Kempinski aposta em crescimento controlado

02-07-2013 (15h03)

A cadeia de hotéis de luxo Kempinski prevê continuar a crescer em número de hotéis, mas nunca irá além de um certo número, disse o CEO da empresa, Reto Wittwer.

A cadeia “nunca terá mais hotéis do que a idade da empresa”, afirmou recentemente, o CEO em Nova Iorque, citado pelo “Business Travel News.com”.
“O que está associado com o luxo é numericamente limitado, sejam relógios, carros ou roupas”, disse ainda Reto Wittwer.
Com 116 anos, a Kempinski tem cerca de 80 unidades em 30 países, e conta aberturas recentes em Moscovo, Deli e Viena, enquanto este ano irá abrir um hotel em Nairobi.
A empresa está focada na “re-identificação do luxo”, cita ainda o jornal, que refere que esta passa pelos empregados e pala oferta nos serviços de F&B.

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Afonso Cunha é o novo director-geral do Vilalara Thalassa Resort

21-05-2018 (16h14)

O Vilalara Thalassa Resort, em Armação de Pêra, no Algarve, anunciou a contratação de Afonso Cunha para o cargo de director-geral.

Incêndio destrói parte do Pestana Bazaruto Lodge

21-05-2018 (10h01)

Treze habitações do hotel Pestana Bazaruto Lodge, em Moçambique, foram danificadas na sexta-feira por um incêndio, sem provocar vítimas, anunciou fonte do parque ambiental daquela zona à Televisão de Moçambique (TVM).

The Beautique Hotels vai investir até 28 milhões de euros em dois novos hotéis em Lisboa

21-05-2018 (09h55)

O grupo The Beautique Hotels vai investir até 28 milhões de euros em dois novos hotéis em Lisboa, o primeiro dos quais a inaugurar em Dezembro ou Janeiro, na rua da Madalena, havendo ainda planos para ampliar o WC Hotel.

Turistas portugueses na hotelaria de Cabo Verde aumentam 9,4% no primeiro trimestre

18-05-2018 (14h47)

A hotelaria de Cabo Verde teve alojados +9,4% ou mais mil turistas portugueses no primeiro trimestre deste ano, que teve o benefício de Março ter sido o mês do ‘pico’ de férias da Páscoa, que em 2017 apenas foi em Abril.

Boavista liderou crescimento das estadas de turistas portugueses em Cabo Verde no 1º trimestre

18-05-2018 (14h43)

A ilha da Boavista foi o destino cabo-verdiano com o maior aumento de dormidas de residentes em Portugal, concluiu uma análise do PressTUR aos dados divulgados pelo INE de Cabo Verde, a qual mostrou que o Sal manteve-se, no entanto, o destino nº 1 em número de pernoitas e São Vicente liderou em número de hóspedes.