Cascade Wellness Resort quer captar mais portugueses

08-07-2019 (16h23)

A nova direcção do Cascade Wellness Resort, renovado e ampliado este ano, quer captar mais clientes portugueses, designadamente através da realização de eventos, a começar por uma festa de Fim de Ano.

“Este é o ano dos portugueses descobrirem o Cascade”, afirmou Silvana Pombo, directora-geral do hotel desde Janeiro, durante um evento de apresentação à imprensa da renovação do resort.

Com a renovação, o hotel passou a contar com mais quartos, novas propostas gastronómicas e mais espaço para a realização de eventos, casamentos, reuniões e estágios de equipas e selecções de futebol (clique para ler: ECS Capital investe 7 milhões em renovação e ampliação do Cascade Wellness Resort).

Uma das apostas para captar mais portugueses é manter o hotel aberto durante todo o ano, incluindo no Natal e no Fim de Ano. Silvana Pombo revela que o Cascade já está a preparar a realização de uma festa de Réveillon, “um evento integrado, uma experiência completa desde o momento em que os clientes entram no hotel”, com animação e com gastronomia pensada especificamente para o evento.

O mercado português, apesar de ainda representar pouco nas contas do hotel, “tem vindo a crescer”, de acordo com Paulo Vicente, director de Vendas e Marketing do hotel.

Os principais emissores para a unidade são o Reino Unido, a Irlanda e a Alemanha, e os Estados Unidos estão a ganhar preponderância, assim como França e Suíça.

Como acontece em todo o Algarve, a procura é mais forte durante o Verão, mas as equipas de futebol que fazem estágios no resort “ajudam muito de Janeiro a Abril”, assim como os golfistas, dado que o empreendimento está próximo dos campos de golfe Boavista, Palmares e Espiche, acrescentou ainda Paulo Vicente.

Para os proprietários do hotel, a sociedade gestora de fundos de capital de risco e de reestruturação ECS Capital, a renovação e ampliação foram passos importantes.

O plano para este e para todos os activos passa por gerar crescimento, atingir um ponto de maturidade e, por fim, vender, contou aos jornalistas o presidente do Conselho de Administração da ECS Capital, Fernando Esmeraldo.

O fundo tem actualmente a decorrer seis processos de venda, incluindo o Palácio do Governador, em Lisboa, revelou Fernando Esmeraldo, sem desvendar interessados, indicando apenas que as experiências passadas têm revelado que a maioria dos compradores são internacionais.

Sem concretizar datas, Fernando Esmeraldo avançou apenas que prevê que até ao fim do ano poderá ter resultados destes processos de venda.

A ECS Capital, porém, vai manter-se no turismo, até porque ainda tem terrenos e vários projectos para desenvolver, acrescentou o presidente da ECS.

Embora reconheça a existência de indicadores económicos preocupantes, como o excesso de confiança e o sobre endividamento, Fernando Esmeraldo é optimista quanto ao futuro de Portugal, que, a nível de turístico, tem características muito especiais que são reconhecidas pelos estrangeiros, designadamente um clima muito bom e um nível de segurança muito elevado.

 

Por Luís Canto. O PressTUR visitou o Cascade Wellness Resort a convite da ECS

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Cascade Wellness Resort

Clique para ver mais: ECS Capital

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Accor vende metade da sua participação na Huazhu por 451 milhões de dólares

09-12-2019 (12h31)

A Accor assinou um acordo para vender metade da sua participação no Huazhu Group Limited, anteriormente conhecido por China Lodging, por 451 milhões de dólares, cerca de 408 milhões de euros.

Governo lança concurso para converter em hotel o Palacete do Conde Dias Garcia (Aveiro)

09-12-2019 (12h00)

O Governo, através do programa Revive, lançou um concurso para a concessão do Palacete do Conde Dias Garcia, em São João da Madeira, Aveiro, onde estima que poderão ser instalados 70 quartos para um hotel de 4-estrelas ou superior.

Hotéis de Lisboa ganham mais em Outubro, por aumentos de preços

06-12-2019 (18h18)

Os hotéis da cidade de Lisboa tiveram aumentos da receita média de quartos por quarto disponível (RevPAR) no mês de Outubro entre 4,1% e 10,4%, de acordo com o Observatório do Turismo da capital, cujos dados evidenciam que a subida foi alavancada nos preços de quartos.

Evok Hotels Collection vai ter hotel de luxo na Gran Vía de Madrid

06-12-2019 (16h04)

A Evok Hotels Collections vai ter o seu primeiro hotel de luxo em Espanha, na Gran Vía em Madrid, num edifício recentemente adquirido pela Zaka Investments.

Contrato de concessão do Castelo de Vila Nova de Cerveira assinado hoje

06-12-2019 (14h28)

O contrato de concessão para transformar o Castelo de Vila Nova de Cerveira num hotel, previsto abrir no final de 2021, foi hoje assinado com o promotor Eurico da Fonseca, o mesmo promotor que desenvolveu o Palácio de São Bento da Vitória, no Porto.

Noticias mais lidas