Costa Rica e Myanmar são novidades na programação da Star Clippers em 2010 (corr.)

04-09-2009 (11h16)

A companhia de cruzeiros Star Clippers, comercializada em Portugal pelo Clube de Cruzeiros e pela James Rawes, tem como novidade para 2010, a estreia de cruzeiros na Costa Rica e em Myanmar (antiga Birmânia) e em 40 portos em todo o mundo. Lisboa vai ser ponto de partida para um transatlântico.

Em 2010 a companhia vai reposicionar o veleiro Star Flyer no Mediterrâneo no Verão onde vai fazer itinerários de sete noites Monte Carlo e Cannes, com escalas em diversos portos em França e Itália como St. Tropez, Portofino, Bonifácio, Portoferraio ou Elba, com estreias em Sanary-sur-Mer em França e Lerici em Itália.

Em Julho e Agosto o veleiro desloca-se para leste para uma série de cruzeiros de sete noites em Rodes em que os novos itinerários passam pela Grécia e pela Turquia. Quase todos os portos destes cruzeiros são estreias para o Star Flyer, designadamente Olympus, Antalya,kemer, Kekova, Fethiye, Gocek e Marmaris, na Turquia, Kastellorizon e Simi na Grécia. Nos cruzeiros de 14 noites entre Mona e Rodes, os portos de estreia são Amorgos e Elafonisos, na Grécia.

Em Outubro o navio atravessa novamente o Atlântico e faz um cruzeiro de 14 noites no canal do Panamá, de Barbados para Balboa (Panamá) que inclui estreias nos portos venezuelanos de Bonaire, Porlamar e Blanquilla.

No mês seguinte o Star Flyer fará dois itinerários de sete noites de ida e volta de Puerto Caldera em Porto Rico marcando a estreia da companhia na região, com escalas em San Juan del Sur, Nicarágua, Parque Natural de Santa Rosa, Reserva da Natureza em Curu, Samara, Puerto Carrillo e ilhas Tortugas na Costa Rica. O segundo itinerário tem escalas na ilha Coíba no Panamá, Golfito, ilha del Cano, baía de Drake, Quepos e ilhas Tortugas na Costa Rica.

O veleiro Star Clipper, por sua vez, regressa ao Mediterrâneo em Maio de 2010 para fazer cruzeiros de sete noites de ida e volta de Atenas com estreias nos portos de Milos e Tinos, na Grécia. O navio fará também cruzeiros de dez e 11 noites entre Veneza e Atenas.

No Inverno o Star Clipper vai para o oriente longínquo para fazer dois itinerários entre Singapura e Phuket na Tailândia, dois itinerários de sete noites de ida e volta a Phuket e um terceiro que inclui cinco escalas em estreia no arquipélago de Mergui, em Myanmar, designadamente em Bo Cho, Ko Phawt, Nyaung, Shark Island e Great Swinton Island.

O terceiro e maior veleiro da companhia, o Royal Clipper vai, em Abril de 2010, fazer um cruzeiro de 12 noites à partida de Málaga, para Civitavecchia, fazendo uma escala de estreia em Puerto Banus, em Espanha.

Na cidade italiana inicia uma série de cruzeiros de sete noites Roma-Roma e de dez e 11 noites entre Veneza e Civitavechia com escalas em Itália, Croácia, Grécia e Montenegro.

A travessia do Atlântico do Royal Clipper será feita em Outubro com um cruzeiro de 16 noites com início em Lisboa e fim em Barbados que oferece uma escala nova em Essauira, Marrocos. Em Barbados fará cruzeiros de sete noites durante o Inverno e Primavera, com passagens em St. Lúcia, St. Vincent, Martinica, Granada, Bequia e Dominica.

Todos os cruzeiros já estão em comercialização e uma nota da companhia cita Mikael Krafft, dono e presidente, que diz que “dadas as actuais condições de mercado, o objectivo é refrescar os itinerários para que tanto os clientes frequentes como os novos tenham razões para escolher a Star Clippers”.

 

Star Clippers

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Springwater abre em Lisboa agência de viagens especializada em cruzeiros

22-01-2019 (17h16)

O grupo Springwater, de que fazem parte a GeoStar e a TopAtlântico, anunciou a inauguração em Lisboa de uma agência de viagens dedicada exclusivamente à venda de cruzeiros, que baptizou Loja de Cruzeiros.

MSC Cruzeiros somou mais 34,2% de passageiros portugueses em 2018

22-01-2019 (13h09)

A MSC Cruzeiros, que reivindica ser a companhia de cruzeiros nº 1 dos portugueses, fechou o ano passado com 29.748 passageiros do mercado português, mais 34,2% ou mais 7.590 que no ano anterior, em que tinha crescido 7,8% face a 2016.

Terminal de actividades marítimo-turísticas de Lisboa deverá estar a funcionar até ao final do ano

21-01-2019 (15h12)

A estação fluvial Sul e Sueste, no Terreiro do Paço, em Lisboa, está a ser alvo de requalificação e deverá estar em funcionamento como terminal de actividades marítimo-turísticas até ao final do ano, cerca de dois anos mais tarde que o previsto inicialmente.

Cruzeiros no Funchal terminaram 2018 com estagnação em baixa

18-01-2019 (16h41)

O Porto do Funchal teve um ligeiro decréscimo do número de passageiros de cruzeiros em 2018, tendo terminado o ano com 537.851, -0,2% ou menos 1.341 que em 2017, mas ainda assim o 4º melhor total anual de sempre.

Alemães, canadianos e brasileiros garantiram recorde de passageiros de cruzeiros em Lisboa em 2018

18-01-2019 (16h37)

O Porto de Lisboa teve em 2018 novos recordes de passageiros de cruzeiros alemães, canadianos e brasileiros, que foram, assim, as três nacionalidades que garantiram à capital um novo recorde anual de cruzeiros e, também, a recuperação da liderança dos portos de cruzeiros portugueses.