Vila Galé prevê abrir este ano hotéis em Elvas, Serra da Estrela e Douro

02-01-2019 (17h17)

Alter do Chão previsto para 2020

O grupo hoteleiro português Vila Galé perspectiva inaugurar este ano os seus projectos em Elvas, Serra da Estrela e Douro, enquanto a unidade hoteleira em Alter do Chão deverá abrir no próximo ano.

O Vila Galé Collection Elvas, previsto abrir em Abril, será um 4-estrelas de 64 quartos, com dois restaurantes, bar, adega, salão de eventos, piscina exterior e Spa da marca Satsanga com piscina interior e salas de massagens.

A decoração do hotel, que resulta da recuperação do antigo convento de São Paulo, será inspirada nas fortificações portuguesas espalhadas por África, Ásia e América do Sul, o que “faz sentido”, segundo indica o grupo hoteleiro na sua revista “Feel”, uma vez que Elvas é uma “cidade-quartel fronteiriça que tem a maior fortificação abaluartada terrestre do mundo e classificada como património da Humanidade pela UNESCO desde 2012”.

O hotel em Elvas foi o primeiro imóvel a ser concessionado no âmbito do Revive, um programa do governo português para dar uso turístico a edifícios históricos que estavam vazios.

“Decidimos candidatar-nos à recuperação deste imóvel porque queremos contribuir para revitalizar esta cidade cheia de história. Faz parte da nossa ambição também puxar pelo interior do país e por regiões menos consolidadas do ponto de vista turístico, estimulando a fixação das populações, a criação de emprego e a geração de riqueza”, disse o presidente da Vila Galé, Jorge Rebelo de Almeida, citado na revista.

A Vila Galé sublinha que “a pedra basilar deste projecto é a antiga igreja, não só pela localização, mas também pela carga histórica e arquitectónica”.

O convento é um exemplo da arquitectura setecentista em Elvas, acrescenta a rede hoteleira, indicando que “o convento começou a ser construído em 1679 e ficou concluído em 1721, albergando a Ordem de São Paulo”.

“Com a extinção das ordens religiosas, este imóvel foi entregue ao regimento da Cavalaria de Elvas e tornou-se tribunal militar, mantendo esta função até 2004”, conclui o grupo hoteleiro.

O Vila Galé Collection Elvas será o terceiro hotel do grupo no Alentejo, onde já existem o Vila Galé Clube de Campo, perto de Beja, e o Vila Galé Évora.

No Douro, onde o grupo já tem o Vila Galé Collection Douro, em Lamego, está prevista a inauguração este ano do Vila Galé Douro Vineyards, na Quinta da Amendoeira, que fica localizada “a seguir à pitoresca vila de Folgosa, na estrada para o Pinhão”.

O hotel terá na sua fase inicial sete quartos, uma piscina infinita para adultos, uma piscina para crianças, um restaurante e uma adega.

A Vila Galé sublinha que já está a produzir vinho nesta quinta, uma actividade que também desenvolve no Alentejo, com a marca Santa Vitória.

Ainda este ano, no último trimestre, a rede hoteleira tem previsto inaugurar o Vila Galé Serra da Estrela, com um investimento de seis milhões de euros.

O hotel terá 81 quartos, restaurante, lobby bar, salão para eventos e Spa, bem como uma piscina exterior aquecida, “onde vai ser possível ter a incrível experiência de dar mergulhos ao ar-livre mesmo que esteja a chover ou a nevar”.

A unidade está localziada “bem no coração da Serra da Estrela, em pleno vale glaciar, entre o viveiro de trutas e o rio Zêzere”, ficando próximo da Torre, do Covão dos Conchos, do Poço do Inferno e das Penhas da Saúde.

Outro projecto do grupo hoteleiro em Portugal, que assim como o hotel de Elvas também está inserido no programa de Revive, é o Vila Galé Alter Real, localizado em Alter do Chão, próximo de Portalegre, no Alto Alentejo.

O Vila Galé Alter Real, previsto inaugurar em 2020 como um 4-estrelas dedicado à temática equestre, será o resultado da recuperação de algumas partes da coudelaria, designadamente a casa de campo, as antigas cavalariças, o edifício administrativo e as ex-pocilgas.

A unidade, para a qual está previsto um investimento de oito milhões de euros, terá 76 quartos, restaurante de gastronomia regional, Spa da marca Satsanga, piscinas exteriores, parque infantil e espaços para eventos.

O objectivo da Vila Galé passa por “afirmar Alter do Chão como um dos principais centros de turismo equestre do país”, ao mesmo tempo que procura manter “viva a história do local e a sua ligação ao cavalo lusitano”.

“A Coudelaria de Alter, fundada em 1748 pelo rei D. João V, é considerada a mais antiga do mundo por funcionar ininterruptamente desde essa altura”, sublinha a rede hoteleira, destacando que “foi aqui que D. Maria I criou a Picaria Real e que se chegou ao apogeu do cavalo de Alter Real no final do século XVIII”.

Além da abertura de novas unidades, o grupo hoteleiro programou renovar os seus hotéis Vila Galé Cascais, Vila Galé Estoril e Vila Galé Náutico, designadamente os restaurantes e alguns quartos.

O Vila Galé Ampalius, por sua vez, terá quartos novos e terá a sua área exterior “reconfigurada com a construção de uma piscina para crianças, uma segunda piscina para adultos, um parque infantil e um campo polidesportivo”.

O Vila Galé Tavira, por sua vez, terá o seu Spa renovado, incluindo a piscina interior, jacuzzi e ginásio.

O grupo também tem previsto inaugurar novos hotéis no Brasil, designadamente em São Paulo e na Bahia (clique para ler: Vila Galé prevê abrir hotel em São Paulo no primeiro trimestre de 2020 / Vila Galé Costa do Cacau deverá inaugurar em 2022 com investimento de 150 milhões de reais).

 

Clique para ver mais: Vila Galé

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Portugal ultrapassa quatro milhões de turistas estrangeiros no primeiro quadrimestre

17-06-2019 (15h46)

Portugal teve 4.038,8 mil turistas residentes no estrangeiro em estabelecimentos de alojamento durante o primeiro quadrimestre, com um aumento em 5,6% ou cerca de 214 mil relativamente ao período homólogo de 2018.

Iberostar abre resort de 5-estrelas em Lagos, junto à Meia Praia

11-06-2019 (16h59)

O grupo hoteleiro espanhol Iberostar inaugurou um resort de 5-estrelas com 220 quartos em Lagos, o Iberostar Selection Lagos Algarve, junto à Meia Praia.

Pestana Hotel Group avança com providência cautelar contra dragagens no Sado

06-06-2019 (19h49)

O Pestana Hotel Group, maior grupo hoteleiro português, anunciou hoje que interpôs uma providência cautelar no Tribunal de Loulé a requerer a suspensão imediata do Título de Utilização Privativa do Espaço Marítimo Nacional (TUPEM) concedido à empresa Mota-Engil para dragagens no estuário do Sado.

Hotéis 5-estrelas e alojamento local são as unidades com maiores aumentos de dormidas até Abril

17-06-2019 (16h59)

Os hotéis de 5-estrelas, com mais 117,9 mil dormidas nos primeiros quatro meses deste ano que no período homólogo de 2018 e os alojamentos locais, com mais 165,2 mil, são os estabelecimentos que maiores aumentos de dormidas tiveram no primeiro quadrimestre, em que o alojamento turístico português somou 16,67 milhões de dormidas, em alta de 3,9% ou 618,7 mil.

INE realça ‘efeito Páscoa’ nos resultados da hotelaria portuguesa em Abril

17-06-2019 (11h48)

“Estes resultados foram influenciados pelo efeito do período de férias associado à Páscoa, que este ano ocorreu em meados de Abril, enquanto no ano anterior teve influência repartida entre Março e Abril”, assinala o INE ao revelar que em Abril o alojamento turístico português teve taxas de crescimento do nível que registou até 2018.

Noticias mais lidas