Fusão Globalia e Barceló notificada à Concorrência

26-03-2020 (10h17)

A fusão das divisões de viagens dos grupos espanhóis Globalia e Barceló foi notificada à Autoridade da Concorrência (AdC), segundo um aviso publicado.

A “Empresa Comum” a ser constituída pelos grupos Barceló e Globalia, denominada NewCo, vai ser conjuntamente controlada pelas duas empresas e vai incluir as actividades de operador turístico e agência de viagens anteriormente exercidas pelos dois grupos espanhóis.

"Em Portugal, a NewCo incluirá apenas as atividades de operador turístico de ambas as partes e as actividades de agência de viagens e transporte aéreo da Barceló", explica o regulador naquele aviso.

Segundo o aviso, o grupo espanhol turístico Barceló, em Portugal, presta serviços de operador turístico, agência de viagens, hotelaria e transporte aéreo de passageiros através da companhia aérea Orbest.

Quanto à entidade de controlo do grupo turístico espanhol Globalia, está activa nos sectores de serviços de transporte, hotelaria e viagens e, em Portugal, actua através da prestação de serviços de operador turístico, bem como da prestação de serviços hoteleiros e transporte aéreo de passageiros através da companhia aérea Air Europa.

A operação de concentração foi notificada ao regulador há seis dias, em 20 de Março, e publicada na quarta-feira na página de internet da AdC, terminando em 8 de Abril, dez dias úteis após a publicação, o prazo para envio de observações à AdC de interessados nesta operação de concentração.

Em Espanha, a Comissão Nacional de Mercados e Concorrência (CNMC) notificou oficialmente o início do processo de fusão no dia 13 de Março, com a publicação no seu website de uma “criação de joint venture” (clique para ver mais: Fusão Ávoris e Globalia poderá ser aprovada em meados de Abril).

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Barceló / Ávoris

Clique para ver mais: Globalia

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ethiopian Airlines perdeu receitas na ordem dos 504 milhões de euros

08-04-2020 (18h03)

A Ethiopian Airlines, a maior transportadora aérea de África e propriedade do estado etíope, encerrou a maior parte as suas linhas comerciais desde o início da pandemia do novo coronavírus, e perdeu 504 milhões de euros em receitas.

Hotelaria portuguesa prevê quebra de receitas até 1,44 mil milhões de euros em quatro meses

08-04-2020 (17h44)

A hotelaria portuguesa prevê uma quebra de receitas até 1,44 mil milhões de euros de 1 de Março a 30 de Junho devido ao impacto da pandemia do novo coronavírus, anunciou a Associação da Hotelaria de Portugal (AHP).

Estão programados mais três voos charter entre Angola e Portugal

08-04-2020 (17h05)

Há dois voos entre Lisboa e Luanda programados para os dias 13 e 14 de Abril, e um entre Porto e Luanda, no dia 16, com o intuito de trazer cidadãos de regresso a Portugal, devido à pandemia do novo coronavírus.

Albufeira aceitar isentar hotelaria do pagamento de taxas municipais

08-04-2020 (16h24)

A Câmara de Albufeira, que concentra 40% da oferta hoteleira da região, aceitou isentar temporariamente a hotelaria do pagamento de taxas municipais devido à pandemia de covid-19, disse hoje o presidente da maior associação do sector no Algarve.

TAP lança voos para novos destinos em plena pandemia de coronavírus

08-04-2020 (15h51)

Não haverá muitas companhias a lançar novos voos nos tempos de pandemia de coronavírus que o mundo vive, e menos ainda a pô-los à venda desde já, mas é o que a TAP está a fazer e no seu site já tem à venda as linhas Lisboa - Cancun e Ponta Delgada - Toronto.

Noticias mais lidas