Airbnb entrega 1,74 milhões de euros de taxas turísticas a Lisboa

16-02-2017 (11h49)

O portal de reservas de alojamentos particulares Airbnb recolheu em Lisboa 1,74 milhões de euros de taxas turísticas em nome dos seus anfitriões entre Maio e Dezembro de 2016.

O Airbnb, no âmbito do acordo celebrado com a Câmara Municipal de Lisboa para a recolha da taxa turística de um euro por noite, entregou 1,74 milhões de euros à autarquia nos oito meses entre Maio e Dezembro de 2016.

Lisboa recebe 43,5% do total de hóspedes de alojamento Airbnb em Portugal, sendo a cidade portuguesa que recebe mais hóspedes, com um total de 718 mil em 2016, mais 66% que no ano anterior.

A estada média dos hóspedes de alojamento Airbnb em Lisboa alcançou as 4,1 noites no ano passado.

As unidades de alojamento em Portugal comercializadas no Airbnb receberam 1,65 milhões de hóspedes, mais 84% que em 2015, com uma estada média de 4,3 noites.

O alojamento Airbnb no Porto recebeu no ano passado 293 mil hóspedes, mais 92% que no ano anterior, ficando com 17,8% do total em Portugal, com uma estada média de 3,4 noites.

Dados da plataforma avançados ao PressTUR indicam que em 2016 existiam 13 mil anúncios activos para Lisboa, mais 40% que em 2015, e cinco mil no Porto, mais 65% que no ano anterior.

Os dados divulgados pelo portal indicam que o anfitrião português, com uma idade média de 42 anos, recebe do alojamento que comercializa através do Airbnb cerca de 3.350 euros por ano, com uma média de 39 noites alugadas por ano.

O número de portugueses que utilizaram a Airbnb para viajar, por sua vez, teve um aumento de 120%, para um total de 264 mil pessoas, indica o portal, especificando que são os residentes em Lisboa que mais utilizam a plataforma, com um total 77 mil, seguidos dos residentes no Porto, com 28 mil.

 

Notícia actualizada às 15h30 com dados sobre o número de anúncios activos em Lisboa e no Porto

 

Clique para mais notícias: Airbnb

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

W São Paulo abre em 2021 com assinatura de Nini Andrade Silva

16-10-2018 (14h16)

A Marriott International anunciou que vai abrir o seu primeiro hotel de luxo no Brasil em 2021, o W São Paulo, que terá a assinatura da designer portuguesa Nini Andrade Silva.

Receitas da hotelaria portuguesa crescem há 52 meses... mas abrandamento instala-se

15-10-2018 (17h00)

A hotelaria portuguesa concluiu em Agosto o 52º mês consecutivo de aumento dos proveitos, mas já sem os aumentos a dois dígitos que se sucediam desde o primeiro quadrimestre de 2014, tendo registado em Agosto o aumento mais fraco desde 2013, se excluídos os efeitos de calendário pelas alterações da data da Páscoa.

Dormidas de estrangeiros na hotelaria portuguesa caem há cinco meses consecutivos

15-10-2018 (16h53)

"Dormidas de não residentes mantêm tendência negativa", destacou o INE ao divulgar hoje os dados do turismo no alojamento turístico ‘tradicional', evidenciando assim que a quebra ocorrida em Agosto não foi uma excepção.

Lisboa espera arrecadar 36,5 milhões de euros com taxa turística em 2019

15-10-2018 (15h52)

A Câmara Municipal de Lisboa prevê arrecadar 36,5 milhões de euros com a Taxa Municipal Turística em 2019, mais do dobro do estimado em 2018, que foi de 14,4 milhões, anunciou hoje o vereador das Finanças, João Paulo Saraiva.

Número de turistas britânicos na hotelaria portuguesa cai há 11 meses consecutivos

15-10-2018 (15h21)

O turismo internacional na hotelaria portuguesa caiu mesmo em Agosto, tradicionalmente mês de ‘pico’ da actividade turística, especialmente da parte dos cinco maiores emissores europeus e designadamente do maior de todos, o Reino Unido, que regista quedas de hóspedes e dormidas há 11 meses consecutivos.