve, junto à Meia Praia.

Pestana Hotel Group avança com providência cautelar contra dragagens no Sado

06-06-2019 (19h49)

O Pestana Hotel Group, maior grupo hoteleiro português, anunciou hoje que interpôs uma providência cautelar no Tribunal de Loulé a requerer a suspensão imediata do Título de Utilização Privativa do Espaço Marítimo Nacional (TUPEM) concedido à empresa Mota-Engil para dragagens no estuário do Sado.

Noticias mais lidas