Hotelaria de Macau recebe mais 80,8 mil hóspedes em Maio e quase igual subida da capacidade

29-06-2016 (13h38)

Os hotéis de Macau receberam em Maio 919,4 mil hóspedes, +9,6% ou mais 80,8 mil que no mês homólogo de 2015, o que lhes permitiu quase igualar o aumento de capacidade e limitar a descida da taxa média de ocupação a 0,6 pontos, para 79,8%.

Dados divulgados hoje pela Direcção dos Serviços de Estatísticas e Censos de Macau indicam que Macau teve em Maio 73 hotéis em funcionamento com um total de 31,4 mil quartos, o que significa mais três hotéis e mais 2,5 mil quartos (+8,8%) que há um ano.

Ainda assim, pelo aumento do número de hóspedes, como a estada média de manteve em 1,4 noites, o mercado praticamente absorveu esse aumento de capacidade, se bem que com acentuadas diferenças entre categorias, pois enquanto os 5-estrelas tiveram uma queda da taxa de ocupação em 3,1 pontos, para 78,2%, os 4 e 3-estrelas tiveram subidas respectivamente em 4,5 pontos, para 84,5%, e em 3,7 pontos, para 82,7%.

Os 5-estrelas, que são a categoria com mais oferta em Macau, tiveram em Maio um aumento do número de hóspedes em 4,3%, para 515,2 mil, mantendo-se a estada média em 1,5 noites, mas, com 20,5 mil quartos em 32 hotéis, tiveram mais dois hotéis e mais mil quartos (+5,1% que há um ano).

Os 4-estrelas, com 17 hotéis e 7,7 mil quartos, embora tendo também mais dois hotéis e mais 1,7 mil quartos (+28,4%), tiveram um aumento do número de hóspedes em 23,2%, para 283,6 mil, que, associado a uma subida da estada média em 0,1 noites, para 1,2, lhe permitiram subir a taxa de ocupação.

Os 3-estrelas, com os mesmos 13 hotéis e os mesmos 2,5 mil quartos de há um ano, beneficiaram de um aumento do número de hóspedes em 3,7%, para 82,7 mil, que compensou a descida da estada média em 0,1 noites, para 1,3.

No conjunto dos primeiros cinco meses deste ano, os hotéis de Macau somam 4,448 milhões de hóspedes, com um aumento em 12,6% ou 497,4 mil relativamente ao período homólogo de 2015, mas a estada média decresce 0,1 noites, para 1,4.

Ainda assim, pelo aumento de capacidade a taxa de ocupação baixou 1,3 pontos, para 78,5%, com -2,9 pontos nos 5-estrelas, para 78,1%, +2,9 pontos nos 4-estrelas, para 81,3%, e +0,7 pontos nos 3-estrelas, para 78,7%.

As três principais categorias tiveram, no entanto, aumentos do número de hóspedes, de 8,7% ou 203,8 mil nos 5-estrelas, para 2,53 milhões, de 24,9% ou 268,7 mil nos 4-estrelas, para 1,348 milhões, e de 8,6% ou 35,4 mil nos 3-estrelas, para 448,4 mil.

A China Continental é, como tradicionalmente, o maior emissor, com 2,89 milhões de hóspedes na hotelaria de Macau (+10,2% que há um ano), 1,52 milhões deles em hotéis 5-estrelas, 877,9 mil em 4-estrelas, 361,7 mil em 3-estrelas, 83,1 mil em 2-estrelas e 50,2 mil em pensões.

Hong Kong é o segundo maior mercado emissor para a hotelaria de Macau, com 630,4 mil hóspedes (+25,6% que há um ano), seguindo-se os residentes em Macau, com 255,8 mil (+2,3%), Taiwan, com 179,8 mil (+30,2%), e República da Coreia, com 111,7 mil (+16,5%).

Fora do continente asiático os maiores emissores são os Estados Unidos, com 29 mil (+3,8% que há um ano), a Austrália, com 18,8 mil (+5,8%), e o Reino Unido, com 10,2 mil (+7,3%).

 

Clique para mais notícias: Macau

Clique para mais notícias: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Óbidos só começa a cobrar taxa turística depois do Verão

24-05-2019 (16h53)

O regulamento da taxa de dormida para turistas que pernoitem em Óbidos está em vigor desde Dezembro de 2018, mas a taxa só será aplicada a partir do último trimestre deste ano, quando a Câmara aprovar o valor a cobrar.

Hotelaria espanhola cresce uns ‘magros’ 1,8% no 1º quadrimestre pela queda da estada média

23-05-2019 (16h50)

A hotelaria espanhola recebeu no primeiro quadrimestre mais 3,4% de turistas, mas contabilizou apenas +1,8% de dormidas, porque a estada média caiu 1,6%, de acordo com os dados publicados hoje pelo INE espanhol.

Turistas portugueses na hotelaria espanhola aumentam 13%, mas permanecem menos tempo

23-05-2019 (15h39)

A hotelaria espanhola teve alojados 419,5 mil turistas portugueses no primeiro quadrimestre, representando um aumento em 13%, que, porém, apenas se traduziu num aumento das dormidas em 7,4% porque o tempo médio de permanência caiu 5%.

Manteigas vai ter mais dois hotéis ainda este ano

23-05-2019 (10h45)

O concelho de Manteigas, na Serra da Estrela, prevê aumentar este ano a sua capacidade de alojamento com a entrada em funcionamento de dois hotéis, o Vila Galé Serra da Estrela e o Hotel Santa Luzia.

Booking é líder em audiência dos sites de comércio de viagens em Portugal

22-05-2019 (14h22)

O Booking, website de reservas de alojamento turístico, incluindo desde hotéis a alojamento local, é o líder de audiências dos sites de coméricio de viagens e turismo em Portugal, de acordo com a Marktest.

Noticias mais lidas