Club Med garante que vai compensar clientes por surto de gastroenterite em resort na China

13-02-2019 (12h36)

Imagem: Club Med
Imagem: Club Med

O Club Med, grupo considerado pioneiro do regime all inclusive, detido desde 2015 pelo grupo chinês Fosun, garantiu que vai compensar os clientes do seu resort na estância de esqui Yabuli, Nordeste da China, afectados por um surto de gastroenterite.


O grupo indicou que os turistas afectados receberão até três vezes o valor gasto na estadia.

Dezenas de turistas na estância de esqui Yabuli tiveram vómitos e diarreia na semana passada, durante as férias do Ano Novo Lunar.

O Club Med foi adquirido na totalidade, em 2015, pelo grupo Fosun, que em Portugal detém a Fidelidade e é o principal accionista do banco Millennium BCP.

“Expressamos o nosso pesar”, diz um comunicado do Club Med divulgado na terça-feira, através do Weibo, o Twitter chinês, no qual garante também que leva o caso “muito a sério”.

O surto, segundo a empresa, deveu-se a um “norovírus”, um vírus relativamente comum e que é responsável pela maioria dos casos de diarreia e gastroenterite em áreas desenvolvidas.

“Planeamos oferecer a todos os clientes que foram afectados uma compensação equivalente a três vezes o valor gasto durante a estadia”, garante o Club Med no comunicado.

A empresa comprometeu-se ainda a reembolsar os custos médicos relacionados com o tratamento do norovírus, cuja origem dentro do resort não foi ainda identificada.

No total, 42 pessoas relataram sintomas anormais, oito delas foram vistas por um médico, mas “nenhuma foi hospitalizada”, segundo avançou a imprensa chinesa.

Desde que o grupo Fosun comprou o Club Med, a China tornou-se o segundo maior mercado da cadeia de resorts, a seguir a França, com seis resorts já abertos e outros quatro em fase de construção.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Club Med

Clique para mais notícias: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Club Med fecha resort na ilha de Itaparica, na Bahia

22-03-2019 (08h32)

O Club Med vai encerrar a 31 de Julho o seu resort na ilha de Itaparica, no estado brasileiro da Bahia, indicando que “já não se encontrava à altura das expectativas e exigências dos nossos clientes”.

Projecto de lei aprovado reduz quartos para pessoas com mobilidade reduzida no Brasil

21-03-2019 (18h25)

O projecto de lei que retira o limite ao investimento estrangeiro em companhias aéreas brasileiras também vai alterar pontos na Política Nacional de Turismo do Brasil, como a redução da percentagem do número de quartos para pessoas com mobilidade reduzida.

Projecto de remodelação do Praia D'El Rey Marriott foi concluído

21-03-2019 (15h51)

O Praia D’El Rey Marriott Golf & Beach Resort, no concelho de Óbidos, completou este ano uma remodelação de quatro milhões de euros, que visa tornar a unidade uma referência na Península Ibérica.

Dormidas de turistas portugueses na Alemanha sobem 7,5% em 2018

20-03-2019 (17h45)

A Alemanha somou 484,4 mil dormidas de turistas portugueses em 2018, o que corresponde a um aumento de 7,5% face ao ano anterior, mas representa um abrandamento face ao crescimento alcançado em 2017.

Travelplan alerta agentes de viagens para entrada em vigor da "ecotaxa" no México

20-03-2019 (16h18)

O operador turístico Travelplan está a alertar os agentes de viagens para a entrada em vigor de um imposto de saneamento ambiental no México, designado "ecotaxa", no valor de cerca de 1 euro por quarto, por noite.