Hotéis 5-estrelas de Macau aumentam ocupação média para 92,8% até Maio

01-07-2019 (13h34)

Os hotéis 5-estrelas de Macau, que são a categoria com maior oferta de quartos no território, com 25 mil quartos, alcançaram nos primeiros cinco meses do ano uma taxa média de ocupação de 92,8%, mais 1,2 pontos que no período homólogo de 2018.

Os dados divulgados pela Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC) de Macau mostram que essa subida de ocupação nos 5-estrelas decorreu de um aumento em 2,9% do número de hóspedes recebidos no período, atingindo um total de 3,243 milhões, mantendo-se estável a estada média em 1,7 noites.

Incluindo todas as categorias, os dados da DSEC indicam que os hotéis de Macau receberam no primeiro quadrimestre 5,821 milhões de hóspedes, em alta de 1,9% em relação ao período homólogo de 2018, mantendo-se estável a estada média em 1,5 noites.

A taxa média de ocupação, por sua vez, subiu 1,4 pontos, para 91,4%.

Para a subida da taxa de ocupação contribuíram todas categorias, com os 4-estrelas a subir 0,2 pontos, para 90,6%, os 3-estrelas a crescer 3,2 pontos, para 93,2%, os 2-estrelas a subir 6 pontos, para 75,1%, e as Pensões a aumentar 6,2 pontos, para 64,7%.

Os dados da DSEC especificam que dos 5,821 milhões de hóspedes recebidos pelos hotéis e pensões de Macau, 3,243 milhões alojaram-se em 5-estrelas, 1,477 milhões em 4-estrelas, 857,5 mil em 3-estrelas, 153,1 mil em 2-estrelas e 89,8 mil em pensões.

No fim de Maio de 2019 existiam em Macau 119 hotéis e pensões em actividade, mais 4% que um ano antes, com um total de 39 mil quartos de hóspedes (+2,6%), sendo que os hotéis de 5 estrelas tinham 25 mil quartos de hóspedes (63,6% do total), mais 3,8%, em termos anuais.

 

Clique para mais notícias: Macau

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Ásia&Pacífico

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Trabalhadores dos hotéis da Fundação INATEL estão hoje em greve

16-08-2019 (12h43)

Os trabalhadores do sector hoteleiro da Fundação INATEL estão hoje em greve para reivindicar melhorias salariais e a um horário de trabalho de 35 horas semanais.

EUA subiram em Junho a maior mercado fora da Europa para a hotelaria portuguesa

14-08-2019 (17h00)

Os turistas residentes nos Estados Unidos foram no mês de Junho os não europeus que fizeram mais dormidas na hotelaria portuguesa, ultrapassando os brasileiros, e cotaram-se como o 5º principal emissor internacional, a seguir a Reino Unido, Alemanha, França e Espanha.

Turistas vêm mais a Portugal, mas ficam cada vez menos tempo

14-08-2019 (16h52)

O alojamento turístico português viu-se mais uma vez confrontado em Junho com um maior afluxo de turistas estrangeiros que não se traduz na mesma proporção em dormidas, porque a estada média cai desde pelo menos 2013, tendo pela primeira vez sido inferior às três noites.

Portugueses, espanhóis, brasileiros e americanos proporcionam melhor Junho de sempre em número de clientes

14-08-2019 (15h47)

A hotelaria portuguesa teve este ano um total recorde para um mês de Junho com 2,71 milhões de hóspedes alojados, graças principalmente aos aumentos de turistas residentes em Portugal, em Espanha, no Brasil e nos Estados Unidos.

Sogevinus planeia investir 30 milhões em hotel de 5-estrelas em Gaia

14-08-2019 (12h33)

O Sogevinus, que detém as marcas de vinho Barros, Burmester, Calém, Kopke e Velhotes, planeia investir 30 milhões de euros num hotel vínico de 5-estrelas com 150 quartos no centro histórico de Vila Nova de Gaia.

Noticias mais lidas