Vila Galé analisa possibilidade de abrir hotel no centro histórico de Salvador

11-04-2019 (17h45)

O grupo hoteleiro português Vila Galé confirmou ao PressTUR que está a procurar "uma área no centro histórico de Salvador", capital do estado da Bahia, Brasil, país onde é a rede hoteleira líder em resorts.

"Apostamos e acreditamos no desenvolvimento do potencial turístico do estado da Bahia e confirmamos que estamos à procura de uma área no centro histórico de Salvador", indicou fonte oficial da Vila Galé ao PressTUR, numa resposta enviada por email, na sequência de notícias avançadas pela imprensa brasileira sobre uma visita de representantes do grupo português a um edifício do século XVI situado no centro histórico da capital baiana.

A imprensa brasileira avançava ontem que representantes da Vila Galé visitaram o Palácio Rio Branco, um edifício situado no centro histórico de Salvador, para analisar a possibilidade de apresentar uma proposta para converter o edifício em hotel.

Na resposta enviada ao PressTUR, fonte oficial da Vila Galé confirmou que "houve uma visita ao Palácio Rio Branco, mas ainda não há nada concreto".

As notícias divulgadas na imprensa brasileira avançam que o Governo da Bahia declarou interesse em ceder o Palácio Rio Branco, bem como outros prédios históricos a grupos hoteleiros interessados em instalar-se na região.

O secretário de Turismo do estado, Fausto Franco, citado nessas notícias, confirmou o interesse das duas partes e a visita de representantes do grupo Vila Galé ao Palácio Rio Branco, mas declarou que o projecto "ainda é embrionário".

José António Bastos, director de operações da Vila Galé para o Brasil, também citado na imprensa brasileira, afirmou que o grupo hoteleiro procura "constantemente trazer novidades e inovações no Brasil".

A Vila Galé tem dois hotéis na Bahia, o Vila Galé Salvador e o Vila Galé Guarajuba, e está a construir o terceiro, baptizado Vila Galé Costa Cacau, um resort na região de Una/Ilhéus que tem previsto inaugurar em 2021, com um investimento de cerca de 150 milhões de reais (cerca de 35,15 milhões de euros).

Outro projecto que o grupo hoteleiro está a desenvolver no Brasil é o Vila Galé Paulista, em São Paulo (clique para ler: Vila Galé prevê abrir hotel em São Paulo no primeiro trimestre de 2020).

 

Ver também:

Vila Galé investe 90 milhões em seis novos hotéis em Portugal e no Brasil até 2020

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Vila Galé

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Minor (Tivoli) constitui empresa hoteleira em Portugal

24-04-2019 (10h17)

O grupo tailandês Minor, comprador dos hotéis Tivoli em Portugal e no Brasil na sequência da falência do grupo Espírito Santo, constituiu uma sociedade em Portugal, a Minor Hotels Portugal, com o Capital Social de um milhão de euros, tendo 300 mil realizados.

Grupo de luxo LVMH completa aquisição da proprietária do hotel Reid’s na Madeira

18-04-2019 (10h32)

O grupo do segmento de luxo LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton completou a aquisição da rede hoteleira Belmond, anteriormente Orient Express, proprietária entre outras unidades do Reid’s Madeira.

Savoy Palace nomeia José Pereira como director-geral

17-04-2019 (12h28)

O Savoy Palace, unidade hoteleira 5-estrelas, na Ilha da Madeira, que tem inauguração prevista para este Verão de 2019, vai ter José Pereira como director-geral.

Hotelaria da Madeira prevê ocupação de 74% na Páscoa

16-04-2019 (15h00)

A ocupação hoteleira no arquipélago da Madeira no período da Páscoa é de 74%, menos cerca de dois pontos percentuais do que em 2018, informou hoje a Secretaria Regional do Turismo e Cultura.

Accor destaca dez hotéis que vai inaugurar no próximo ano

15-04-2019 (16h56)

A rede hoteleira Accor está a destacar dez hotéis das suas marcas, a inaugurar em 2020, oito na Europa, um no Dubai e outro no Azerbaijão.