Empreendimentos turísticos de Monchique reabrem após grande incêndio

14-08-2018 (18h46)

Foto: MacDonald Monchique
Foto: MacDonald Monchique

Macdonald Monchique Resort reabre quinta-feira e Villa Termal Caldas de Monchique Spa Resort já reabriu

O Macdonald Monchique Resort & Spa, em Caldas de Monchique, Algarve, vai reabrir na quinta-feira, depois de ter encerrado devido ao incêndio que durante uma semana atingiu a serra de Monchique.

O Macdonald Monchique Resort & Spa foi um dos hotéis que tiveram de ser evacuados antes de o fogo chegar à zona das Caldas de Monchique, quando tinha mais de 300 hóspedes nas suas instalações, mas as suas instalações não foram danificadas pelo incêndio, que deflagrou em 3 de Agosto e só foi dado por dominado a 10.

“Apesar de as instalações deste resort de 5-estrelas não terem sido directamente afectadas pelo incêndio que assolou a região, o Macdonald Monchique Resort & Spa decidiu encerrar durante uma semana, estando agora pronto a receber todos os hóspedes”, assegurou a Administração da unidade hoteleira em comunicado.

O comunicado acrescenta que “durante os incêndios, e apesar de em nenhum momento o hotel ter estado em perigo iminente, a direcção decidiu realojar os hóspedes noutras instalações hoteleiras do Algarve, para que pudessem continuar as suas férias em segurança, longe da área afectada pelos incêndios”.

“Agora, depois de feitas as limpezas necessárias e já com a calma que caracteriza esta zona do Algarve, é tempo de voltar a acolher os hóspedes”, remata o comunicado.

Na segunda-feira, outra unidade desta zona, a Villa Termal Caldas de Monchique Spa Resort, anunciou também que já tinha reaberto ao público, depois de ter sido evacuado e de ter estado encerrado por causa do incêndio.

“Estão garantidas as condições de segurança do local e das vias de acesso que possibilitam às termas retomar a actividade normal, com todos os serviços e facilidades a funcionar em pleno”, assegurou a unidade hoteleira.

A informação salienta também que “não se registaram quaisquer perdas ou danos no núcleo central” da zona termal.

Estas unidades hoteleiras foram evacuadas nas Caldas de Monchique antes da noite de 5 para 6 de Agosto, devido ao fogo que deflagrou em Monchique, na zona de Perna da Negra, no dia 3, pelas 13:30.

O fogo queimou cerca de 27.000 hectares (segundo dados da União Europeia), obrigou a deslocar quase 300 pessoas e provocou 41 feridos, um deles em estado grave (uma idosa que continua internada em Lisboa).

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Riu Hotels investiu 70 milhões de euros no novo Riu Palace Boavista

13-11-2018 (15h10)

A Riu Hotels & Resorts anunciou que investiu 70 milhões de euros no seu novo resort Riu Palace Boavista, um empreendimento com 505 quartos, incluindo 100 duplos com piscina privativa, para alojamento em regime de tudo incluído (TI).

Primeiro Yotel da Península Ibérica abre no Porto em 2019

13-11-2018 (12h07)

A Yotel, que inclui na sua estrutura accionista a United Investments Portugal (UIP), escolheu a cidade do Porto para inaugurar o seu primeiro hotel na Península Ibérica, em 2019, com um investimento de 30 milhões de euros.

Conheça os hotéis Green Pearls que se destacam pela preservação animal

12-11-2018 (17h04)

A Green Pearls destacou um conjunto de hotéis da sua rede que se dedicam à preservação de animais através de iniciativas como a criação de áreas protegidas para aves na Tailândia, reservas para ursos nos Andes, ou de zonas protegidas para tubarões ou corais nas Maldivas.

Barceló inaugura Occidental Lisboa e está “a estudar novos projectos” em Portugal

12-11-2018 (16h36)

O Grupo Barceló, que inaugurou o seu primeiro hotel na capital portuguesa, o Occidental Lisboa, na semana passada, está "a estudar novos projectos" em Portugal.

Hoti Hotéis celebra inauguração do hotel Meliá Setúbal (em fotos)

12-11-2018 (15h34)

O Grupo Hoti Hotéis celebrou na semana passada a inauguração oficial do Meliá Setúbal, num evento em que participaram Manuel Proença, presidente do grupo, e Maria das Dores Meira, presidente da Câmara Municipal de Setúbal.