Royal Caribbean anuncia plano de renovação de navios e produtos da Silvesea Cruises

01-08-2018 (14h20)

Foto: Silversea Cruises
Foto: Silversea Cruises

A Royal Caribbean concluiu a aquisição de 66,7% da companhia de cruzeiros de luxo Silversea Cruises e anunciou que está a desenvolver um programa de revitalização dos seus navios e produtos.


O PressTUR escreveu incorrectamente Silversea no título desta notícia. Para ler a versão corrigida clique aqui.

 

Ao comunicar a aprovação da compra esta terça-feira, dia 31 de Julho, a Royal Caribbean anunciou que vai desenvolver com a Silversea o Projecto Invictus, “uma iniciativa de vários anos para levar as ofertas de ultra luxo da Silversea para o próximo nível”.

As melhorias previstas no programa “variam entre actualizações de produtos a programas amplos de revitalização de navios”, de acordo com um comunicado.

“A nossa intenção é solidificar a nossa já forte posição de liderança com uma série de actualizações que vão encantar os nossos hóspedes”, disse Roberto Martinoli, CEO da Silversea, citado no comunicado.

O primeiro passo do Projecto Invictus acontecerá com o lançamento do Silver Muse no próximo dia 19 de Agosto, que já terá uma oferta melhorada de champanhe e caviar, que, posteriormente, será implementada em todos os navios da Silversea.

Relativamente a renovação de navios, as empresas indicam que a renovação do navio Silver Whisper, planeada para Dezembro, “será muito mais abrangente do que o inicialmente previsto e incluirá uma reforma parcial de todas as cabinas de hóspedes”.

Além disso, também o navio Silver Wind entrará em doca seca em Dezembro para renovação.

As duas embarcações vão integrar o plano de “Musification” de toda a frota, que, de acordo com o comunicado, irá inspirar-se no projecto do Silver Muse.

A “Musification” dos navios da Silversea ficará completa com a renovação em doca seca do navio Silver Shadow.

A Royal Caribbean comunicou ontem que obteve luz verde dos reguladores para comprar um participação de 66,7% na Silversea Cruises, por cerca de mil milhões de dólares, tendo por base um valor corporativo da companhia de aproximadamente dois mil milhões de dólares.

Manfredi Lefebvre d’Ovidio vai manter o cargo de chairman executivo da Silversea e uma participação de 33,3% na companhia.

Richard D. Fain, presidente e CEO da Royal Caribbean Cruises, citado em comunicado, afirmou que “esta é uma combinação dinamite e mal podemos esperar para trabalhar juntamente com Manfredi, Roberto e toda a equipa para levamos a Silversea para o próximo nível”.

“Esta parceria permite-nos realizar a nossa visão de sermos o líder incontestado em cruzeiros e expedições de luxo, levando os nossos hóspedes a mais de mil destinos a bordo de alguns dos navios mais luxuosos do mundo”, afirmou, por sua vez, Manfredi Lefebvre d’Ovidio.

Além da Silversea, fazém parte do grupo de marcas da Royal Caribbean as companhias Royal Caribbean International, Celebrity Cruises, Azamara Club Cruises, TUI Cruises e Pullmantur Cruceros.

A frota da Royal Caribbean Cruises Ltd. soma assim 59 navios em actividade e 15 encomendados.

 

Ver também:

Royal Caribbean assina acordo para comprar 67% da Silversea Cruises por mil milhões de dólares

 

Clique para ver mais: Cruzeiros

Clique para ver mais: Royal Caribbean

Clique para ver mais: Silversea Cruises

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Springwater abre em Lisboa agência de viagens especializada em cruzeiros

22-01-2019 (17h16)

O grupo Springwater, de que fazem parte a GeoStar e a TopAtlântico, anunciou a inauguração em Lisboa de uma agência de viagens dedicada exclusivamente à venda de cruzeiros, que baptizou Loja de Cruzeiros.

MSC Cruzeiros somou mais 34,2% de passageiros portugueses em 2018

22-01-2019 (13h09)

A MSC Cruzeiros, que reivindica ser a companhia de cruzeiros nº 1 dos portugueses, fechou o ano passado com 29.748 passageiros do mercado português, mais 34,2% ou mais 7.590 que no ano anterior, em que tinha crescido 7,8% face a 2016.

Terminal de actividades marítimo-turísticas de Lisboa deverá estar a funcionar até ao final do ano

21-01-2019 (15h12)

A estação fluvial Sul e Sueste, no Terreiro do Paço, em Lisboa, está a ser alvo de requalificação e deverá estar em funcionamento como terminal de actividades marítimo-turísticas até ao final do ano, cerca de dois anos mais tarde que o previsto inicialmente.

Cruzeiros no Funchal terminaram 2018 com estagnação em baixa

18-01-2019 (16h41)

O Porto do Funchal teve um ligeiro decréscimo do número de passageiros de cruzeiros em 2018, tendo terminado o ano com 537.851, -0,2% ou menos 1.341 que em 2017, mas ainda assim o 4º melhor total anual de sempre.

Alemães, canadianos e brasileiros garantiram recorde de passageiros de cruzeiros em Lisboa em 2018

18-01-2019 (16h37)

O Porto de Lisboa teve em 2018 novos recordes de passageiros de cruzeiros alemães, canadianos e brasileiros, que foram, assim, as três nacionalidades que garantiram à capital um novo recorde anual de cruzeiros e, também, a recuperação da liderança dos portos de cruzeiros portugueses.