Costa Cruzeiros restringe acesso a pessoas que tenham estado recentemente na China

03-02-2020 (13h27)

Imagem: Costa Cruzeiros
Imagem: Costa Cruzeiros

A empresa de cruzeiros Costa Cruzeiros está a restringir o acesso a passageiros, visitantes ou tripulantes que tenham passado pela China continental nos últimos 14 dias.

Neil Palomba, presidente da Costa Cruzeiros, citado em comunicado, garante que a empresa mantém contacto com autoridades sanitárias internacionais e locais. "As nossas equipas médicas a bordo também são actualizadas de forma contínua pelo departamento central de serviços médicos" de forma a garantir que serviços e procedimentos de "prevenção normal e extraordinária sejam implementados a bordo", concluiu.

A Costa Cruzeiros já tinha implementado medidas de prevenção no embarque, com o preenchimento de um formulário médico e exames sanitários pela equipa médica a bordo.

Clique para ver mais: Cruzeiros

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Cruzeiros na Madeira começam 2020 com recorde de passageiros por ‘explosão’ dos turnaround

12-02-2020 (11h57)

O porto de cruzeiros do Funchal teve este ano o maior número de passageiros de sempre para um mês de Janeiro, pelo aumento em mais de 700% do número de turnaround, ou seja, de passageiros que ali iniciaram ou terminaram cruzeiros.

Pullmantur Cruzeiros adopta protocolos especiais de saúde

07-02-2020 (14h17)

A Pullmantur Cruzeiros, representada em Portugal pela Melair, está a adoptar protocolos especiais em resposta ao surto do Coronavirus, que incluem a realização de exames médicos, cancelamento de reservas, e recusas de embarque.

“Somos líderes de mercado pelo sétimo ano consecutivo em Portugal”, MSC Cruzeiros

07-02-2020 (12h30)

A MSC Cruzeiros em Portugal fechou o ano passado com 35.901 passageiros, mais 20,7% que no ano anterior, mantendo a liderança no mercado português “pelo sétimo ano consecutivo”, afirmou Eduardo Cabrita, director da companhia em Portugal.

MSC Cruzeiros adopta medidas de prevenção em todos os navios

05-02-2020 (16h37)

A MSC Cruzeiros está a tomar medidas de precaução para a saúde pública devido ao surto do Coronavirus, impedindo o embarque a pessoas que tenham estado na China nos últimos 30 dias, realizando exames médicos, e tomando medidas de higienização a bordo.

Royal Caribbean adopta medidas de prevenção e cancela oito partidas na China

05-02-2020 (12h24)

O grupo Royal Caribbean Cruises, representado em Portugal pela Melair Cruzeiros, adoptou medidas de prevenção do Coronavirus e cancelou oito partidas, até 4 de Março, do Spectrum of the Seas, o único navio da companhia com embarque na China.

Noticias mais lidas