Oásis Belorizonte e Salinas Sea passam a ter direcção conjunta

16-01-2018 (15h06)

Foto: Oásis Atlântico
Foto: Oásis Atlântico

O grupo Oásis Atlântico promoveu Filipe Nazaré a director-geral e João Barosa a director adjunto dos hotéis Belorizonte e Salinas Sea, na Ilha do Sal. Célia Reis, anterior directora do Salinas Sea, "deixa o grupo", avançou a empresa ao PressTUR.

Filipe Nazaré era director-geral do hotel Oásis Belorizonte e João Barosa era sub director da mesma unidade. Os dois profissionais assumiram as novas funções este mês, segundo um comunicado do grupo hoteleiro.

A "nova organização visa a melhoria dos resultados de gestão dos hotéis Oásis Atlântico, quer ao nível financeiro, quer ao nível do serviço ao cliente, permitindo deste modo atingir os objetivos globais a que o grupo se propõe", sublinha o comunicado.

Em Novembro do ano passado, o grupo contratou um novo Chief Financial Officer (CFO), Chirague Bhanji (para ler clique aqui).

O grupo Oásis Atlântico tem quatro hotéis em Cabo Verde, incluindo dois na Ilha do Sal, um na Ilha de Santiago e outro na Ilha de São Vicente, e dois hotéis no Brasil, ambos em Fortaleza, no Ceará.

 

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Oásis Atlântico

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Novo restaurante de Martin Berasategui em Lisboa é “um projecto para o mundo”

23-05-2018 (20h45)

O Fifty Seconds by Martin Berasategui, que abre em Outubro em Lisboa, no topo do hotel Myriad by Sana, na Torre Vasco da Gama, é "um projecto para o mundo", afirmou o chef basco, que é um dos mais conceituados do mundo, distinguido com oito estrelas Michelin em diferentes restaurantes.

Minor International (Tivoli) reforça participação na espanhola NH Hoteles

23-05-2018 (16h57)

O Minor International, grupo tailandês que comprou os hotéis Tivoli em Portugal e no Brasil, anunciou hoje que comprou mais 8,6% do capital do grupo hoteleiro espanhol NH Hoteles, no qual passa a deter 9,7% do capital.

AHP aponta quebras de ocupação em Março nos hotéis do Algarve, Madeira, Açores e Leiria - Fátima - Templários

23-05-2018 (14h58)

Quatro regiões turísticas portuguesas, entre as quais a maior, o Algarve, e a 3ª maior, a Madeira, tiveram quebras de ocupação da hotelaria em Março, de acordo com o barómetro da AHP, associação da hotelaria portuguesa, ainda que este ano Março compare favoravelmente com o de 2017, pois foi o mês da Páscoa, que no ano passado foi em Abril.

Três maiores emissores ‘custaram’ quase 790 mil dormidas à hotelaria espanhola até Abril

23-05-2018 (14h15)

Reino Unido, Alemanha e França, os três maiores emissores para a hotelaria espanhola, foram também os principais causadores da sua quebra de dormidas no primeiro quadrimestre, com menos quase 790 mil dormidas que no período homólogo de 2017, representando um decréscimo médio em 3,1%.

Páscoa mais cedo ‘passa factura pesada’ à hotelaria espanhola em Abril

23-05-2018 (12h27)

A hotelaria espanhola teve em Abril uma queda das dormidas em 8,1%, indica a informação divulgada hoje pelo INE de Espanha, a qual mostra que se tratou de uma quebra que levou inclusivamente a um balanço negativo no quadrimestre.

Ultimas Noticias