Minor Hotels escolhe português Jorge Lopes para liderar novas aberturas na Europa

20-06-2016 (07h50)

Foto: Minor Hotels
Foto: Minor Hotels

O Minor Hotels, grupo de origem tailandesa que comprou os hotéis da rede Tivoli em Portugal e no Brasil, escolheu o ex-Tivoli Jorge Lopes para Head of Commercial, Europe and South America, com a responsabilidade de “supervisionar a execução de projectos chave na área comercial, incluindo rebranding, remodelações e novas aberturas” nas duas regiões.

Uma informação da Minor indica que Jorge Lopes fez carreira principalmente na Tivoli, para onde entrou em 2001, tendo chegado a Corporate Director of Sales para todas as unidades Tivoli em Portugal e no Brasil, mas desde 2010 era Director of Sales & Marketing do Pine Cliffs, a Luxury Collection Resort no grupo Starwood Hotels & Resorts.

A rede salienta, aliás, que Jorge Lopes, que passa a reportar directamente ao COO da Minor, Robert Kunkler, “conta com uma larga tradição familiar na hotelaria – pertencendo à quarta geração de uma família de hoteleiros – e é certificado em Marketing Hoteleiro pela Cornell University, nos Estados Unidos da América”.

“É com grande satisfação e entusiasmo que regresso a este grupo para assumir este novo cargo, sobretudo tendo em conta os ambiciosos objetivos de crescimento a que nos propomos na Minor Hotels a médio e a longo prazo”, diz Jorge Lopes em declaração citada no comunicado.

 

Clique para mais notícias: Tivoli

Clique para mais notícias: Minor

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Quem é quem

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Amadeus concretiza compra da TravelClick por 1,52 mil milhões de dólares

13-08-2018 (18h26)

O Amadeus confirmou já a concretização da compra da TravelClick, que descreve como um reforço do seu portefólio com soluções para a hoteleria designadamente para empresas de média dimensão e independentes.

Apesar da ocupação a cair, subida de preços da hotelaria portuguesa até acelera em Junho

13-08-2018 (17h46)

Os clientes da hotelaria portuguesa pagaram em média este mês de Junho +11% por dormida, ainda que os dados do INE indiquem uma queda da ocupação, tendência que o sector tende normalmente a travar com descidas de preços para estimular a procura.

Hotelaria portuguesa perde 225,7 mil dormidas de estrangeiros em Junho e acaba semestre com menos 132,3 mil

13-08-2018 (16h00)

A hotelaria portuguesa, que estava a viver um ciclo de crescimentos acentuados sustentado pela procura internacional, acabou o primeiro semestre deste ano com queda do número de pernoitas de turistas estrangeiros, em grande medida pela dimensão da quebra em Junho, primeiro mês da época alta, no qual teve menos 225,7 mil (-5,1%) pernoitas de residentes no estrangeiro.

Turistas brasileiros ultrapassam pela primeira vez o milhão de dormidas na hotelaria portuguesa num 1º semestre

13-08-2018 (15h53)

A hotelaria portuguesa somou pela primeira vez num primeiro semestre mais de um milhão de dormidas de turistas residentes no Brasil, que atingiram o total de 1,062 milhões de pernoitas tornando-se, assim, o 5º principal emissor na primeira metade do ano.

Verão começa ‘muito nublado’ para a hotelaria portuguesa, com quebras da maioria dos principais emissores

13-08-2018 (13h42)

A hotelaria portuguesa teve em Junho quebras de turistas de 11 dos 15 principais emissores com dados publicados pelo INE, escapando a uma quebra no número de hóspedes totais pelos aumentos dos residentes em Portugal e dos ‘longínquos’ Brasil, Estados Unidos e Canadá.