MSC Cruzeiros recebeu hoje o MSC Seaview

04-06-2018 (15h16)

A MSC Cruzeiros recebeu hoje nos estaleiros da Fincantieri, em Monfalcone, em Itália, o seu navio MSC Seaview, que tem capacidade para 5.331 passageiros.

“Com o seu design inovador e repleto de espaços públicos ao ar livre, o navio será uma novidade para os hóspedes que pretendem aproveitar ao máximo o sol e o exterior, enquanto desfrutam do mar durante a sua experiência de cruzeiro”, sublinha a companhia de cruzeiros em comunicado.

O MSC Seaview vai fazer cruzeiros no Mediterrâneo na sua temporada inaugural de Verão e na América do Sul na temporada de Inverno.

O MSC Seaview é o segundo navio da Classe Seaside e tal como o seu navio irmão MSC Seaside, “desafia os limites da inovação na construção e no design de navios”, acrescenta a companhia de cruzeiros, salientando que irá receber da sociedade internacional de classificação RINA a distinção “Green Star 3 Design”, que é um “reconhecimento da importância que foi atribuída aos aspectos ambientais durante a sua concepção e construção”.

O MSC Seaview é o terceiro navio a ser construído no âmbito do plano de investimento de 10,5 mil milhões de euros a dez anos da MSC Cruzeiros, do qual já foram inaugurados dois navios dos 12 de próxima geração: o MSC Seaside e o MSC Meraviglia em Novembro e Maio de 2017, respectivamente.

O novo navio partirá hoje ao final da tarde do estaleiro, realizando um cruzeiro de três dias com destino a Génova, Itália, que será o seu homeport, onde chegará no dia 7 de Junho.

A cerimónia de inauguração está programada para 9 de Junho e o cruzeiro inaugural começa no dia seguinte.

Pierfrancesco Vago, chairman executivo da MSC Cruzeiros, citado no comunicado, salientou que “o MSC Seaview disponibilizará mais um novo e inovador produto MSC Cruzeiros ao mercado, caracterizado por um design de última geração e pela mais recente tecnologia marítima e ambiental”.

O novo navio “é um exemplo do nosso compromisso para trazer a melhor e mais inovadora tonelagem ao mercado, e da nossa ambição em definir um novo padrão na indústria”, sublinhou Pierfrancesco Vago.

“A classe Seaside é mais um novo e altamente inovador protótipo que introduzimos - o 5º até hoje, desde que entrámos na indústria de cruzeiros há apenas 15 anos. Para além disso, tenho o orgulho de afirmar que, juntamente com o seu navio irmão MSC Seaside, é o maior navio já construído em Itália”, acrescentou o executivo.

Citado na mesma nota, o CEO da Fincantieri, Giuseppe Bono, recordou que “há apenas seis meses, celebrámos neste mesmo estaleiro a entrega do maior navio já construído em Itália, o MSC Seaside, um protótipo revolucionário. Hoje repetimos esse sucesso com seu navio irmão. Este é um desempenho impressionante, do qual nos sentimos extremamente orgulhosos, realizado graças às aptidões técnicas e capacidades de gestão, que nos tornaram enormes e reconhecidos como tal no mundo, e que nos permitem olhar para o futuro com uma confiança renovada”.

 

Clique para mais notícias: Cruzeiros

Clique para mais notícias: MSC Cruzeiros

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Springwater abre em Lisboa agência de viagens especializada em cruzeiros

22-01-2019 (17h16)

O grupo Springwater, de que fazem parte a GeoStar e a TopAtlântico, anunciou a inauguração em Lisboa de uma agência de viagens dedicada exclusivamente à venda de cruzeiros, que baptizou Loja de Cruzeiros.

MSC Cruzeiros somou mais 34,2% de passageiros portugueses em 2018

22-01-2019 (13h09)

A MSC Cruzeiros, que reivindica ser a companhia de cruzeiros nº 1 dos portugueses, fechou o ano passado com 29.748 passageiros do mercado português, mais 34,2% ou mais 7.590 que no ano anterior, em que tinha crescido 7,8% face a 2016.

Terminal de actividades marítimo-turísticas de Lisboa deverá estar a funcionar até ao final do ano

21-01-2019 (15h12)

A estação fluvial Sul e Sueste, no Terreiro do Paço, em Lisboa, está a ser alvo de requalificação e deverá estar em funcionamento como terminal de actividades marítimo-turísticas até ao final do ano, cerca de dois anos mais tarde que o previsto inicialmente.

Cruzeiros no Funchal terminaram 2018 com estagnação em baixa

18-01-2019 (16h41)

O Porto do Funchal teve um ligeiro decréscimo do número de passageiros de cruzeiros em 2018, tendo terminado o ano com 537.851, -0,2% ou menos 1.341 que em 2017, mas ainda assim o 4º melhor total anual de sempre.

Alemães, canadianos e brasileiros garantiram recorde de passageiros de cruzeiros em Lisboa em 2018

18-01-2019 (16h37)

O Porto de Lisboa teve em 2018 novos recordes de passageiros de cruzeiros alemães, canadianos e brasileiros, que foram, assim, as três nacionalidades que garantiram à capital um novo recorde anual de cruzeiros e, também, a recuperação da liderança dos portos de cruzeiros portugueses.