Boeing suspende entregas de aviões 737 MAX mas produção continua

15-03-2019 (10h13)

O fabricante norte-americano Boeing suspendeu a entrega de aeronaves 737 MAX, modelo do avião que caiu na Etiópia no Domingo, mas garantiu que a produção continua.

“Suspendemos as entregas do 737 MAX até encontrarmos uma solução”, disse um porta-voz da Boeing.

O porta-voz da empresa descartou a possibilidade de reduzir o ritmo de produção ou fechar temporariamente as fábricas.

“Estamos a avaliar as nossas capacidades e vamos ver onde é que os aviões que saem da linha de montagem vão ser armazenados”, referiu.

A Boeing produz actualmente 52 aviões MAX por mês e tinha previsto aumentar para 57 em Junho.

A queda do avião da Ethiopian Airlines, que tinha como destino Nairobi, capital do Quénia, ocorreu minutos depois de ter descolado, e provocou a morte aos 157 ocupantes da aeronave.

Em Outubro do ano passado, um Boeing 737 MAX 8 da companhia Lion Air despenhou-se na Indonésia, 12 minutos após a descolagem, segundo uma das caixas negras devido a falha no sistema automático, causando 189 mortos.

Dois dias depois do acidente na Etiópia, a Agência Europeia de Segurança Aérea (EASA) proibiu o modelo 737 MAX 8 e 9 de operar no continente europeu (clique para ler: Agência de Segurança Aérea Europeia interdita voos dos B737 MAX 8 e 9 na Europa).

As duas caixas negras do avião Boeing 737 MAX 8 da Ethiopian Airlines serão analisadas em França, indicou o organismo francês de Investigação de Acidentes Aéreos.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Boeing

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Alto Minho investe cerca de 350 mil euros em projecto de turismo náutico

22-05-2019 (11h25)

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Minho vai investir cerca de 350 mil euros num projecto turístico para rentabilizar as potencialidades do território para desportos náuticos, envolvendo mais de 30 empresas da região.

Voos durante a madrugada serão permitidos em Lisboa e Porto na final da Liga das Nações da UEFA

21-05-2019 (17h38)

A operação nos aeroportos Humberto Delgado, em Lisboa, e Francisco Sá Carneiro, no Porto, será permitida durante a madrugada, entre 4 e 10 de Junho, no âmbito da fase final da Liga das Nações da UEFA, que decorre em Portugal.

Aeroporto de Lisboa reforça meios para responder ao aumento do tráfego no Verão

21-05-2019 (17h32)

O aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, terá reforçados os meios de segurança, processamento de bagagens e automatização, entre outras medidas, para responder ao aumento de tráfego previsto para o Verão, anunciou hoje o Ministério das Infraestruturas e Habitação (MIH).

RIU abre dois hotéis em “duas ilhas paradisíacas” nas Maldivas

21-05-2019 (17h21)

A RIU Hotels & Resorts tornou-se a primeira cadeia hoteleira espanhola a entrar nas Maldivas ao inaugurar dois hotéis em “duas ilhas paradisíacas”, unidas por um passadiço sobre a água, com 800 metros de comprimento.

NAU Salgados Dunas Suites reabre com quartos e suites remodelados

21-05-2019 (15h56)

O hotel de 5-estrelas NAU Salgados Dunas Suites, situado na Herdade dos Salgados, em Albufeira, já reabriu após a renovação dos seus 151 quartos e suites, em que o grupo hoteleiro investiu mais de um milhão de euros.