RIU investe 150 milhões para construir dois resorts no Senegal

03-06-2019 (13h14)

Foto: RIU Hotels & Resorts
Foto: RIU Hotels & Resorts

A RIU Hotels & Resorts anunciou um plano de investimentos de 150 milhões de euros para construir dois resorts no Senegal, na zona de Pointe Sarène, “um destino paradisíaco que se encontra em processo de desenvolvimento turístico”.

O montante investido inclui a compra do terreno de 25 hectares e o desenvolvimento dos dois hotéis, sublinha um comunicado do grupo hoteleiro espanhol.

O projecto está dividido em duas fases, começando pela abertura de um hotel de gama “Classic”, que terá cerca de 500 quartos. A segunda fase prevê a construção de um hotel Riu Palace com capacidade para cerca de 800 hóspedes.

A aquisição do terreno decorre no âmbito da colaboração que a RIU está a desenvolver com a Sociedade para o Condicionamento e Promoção da Zona Costeira e Turística do Senegal (SAPCO), que está actualmente em fase de projecto e tem início previsto para Novembro.

A intenção das autoridades locais e turísticas em promover o destino tornou-se evidente com o desenvolvimento do novo aeroporto internacional Blaise-Diagne em 2017, que fica a 35 km do terreno adquirido pela RIU, e de uma estrada que o liga à cidade de Dakar, acrescenta o comunicado.

Em África, a RIU Hotels & Resorts é proprietária de seis hotéis, incluindo cinco em Cabo Verde e um na Tânzania, e tem a gestão de outros cinco hotéis em Marrocos.

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: RIU Hotels & Resorts

Clique para ver mais: Senegal

Clique para ver mais: África

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Iberostar abre resort de 5-estrelas em Lagos, junto à Meia Praia

11-06-2019 (16h59)

O grupo hoteleiro espanhol Iberostar inaugurou um resort de 5-estrelas com 220 quartos em Lagos, o Iberostar Selection Lagos Algarve, junto à Meia Praia.

Pestana Hotel Group avança com providência cautelar contra dragagens no Sado

06-06-2019 (19h49)

O Pestana Hotel Group, maior grupo hoteleiro português, anunciou hoje que interpôs uma providência cautelar no Tribunal de Loulé a requerer a suspensão imediata do Título de Utilização Privativa do Espaço Marítimo Nacional (TUPEM) concedido à empresa Mota-Engil para dragagens no estuário do Sado.

Dormidas de turistas portugueses na hotelaria de Cabo Verde sobem 5,7% no primeiro trimestre

04-06-2019 (17h51)

Apesar de não incluir o período de férias da Páscoa como em 2018, o primeiro trimestre do ano foi um período de crescimento do turismo português para Cabo Verde, com subidas do número de hóspedes em 7% e do número de dormidas em 5,7%, concluiu o PressTUR a partir dos dados divulgados pelo INE cabo-verdiano.

Hotelaria da ilha do Sal termina primeiro trimestre com +36,5% de dormidas de portugueses

04-06-2019 (17h48)

A ilha do Sal foi o destino cabo-verdiano que mais sobressaiu no primeiro trimestre no mercado emissor português, concluiu o PressTUR a partir dos dados divulgados pelo INE de Cabo Verde, dos quais se pode constatar que a hotelaria do Sal teve aumentos acima de 30% tanto em número de hóspedes como em dormidas.

Reino Unido é cada vez mais o primeiro emissor para Cabo Verde

04-06-2019 (17h46)

O Reino Unido foi a origem de 22,4% dos turistas estrangeiros que estiveram na hotelaria de Cabo Verde e 28,4% das suas dormidas no primeiro trimestre, aumentando as suas quotas do turismo internacional no arquipélago respectivamente em 2,4 e 1,4 pontos.

Noticias mais lidas