Beautique Hotels inaugura terceiro hotel em Lisboa com investimento de 11 milhões de euros

14-01-2020 (11h34)

O terceiro hotel da marca Beautique Hotels vai ser inaugurado esta quinta-feira na Rua da Madalena, em Lisboa, com um investimento de 11 milhões de euros e sob o tema da “saia da madalena” e do universo feminino.

O Madalena Beautique Hotel, cuja abertura estava inicialmente prevista para 2019, “é uma nova experiência de hotelaria e uma expansão temática que pode levar a pensar que entramos no auge do universo feminino e do período romântico”, localizado “numa das artérias mais centrais da capital”, disse a directora geral do grupo, Vera Rosado, em declarações à agência Lusa.

“Acreditamos que isto é um investimento inicial muito grande, obviamente, mas queremos também apostar nas localizações dos hotéis e no design”, sublinhou Vera Rosado.

O hotel tem 38 quartos e vai empregar entre 16 e 20 pessoas, na área do alojamento, tal como acontece nos outros dois hotéis que a marca já tem abertos em Lisboa – o The Beautique Hotel WC e o The Beautique Hotel Figueira.

Já a área da restauração é gerida por um parceiro da marca, o The Table Group, do chef Hugo Landeiro.

A The Beautique Hotels é uma marca integrada num grupo português e está posicionada no mercado dos hotéis de charme, segmento superior e temático. A autoria dos projectos é do atelier de design e arquitetura de Nini Andrade Silva.

Em 2019, os dois hotéis da marca tiveram uma taxa de ocupação média anual “entre os 90 e os 98%”, adiantou a directora-geral, e o preço médio por quarto rondou os 120 e os 130 euros.

“Acho que as localizações e os designs distintos ajudam na venda dos hotéis”, defendeu Vera Rosado.

A directora indicou que ingleses, alemães e franceses continuam a ser as nacionalidades que mais predominam entre os hóspedes da marca, contudo há mercados emergentes, como por exemplo, os russos, americanos e canadianos.

Após alguns constrangimentos que atrasaram a abertura do Madalena Beautique Hotel, a inauguração acontece na próxima quinta-feira, 16 de Janeiro, em plena “época baixa” para a hotelaria, numa cerimónia que contará com a presença, entre outros convidados, do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina.

(PressTUR com Agência Lusa)

Ver também:

Beautique Hotels vai abrir mais um hotel na Almirante Reis (Lisboa)

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Câmara do Funchal põe taxa turística em consulta pública

17-01-2020 (11h30)

A Câmara Municipal do Funchal remeteu para consulta pública o regulamento da taxa turística, que prevê a cobrança diária de dois euros por pessoa nas primeiras sete noites de estada no concelho, anunciou o presidente da autarquia.

Cinco emissores atingiram novos máximos anuais de dormidas em 11 meses de 2019

16-01-2020 (16h09)

Turistas residentes nos Estados Unidos, Brasil, Irlanda, Canadá e China atingiram de Janeiro a Novembro de 2019 novos máximos anuais de dormidas no alojamento turístico português, a que se soma também um novo recorde do conjunto "outros", também considerados emergentes.

Hotelaria portuguesa facturou em 11 meses de 2019 mais 84 milhões que em todo o ano de 2018

16-01-2020 (15h44)

Os estabelecimentos de alojamento turístico portugueses superaram pela primeira vez a marca dos 4.000 milhões de euros de receitas num ano turístico, com o montante de 4.070,5 milhões nos 11 meses de Janeiro a Novembro de 2019, segundo a informação divulgada ontem pelo INE.

AHP prevê abertura de 51 novos hotéis em Portugal este ano

16-01-2020 (10h41)

A Associação de Hotelaria de Portugal (AHP) prevê a abertura de 51 novos hotéis e nove remodelações ou reaberturas este ano, registando um abrandamento do registo de intenções face ao ano passado.

Hoteleiros da Madeira são os mais pessimistas sobre este ano, AHP

16-01-2020 (10h05)

Os hoteleiros da Madeira foram os que revelaram as “perspectivas mais negras” para este ano no inquérito realizado pela Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), onde indicaram antecipar ocupação e preço médio inferiores ou iguais a 2019.

Noticias mais lidas