MSC Cruzeiros abre reservas para o novo MSC Grandiosa

06-03-2018 (14h48)

Imagem: MSC Cruzeiros
Imagem: MSC Cruzeiros

A MSC Cruzeiros já está a vender viagens no MSC Grandiosa, o primeiro navio da geração Meraviglia-Plus. As reservas só estão disponíveis numa primeira fase para membros do programa de fidelização MSC Voyagers Club. Para os restantes clientes, as vendas abrem a 19 de Março.

O MSC Grandiosa faz a sua primeira viagem a 16 de Novembro de 2019 pelo Mediterrâneo Ocidental. As primeiras viagens serão de sete noites com escalas em seis portos, designadamente Génova, Civitavecchia (Roma), Palermo, Valletta, Barcelona e Marselha.

Os membros do MSC Voyagers Club, além do desconto de 5% por serem membros do programa de fidelização, nas reservas efectuadas até 19 de Março têm uma redução adicional de 5%.

Os restantes clientes têm descontos de 5% nas reservas efectuadas até 4 de Setembro de 2018.

O MSC Grandiosa terá “uma promenade ao estilo Mediterrâneo” que terá “uma imensa variedade de lojas e restaurantes de especialidade, bem como um novo lounge e bar, o L’Atelier Bistrot, que vai oferecer um palco e pista de dança, exposição de arte impressionista e ainda um espaço de «terraço» com mesas e cadeiras ao estilo Bistrot parisiense na Promenade”.

A promenade será o palco de várias actuações, incluindo flash mobs e festas temáticas, bem como projecções no tecto em LED.

Outro dos destaques da oferta do MSC Grandiosa é que vai oferecer dois novos espectáculos exclusivos Cirque du Soleil at Sea.

A nível de oferta gastronómica, os viajantes terão à escolha “pelo menos 12 restaurantes diferentes, que podem ir de restaurantes de especialidade a buffets que servem as habituais delícias acabadas de confeccionar”.

O MSC Grandiosa terá também um MSC Yacht Club que pretende “oferecer a mais exclusiva experiência de cruzeiro com uma estadia absolutamente luxuosa mediante o conceito de um navio dentro de outro navio, tal como o Top Sail lounge, a One Pool Deck e o restaurante e serviço exclusivo”.

O navio integra ainda o programa de inovação digital MSC for Me, onde os passageiros podem aceder a informações sobre atracções do navio e excursões, entre outras funcionalidades.

O MSC Grandiosa, além da vasta oferta, “foi concebido para todas as estações e está habilitado a aceder à maioria dos portos de cruzeiros do mundo”, salientou Gianni Onorato, CEO da MSC Cruises, citado em comunicado.

 

Clique para mais notícias: Cruzeiros

Clique para mais notícias: MSC Cruzeiros

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

MSC Cruzeiros prevê ter este ano “o maior crescimento que tivemos até hoje” – Eduardo Cabrita

12-10-2018 (16h29)

O director-geral da MSC Cruzeiros em Portugal, Eduardo Cabrita, espera atingir este ano “o maior crescimento que tivemos até hoje” em volume de passageiros face ao ano anterior, numa variação “provavelmente” acima de 20%.

MSC já vende cruzeiro inaugural do MSC Grandiosa que tem escala em Lisboa

10-10-2018 (18h59)

A MSC Cruzeiros anunciou hoje o início das vendas do cruzeiro inaugural do novo MSC Grandiosa, entre Hamburgo, Alemanha, e Génova, Itália, e de que Lisboa é uma das escalas, até dia 21 em exclusivo para membros MSC Voyagers Club e depois de dia 22 para o público.

MSC Cruzeiros promove Pedro Vasco a director Comercial e contrata Isa Vitória

09-10-2018 (16h37)

A MSC Cruzeiros anunciou hoje ter reorganizado o seu departamento Comercial em Portugal, incluindo a promoção de Pedro Vasco a director, a contratação de Isa Vitória, que ficará com a Zona Sul e Açores, e a atribuição da Zona Norte e da Madeira a Sílvia Oliveira.

Navio de cruzeiros Costa Fortuna volta a navegar no Mediterrâneo após renovação

08-10-2018 (15h07)

A Costa Cruzeiros anunciou que vai investir oito milhões de euros na renovação do Costa Fortuna, que está actualmente na Ásia e que vai voltar a fazer itinerários no Mediterrâneo a partir de Março de 2019.

Silversea Cruises encomenda três novos navios

08-10-2018 (14h20)

A Royal Caribbean e a Silversea Cruises anunciaram hoje a assinatura de acordos para a construção de três novos navios de cruzeiros para a Silversea.